História This Is Love - Capítulo 10


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jungkook, Suga, V
Exibições 52
Palavras 1.471
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Escolar, Hentai, Romance e Novela
Avisos: Heterossexualidade, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


2ne1 volta
POR FAVOR
EU TO MORRENDO SEMVCS AAAAA

Capítulo 10 - Ciúmes? (parte 2)


P.O.V Isa

-Gente, eu encontro vocês amanhã. -Acenei pros meninos enquanto seguia o rumo pra casa do Jungkook.

-Mas pra onde você vai? Vamos almoçar no Nando's. -Taehyung falou sorridente e Jimin revirou os olhos.

-Vou resolver umas coisas. -Falei.

-Correção, ela vai ver o Jungkook. -Hoseok falou recebendo um olhar mortal de Suga. -O que foi?

-Cala a boca Hoseok. -Suga bateu sua mão em sua própria testa e eu ri.

-Até amanhã meninos. -Beijei a bochecha de cada um e me afastei deles indo em direção a casa de Jungkook. Toquei a companhia e ele atendeu com uma cara mal-humorada.

-O que tu quer aqui? -Ele perguntou e eu estranhei seu mal humor.

-Queria saber por que fugiu da escola mocinho. -Coloquei as mãos na cintura e sorri tentando fazer Jungkook sorrir, porém sua cara não mudava.

-Não te interessa. -Quando ele ia fechar a porta, eu o impedi com minha mão.

-O que você tem? Por que está sendo grosso? -Perguntei entrando na sua casa e Jungkook se afastou de mim.

-Por que não vai ficar com o Jimin hein? -Ele falou me deixando confusa.

-Como?

-Ah qual é, eu vi vocês dois rindo e abraçados no campo de futebol. -Ele me olhou com os olhos mais escuros que o normal. -Ou vai dizer que é mentira? 

-Você v-viu? -Gaguejei.

-Sim, quer dizer alguma coisa antes de eu te expulsar da minha casa? -Ele falou se aproximando da porta e a abrindo. -Não? Então saia!

-Não Kookie, espera...você está com ciúmes? -Perguntei sorrindo e quando ia me aproximar para cutucar sua bochecha ele recuou. 

-Jeon Jungkook não tem ciúmes de ninguém.- Ele falou e eu rir.

-Ah não? -Me aproximei dele e comecei a cutucar sua bochecha, mania que eu sempre vou ter. 

-Para! -Ele falou grosso.

-Não. -Falei e cutuquei ainda mais forte.

-Ai, tá machucando sua idiota. -Afastei meu dedo da sua bochecha e cruzei meus braços.

-Idiota é você. -Falei dando língua pra ele.

-Que infantilidade. -Ele falou revirando os olhos e eu bufei.

-Cala a boca Jungkook. 

-Nós não estávamos brigando? -Ele apontou para nós dois e eu ri.

-Estávamos mas só depende de você para pararmos de brigar. -Fiz biquinho e me aproximei dele. -Jimin é só meu amigo, Kookie. -Continuei a cutucar sua bochecha e o mesmo bufou.

-Tudo bem coisa chata. -Ele sorriu e eu o abracei.

-Obrigada obrigada obrigada. -Comecei a dar milhões de selinhos nele.

-Retardada.

-Idiota. -Ajeitei a alça da minha mochila que caia dos meus ombros e joguei minha franja pra trás. -Tenho que ir Kookie, até mais tarde. -Murmurei passando sobre ele mas o mesmo me segurou pelo braço.

-Quer que eu te leve? 

-Não precisa. -Sorri. -Depois conversamos. 

-Tá bom, cuidado na rua hein. -Ele falou risonho.

-Como se eu não soubesse me cuidar.

-Vai que não sabe.

-Cala a boca Jungkook. -Eu falei e ele riu. -Agora é serio, Tchau. -Beijei sua bochecha.

-Tchau Isa. -Ele me deu um longo selinho e eu me afastei dele. Comecei a caminhar tranquilamente pelas ruas mal acreditando que Jungkook teria ficado com ciúmes de mim e do Jimin. Cheguei na minha casa viva, minha irmã novamente estava se preparando para sair enquanto eu esquentava o almoço.

-Vou sair novamente. -Ela falou naturalmente ajeitando seu short jeans muito curto mesmo.

-E..? 

-Você tem que fazer compras no supermercado. -Ela falou jogando uma bolsa de couro da mamãe nos ombros.

-Isso não é obrigação minha. -Respondi.

-Não, mas é minha...portanto é tu que faz. -Ela falou.

-Se é sua obrigação por que tenho que fazer? -Perguntei revirando os olhos e prendi meus cabelos em um coque frouxo.

-Porque sim, agora tenho que ir baby. -Ela jogou uns beijinhos pra mim e saiu. É muito idiota mesmo né? Daqui a pouco aparece grávida novamente. Senti meu celular vibrar no bolso da calça jeans e com todo o cuidado o tirei de lá.

" To entediado...vamos sair? Xx.Jungkook"

"Pra onde? Xx.Bella"

Consegui terminar de esquentar a comida e comecei a comer ignorando meu celular vibrando. Terminei de comer e lavei as louças. Sentei no sofá da sala e liguei a televisão.

"Sei lá, que tal irmos no novo parque de diversões? Já foi lá? Xx.Jungkook"

"Não dá, tenho que ir no supermercado. Xx.Bella"

"Eu vou contigo, te pego as 14:00. Xx.Jungkook"

Olhei as horas no meu celular e percebi que já era 13:45. Por que Jungkook tem essa mania de me avisar sempre em cima da hora? Acho que ele ainda não percebeu que eu demoro muito para me arrumar.

Corri imediatamente para o meu banho gelado. Vesti uma roupa básica e escovei meus cabelos. Fiz uma maquiagem bem básica para esconder as olheiras que no momento eram assustadoras, coloquei meu celular no bolso do short e me olhei no espelho pela última vez. Ouvi a buzina da moto de Jungkook, peguei o dinheiro embaixo do jarro de flores e sai de casa. Jungkook me deu um selinho rápido e me entregou o capacete rosado. O coloquei e montei na sua moto apertando com força a sua cintura. 

Chegamos no supermercado. Jungkook pendurou os dois capacetes na moto e entrelaçou nossas mãos. Entramos dentro do supermercado, peguei a lista que minha mãe deixou no balcão e li o primeiro item.

-Ovos. -Murmurei e encarei Jungkook que olhava descaradamente para uma loira alta, só pra constar, loira falsificada. -JEON JUNGKOOK. -Dei um tapa em seu braço e ele saiu do transe me olhando.

-Oi Isa? -Ele perguntou dando um sorriso torto.

-Retardado. -Soltei nossas mãos e caminhei sozinha até o corredor que tinha os ovos. Peguei uma caixa e coloquei com todo cuidado dentro do carrinho. -SAI DAQUI. -Gritei ao ver os braços de Jungkook rodeando minha cintura.

-O que foi pequena? -Ele sussurrou.

-Seu idiota, vai pro inferno. -Disse e ele riu.

-Nossa, você fica sempre assim com ciúmes? -Ele disse ainda rindo.

-Cala a boca Jungkook. -Continuei a empurrar o carrinho ignorando a dificuldade de andar por causa do Jeon. -Se afasta de mim. -Virei para encarar o mesmo e ele tinha um sorriso divertido no rosto.

-Você fica tão linda brava. -Ele falou ainda rindo.

-Cala a boca Jungkook e não grude mais em mim. -Voltei a empurrar o carrinho mas logo senti os braços de Jungkook novamente. -Para! -Dei um tapa em sua mão e o mesmo riu.

-Desculpa, prometo nunca mais olhar pra uma loira. -Ele disse encarando outra loira na fileira de chocolate, tomara que ela vire uma baleia.

-TOMARA QUE VOCÊ VIRE UMA BALEIA. -Berrei pra loira da fileira que nem se quer respondeu. -E QUE TENHA AIDS. -Respondi e continuei a empurrar o carrinho enquanto Jungkook gargalhava.

-Você é bem nervosinha hein. -Jungkook comentou ainda rindo.

-Cala a boca. -Respondi seca o fazendo rir mais ainda.

*

Depois que EU terminei de fazer as compras pois Jungkook só ficava encarando as mulheres, fui ao caixa para pagar as compras, felizmente eu peguei um caixa com um menino lindo empacotando as compras.

-Oi moça bonita. -Ele puxou conversa assim que eu paguei as compras.

-Olá. -Respondi com um sorriso e logo senti dois braços me rodearem.

-Essa aqui já tem dono. - Jungkook falou grosso olhando pro rapaz que engoliu seco e continuou a empacotar. Jungkook colocou o troco no bolso do meu short e tomou as sacolas da mão do rapaz. -Por que estava falando com ele? -Ele perguntou assim que terminou de pendurar as sacolas na moto e montar em cima delas.

-Por que estava paqueirando as loiras? -Perguntei tomando o meu capacete de sua mão e o colocando.

-Ciúmes Isabella? -Ele perguntou convencido.

-Ciúmes de você Jeon? Me poupe. -Montei na sua moto e coloquei a mão em seu ombro.

-Segure-se direito Isa. -Jungkook falou antes de dar partida na moto.

-Não. -Respondi enquanto abraçava a cintura do Jungkook.

-Obrigado. -Ele respondeu e acelerou a moto. Cheguei na minha casa e guardei as compras na cozinha enquanto Jungkook me esperava na porta. -Ainda não acabou? -Ele perguntou risonho.

-Cala a boca. -Peguei as chaves de casa e fechei a casa. -Você vai buscar a sua irmã de moto?

-Não, deixo a moto lá em casa e vamos a pé. -Ele respondeu entrelaçando nossas mãos até a moto. -Me desculpa.

-Tá. -Respondi prendendo riso.

-Isa, para com isso. -Ele começou a cutucar minha bochecha e eu segurei sua mão.

-Isso só é bonitinho comigo, então pode parar. -Jungkook montou em sua moto e me entregou o capacete. Montei na mesma e o abracei pela cintura. 

-Ciumenta. -Jungkook disse antes de dar partida na moto.

-Cala a boca. -Murmurei e apertei sua cintura. Descansei minha cabeça em suas costas enquanto Jungkook acelerava devagar sua moto, estou começando a ter a sensação que estou mudando o Jungkook...será que eu vou conseguir fazer ele amar novamente? 


Notas Finais


eu acho que tô ficando viciada em postar
socorro


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...