História This is My fault... - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Exibições 4
Palavras 1.143
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Famí­lia, Fantasia, Ficção, Luta, Mistério, Romance e Novela, Terror e Horror, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Mutilação, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Oi, sou Mosaiko-kun (ou Mosaico-kun) e essa é a minha primeira fanfic, ela contém fotos reais nas capas, mas sua história é em anime, esta Fanfic e narrada pela protagonista. E tudo que há na Fanfic é sua mente quem fará, então abra-a e boa leitura, hehe!



Ps: Todos os personagens são fictícios, qualquer semelhança a personagens de outros animes, ou pessoas reais, é mera coincidência.

Capítulo 1 - "A viagem"


Fanfic / Fanfiction This is My fault... - Capítulo 1 - "A viagem"

Havia amanhecido, e assim que eu me levantei, já coloquei minhas pantufinhas de coelinho, pra dar aquele abraço apertado nos meus pais, eu saio correndo, de pijama, para dar aquele beijo diário nas bochechas de Jaile, minha madrasta. Quando cheguei lá, Jaile estava cortando as cebolas para o café, na sua velha tábua de cortar, em quanto meu pai estava no banheiro, fazendo a barba.

Sempre fui uma filha doce e esforçada, eu acho hehe... então, mesmo minha madrasta não sendo minha mãe de verdade, eu trato ela como se fosse, então, já dei um beijo nas bochechinhas dela, e corri para fazer o mesmo no meu pai.

Depois que ele já havia usado o banheiro, eu comecei a escovar meus dentes, já com a toalha em mãos, pronta para tomar meu banho. Depois, entrei de baixo do chuveiro, e passei meu shampoo de camomila, eu adoro esse cheirinho de planta... No começo, achei que minha madrasta tinha comprado pra me envenenar, sempre é assim hehe... Depois, eu vi que ela comprou, por que queria me ajudar, já que meu cabelo era extremamente seco, e aquele shampoo hidrata ele em dobro! Depois de me ensaboar, e tirar o shampoo e o condicionador, eu me enxaguei, desliguei o chuveiro e peguei minha toalha, assim, saindo do box e indo de toalha até o meu quarto.

Quando passava pelo corredor, correndo, como sempre, não gosto que nem meu pai nem minha madrasta não vejam até minhas pernas Hehe... Eu acho vergonhoso... Eu percebi alguém na porta.. Meus pais estavam falando com ele, era um homem alto, com barba, elegante jaleco e tudo mais... Ele parecia desviar o olhar pra mim, só vendo meu pescoço, já que estava com o resto do corpo coberto com a parede. (Tipo, escondendo meu corpo na parede, não arranquei um pedaço da parede e usei como toalha '-')

Depois que ele desviou o olhar, eu sai correndo, corada, com vergonha dele ter visto algo meu... Depois, entrei no meu quarto e comecei a vestir minhas roupas:

Uma blusa escrita "Love me, Love you " e uma legging, básica com tênis all star de cano alto, preto. (Seu all star azul, combina com o meu preto de cano alto 8), pipi voltando)

Depois, ajeitei os cadernos dentro da mochila jeans, e sai correndo, com medo de me atrasar, eu sai com uma torrada na boca também, hehe...

No meio do caminho, minha melhor amiga (Halley) me surpreende, correndo ao meu lado, eu me surpreendi, porque, ela não costuma se atrasar, além disso, ela não estava de mochila, então resolvi perguntar...

- Porque você está atrasada? E está sem a mochila Hall?

Ela me respondeu, rindo um pouco.

- Porque está indo à escola?

Então, eu confusa, não respondi.

-...

Ela, riu mais e disse:

- Em um sábado?

Eu deixei os olhos arregalados.

- SÁBADO??

Halley: - Sim, vai me dizer que não sabia?

Eu: - Se eu soubesse, acha que estaria aqui nesse calor?

Halley: - Humm... Faz sentido, faz sentido... Escuta!

Eu e ela paramos, no meio da calçada e começamos  a conversar.

Eu: o que foi?

Halley: Vamos sair com o pessoal hoje, o Mian vai estar lá!

Eu: O-o M-m-mian?
             Halley: Hehehhee!!!

Eu: T-ta rindo DO QUE?

Halley: Sempre soube que era Tsudere, Lind!

Eu: Tsudere teu rabo.

Halley começou a rir muito, algo me diz que era da minha cara.

Halley: Snif* Snif* vamos logo boba!

Nós começamos a caminhar, lá estavam Mian, Lucas, Kohi e Lya, nos aproximamos, e Lya começou a olhar estranho pra mim.

Lya sempre costumava dizer que se ficarmos com eles, em um passeio por exemplo, não ia faltar par pra ninguém...

Lya: Finalmente! Chegaram hihi.

Mian: E ai, Lind!

=P (Pensamento) Lind On=

Ahahaaa, vou surtar, ele me deu oi, e me chamou de Lind! Só coloque um A ai que caso com você!!!

=P Lind OFF=

Eu: o-oi...

Lya e Halley se entre olharam, algo me dizia que elas estavam tramando algo... Bom, nem prestei muita atenção, eu me sentei ao lado de halley, que estava ao lado de Mian, halley saiu do meu lado e foi para o outro, pra que eu possa ficar ao lado de main, admito que eu corei bastante...

Depois de comermos muitos Snacks, e ficarmos contando piadas, meu celular começou a tocar, não era nem minha madrasta... nem meu pai, que eu esperava me ligar, era meu tio... Eu curiosa atendi hehe...

Eu: Alô tio?

=Cel Tio=  Oi... s-o-obrinha.

Meu tio parecia soluçar um pouco.

Eu: t-tio Você está chorando?

=cel tio= N-não... Bom, preciso te contar algo...

Meu tio me contou, que meus pais estavam preocupados comigo, e sairam de carro à minha busca e morreram em um acidente..... Eu... Chorei... tanto...

Eu: N-NÃO...

Podia sentir minha alma se esvaziar e meu mundo cair... De repente, notei que já estava no chão, com o telefone na mão, sorte que não quebrou, isso seria a gota D'água.

Meus amigos foram correndo me socorrer, e de repente, podia sentir ocoar perguntar filosóficas e dos meus amigos...

Eram coisas do tipo "VOcê está bem?" "O que houve??" "Quem morreu?"

Até que saiu sem querer da boca de Lya, (eu acho)

Lya: Quem morreu?
Eu: meus pais...

Lya: "CÊ" Ta falando sério???

Eu: Sim.

Halley: meu deus... O clima na sua casa deve estar pesado...

Mian: Verdade, pode ficar na minha casa se quiser, tem cama de sobra.

Lucas: Minha casa também te...

Halley: CALA A BOCA! Q-quer dizer... Fica quietinho, já temos um voluntário.

=P Lind On=

OQUE? mEU CRUSH VAI DEIXAR EU DORMIR NA CASA DELE? ISSO É UM PESADELO OU UM SONHO??? DOS DEUSES|???

=P Lind OFF=

Eu: É... Deve mesmo... acho que aceito Mian.

=P Halley ON=

Grarça deus samiga minha vai desencalhar, quero que durmam na mesma cama. Vou roubar uma delas pra garantir o lepo-lepo.

=P Halley ON=

Depois que eu fui dormir na casa de Mian, o menino que eu sou apaixonada...( tenho que admitir, QUERO LAVAR ROUPA NAQUELE TANQUINHO!!) Depois, quando acordei, estava cercada por Ets adolescentes semelhantes aos meus... Esquece, eram meus amigos, só que pareciam Ets com meus olhos cheios de remela, eu pulei da cama e fui ao banheiro, ignorando totalmente eles.

Depois que sai, estava com a cara limpa, e o banho tomado já, eles estavam sentados na cama, e pareciam querer me contar uma coisa, estavam todos muito animados.

Eu: que foi? Eu hein...

Lya: VAMOS ACAMPAR?

Eu: HEIN?

Kohi: É assim, Lindsay, nós estamos pensando, que tal acamparmos nessas férias para descontrair do ocorrido na noite passada?
Lucas: finalmente o calado abriu a boca.

Kohi: Foda-se.

Lya: Certo, certo vamos ouvir a Lind.

Eu: tá...

Depois, de aceitar, pegamos nossas bagagens, água, barracas, roupas, esqueiro, etc... suficiente para sobreviver em uma floresta durante 3 Meses.

Assim que subimos no onibûs...

CONTINUA :3

 


Notas Finais


Gente, foi mal por qualquer erro de ortografia que eu apresentei no texto.
Já que é minha primeira fanfic... Então...

Ps: Comentem se querem mais! Bj :*


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...