História Threesomes - Capítulo 15


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Hinata Hyuuga, Naruto Uzumaki, Sasuke Uchiha
Tags Colegial, Hentai, Naruhina, Naruhinasasu, Naruto, Romance, Sasuhina, Sasuhinanaru, Sexo A Três
Exibições 155
Palavras 2.974
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Ficção, Hentai, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Suspense, Universo Alternativo
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Será que já começou a nossa tão aguardada festa?
Veremos a seguir e o título só fara sentido mais ao final, haha.
LEIAM AS NOTAS FINAIS!

Capítulo 15 - Expor.


THREESOMES.

∙ ∙ ∙ ∙ ∙ ∙ ∙ ∙ ∙ ∙ ∙ ∙ ∙ ∙ ∙ ∙ ∙ ∙

∙∙∙ Expor.

Narrador.

– E aí o que acharam?

Hinata abriu as cortinas toda sorridente do trocador improvisado, estava deslumbrante com sua fantasia de Mulher Maravilha que valorizava cada curva do seu corpo deixando os seus seios fartos ainda mais bonitos e sua coxas torneadas dignas de muitos olhares na minissaia, ganhando cinco centímetros de altura devido à bota vermelha de cano longo que ia até abaixo dos joelhos, tão poderosa e segura de si, fazendo poses dando socos no ar, giros e outras bobagens saltitantes como uma criança no primeiro dia de aula empolgada com tudo arrancando alguns risos dos meninos.

– Nenhuma fantasia combinaria melhor com você – “Ela é inteiramente maravilhosa” o loiro pensava consigo mesmo lançando um olhar apaixonado para a sua amada, aproximou-se selando os lábios dela com os dele de maneira apaixonada e carinhosa ele a envolvia em um beijo ardente pressionando a morena contra seu corpo sentido os seus seios deliciosos, não resistindo deu um tapa forte na bunda da morena fazendo-a corar, ela mordeu seu lábio puxando-o para si dando um chupão. – Isso doeu, hein.

Ele disse com um sorriso no rosto, beijando-a na ponta nariz.

– Que bom – ela disse soltando um riso deixando loiro fascinado, seus dentes perfeitamente alinhados pareciam reluzir, ela era como o sol para ele iluminando toda sua vida, a morena se voltou ao Sasuke que terminava de ajeitar a fantasia, revirou os olhos e cruzou os braços. – Pensei que nós iríamos combinando? Eu escolhi convenientemente a fantasia no meio de todas aquelas – apontou para a arara com inúmeras opções para os três – para isso, que nós fôssemos um time. – Ela ergueu o braço para o alto e colocou a mão livre na cintura, numa pose de voo.  

Naruto estava usando uma fantasia de Arqueiro Verde um herói e vigilante da DC Comics, um colete encapuzado, calça e máscara em um tom verde musgo, nas suas costas uma aljava e o arco e flecha pendurados por uma faixa de couro em suas mãos luvas preta.

– Sasuke você vai mesmo ser do contra justamente hoje? – Naruto perguntou arqueando as sobrancelhas, também incomodado com a atitude do Uchiha que permanecia de costas ignorando completamente o falatório da dupla enquanto Hinata procurava alguma outra fantasia para ele no meio da arara enquanto o praguejava.

– Não posso ao menos brincar? – Falou virando-se enquanto tirava e jogava no chão o sobretudo bege, da sua fantasia de anjo Castiel de uma série chamada Supernatural, fazendo Naruto entender e rir em seguida, o Uchiha nunca era de soltar piadas ou ser engraçado, mas quando tinha uma oportunidade a agarra com tudo.

Hinata voou com tudo para cima dele dando alguns tapas em seu braço enquanto ele lutava para desviar enquanto ria.

– Uchiha seu babaca, vou colocar uma panela quente em cima daquele sofá. – Antes que ela pudesse continuar batendo ele segurou o braço dela com jeito puxando-a para si, sentindo aqueles olhos perolados enraivecidos o olhando e sua respiração oscilante batendo em seu rosto, Hinata inclinou-se ficando alguns centímetros dos lábios tentadores do moreno deu um beliscão nele com sua mão livre fazendo-o gemer de dor.

– Você está muito espertinha. – Ela soltou um sorriso cheio de si, ele a soltou, mas antes que ele se afastasse muito ela o beijou nos lábios o surpreendendo, um beijo cheio de malícia envolvendo a língua do rapaz, depois o soltando dando tapas em sua bunda.

– Xô, xô, estamos atrasados. – Murmurou o espantando com a mão.

– Como você se atrasa para a própria festa? – Naruto perguntou confuso, enquanto o Uchiha já na arara pegando uma fantasia tentava ao máximo segurar a risada, por fim correu ao provador com a escolhida em mãos para poder rir e se trocar o mais rápido possível.

– Vai ficar ao lado dele Uzumaki? – Hinata lançou um olhar furioso, Naruto balançou a cabeça negativamente, torcendo para saírem logo dali, Hinata estava claramente tensa, pudera, o medo de dar alguma coisa errada estava enraizado dentro dela mesmo que ela não tocasse no assunto.

⋆⋆⋆

– Assopra e faça um pedido. – O Uchiha a incentivou com um sorriso nos lábios, ele não era muito disso, mas para ela tinha todos os sorrisos que fossem necessários para vê-la feliz.

Ele era capaz de tudo por ela.

Hinata estava com um sorriso encantador olhando para o bolo, fascinada, talvez o bolo mais feio já feito, mas ainda assim ela conseguiu tecer sobre ele apenas elogios, palavras doces e gentis de alguém assim também, e por que um bolo tão feio? Sasuke e Naruto juntos decidiram colocar em prática suas habilidades, ou melhor, falta delas para fazer daquele aniversário da jovem ainda mais especial.

Discordaram de tudo, do sabor, do recheio até das cores do glace e vela, só concordaram que toda aquela briga resultou em algo catastrófico, algumas partes do bolo queimaram porque enquanto discutiam esqueceram te vigiar o forno e não tinham mais tempo para colocar outra massa para assar, o recheio foi comprado pronto, o glace tão torto dando um ar infantil, mas nem uma criança faria algo assim, olharam aquilo e não tinha muito que ser feito já que Hinata entrou em casa após algumas horas fora e deu de cara com aquilo, seus olhos encheram de água.

“Nossa, o bolo é tão feio que a fizemos chorar”, pensou o Uchiha cutucando o Uzumaki que olhava para ela desesperado, o silêncio da morena era assustador, então ela voou na direção dos dois os abraçando emocionada.

– Obrigada, – sussurrou de maneira tímida entre lágrimas em abundância que escorriam de seus olhos perolados – vocês são incríveis.

Passaram às duas horas seguintes jogando UNO, Sasuke aborrecido por estar perdendo, Naruto cheio de si com seu +4 e Hinata com um sorriso de orelha a orelha mesmo não tendo ganhado nenhuma vez aquele dia.

Infelizmente o momento foi interrompido por um Hiashi alcoolizado.

– O que você tá’ fazendo? – Perguntou alterado na direção da filha que se virou de costas assustada e tremula enquanto tentava não olhar para o pai, Naruto e Sasuke lançaram um olhar de ódio, mas ele parecia ignorar.

– Ah, hoje é seu aniversário, – ele falou de maneira surpresa – eu esqueci, eu esqueci, eu esqueci – repetiu aquilo algumas vezes com a voz amargurada sendo interrompido pela morena.

– Tudo bem papai, eu entendo, o senhor têm outras preocupações. – Disse, com a cabeça baixa.

– Não é justo, não posso esquecer. – Balançava a cabeça negativamente tão contrariado, de certa forma era assustador não saber o que viria a seguir.

– Hinata? – Chamou a filha que o olhou – Venha com o papai? Pode vir, papai te ama – Hinata tinha medo, odiava quando o pai estava daquele jeito, não o reconhecia, mas desde que a mãe morreu o homem a sua frente não era o mesmo de qualquer maneira bêbado ou não, ela foi com calma na direção dele, mas foi afugentada por ele. – Não, saia, saia, você parece um fantasma com esses olhos, os mesmos olhos que o dela, mesmo sendo iguais aos meus você é tão ela, saia de perto de mim. – Hinata sentia o choro subindo a garganta enquanto ela o engolia. – Oh, me desculpe minha garotinha linda. – Ele sussurrou por fim em meio às lágrimas, caindo sentado no sofá se encolhendo em posição fetal ignorando os de mais.

Hinata também chorava inconsolavelmente aproveitando o fato do pai não estar mais olhando, enquanto os meninos olhavam sem poder fazer nada a respeito.

⋆⋆⋆

– Satisfeitos? – Sasuke saiu do provador com um sorriso de lado, típico seu, trajava uma roupa de couro preta com detalhes em azul e uma mascara preta, “Sexy...” Hinata pensou com todo aquele couro marcando seu corpo fazendo-a ter pensamentos pecaminosos.

A morena aproximou-se dele, ficando na ponta dos pés, mesmo com a altura que as botas lhe garantiram ele ainda era alto demais, ele abaixou-se um pouco para ajuda-la, ela então o beijou no rosto e sussurrou em seu ouvido.

– Meu Asa Noturna. – Sasuke não pode deixar de sorrir mais abertamente, aquela mulher o enlouquecia em tantos sentidos e alegra a sua vida.

– Vamos? – Naruto ergueu a mão para a morena que apenas assentiu com a cabeça estendendo a mão para segurar a dele com firmeza, e agarrou a mão do Uchiha depois que ele ajeitou o bastão na cintura.

– Nós esperamos que você goste. – Sussurrou o moreno perto de sua orelha, ela já sorria enquanto caminhava para porta, olhando para o chão podia ver um jogo de luzes intensas e de varias cores vindo do outro lado.

– Eu vou adorar. – Disse com firmeza enquanto caminhavam.

Naruto fez as honras abrindo a porta e Hinata mal pode acreditar no que seus olhos vislumbravam, o espaço era enorme, pode ver dançarias animando as pessoas, garçons e garçonetes servindo as pessoas que sorriam e brincavam enquanto pousavam para fotógrafos profissionais, várias mesas praticamente sem convidados, pois a maioria dançava na pista de dança ao som de um DJ e uma banda tocando em outro palco, em outra extremidade do local tendo som para todos os gostos e gêneros, enquanto caminhavam pelo lugar todos a olhavam, ela literalmente era o centro das atenções sentia um frio na barriga com uma mistura de alegria e excitação, era maravilhoso e eletrizante, sorrisos, acenos, alguns cochichos, mas não importava, seu dia estava esplendido e ninguém podia estragar isso.

✿✿✿

Algumas horas atrás.

Enquanto Sakura terminava de ajeitar os últimos detalhes de sua vestimenta podia ouvir no corredor o som de passos e vozes animadas, seus olhos se reviravam.

– Sua fantasia já chegou? – A voz era de sua colega de sala, extremamente talentosa, “Claro, com condições para um curso de desenho, quem não seria?”, pensava Sakura.

– Chegou semana passada. – Essa voz ela não conseguia identificar, deu de ombros. – Só a peruca não é a cor que imaginei.

– Problemas de primeiro mundo. – Sibilou entredentes para si mesma de maneira debochada enquanto ainda ouvia a conversa, por mais que não quisesse, era impossível não ouvi-las, as duas falavam alto e em um tom tão animado que não se importavam com o fato das paredes serem um pouco finas.

– Eu sei que vai ficar maravilhosa amiga. – A sua colega de sala respondeu, extremamente animada, dando risadas histéricas.

– Típico nada surpreendente.

Por mais que fizesse moda, ainda tinha alguns neurônios funcionando muito bem obrigada, diferente do que pensavam, não gostava de futilidades e por esse motivo odiava quando pensavam que moda era algo fútil, claro que muitas pessoas fúteis fazem moda, mas o curso em si não era, mal sabiam as pessoas que tudo que usavam mesmo que não fosse de marca foi pensando por alguém que entendia ou pelo menos achava entender sobre aquilo, havia muitas pessoas pé no chão, não somente as que não tinham muito dinheiro, aquelas que tinham também conseguiam ser bem bacanas.

– Ino... – Sussurrou para si mesma enquanto se olhava no espelho.

Ino e ela eram amigas, Ino sempre teve dinheiro, mas nunca a menosprezou por não ter tampouco era parecida com aquelas garotas egoístas e egocêntricas, aquela loira era engraçada e autentica, quando entrou no curso tão perdida, Ino foi sua salvadora.

⋆⋆⋆

– Sakura não seja tímida. – Sakura tomou um susto arregalando suas esmeraldas olhando para a loira esbelta que se aproximava com um sorriso e dois copos de milk-shake um em cada mão perfeitamente esmaltadas com esmalte cintilante, oferecendo um a ela.

A garota de olhos esmeralda e cabelos rosa segurou o copo da bebida gelada e sugou o líquido sabor morango pelo canudo colorido, oferecendo um sorriso constrangido em agradecimento.

A jovem usava uma blusa branca lisa por baixo de um macacão jeans e calçava sapatos pretos de salto e um chapéu preto, sentou ao lado da jovem de olhos esmeralda que usava uma blusa xadrez, shorts jeans e um all star.

– Obrigada. E eu não sou tímida, – disse de maneira decidida balançando a cabeça negativamente “Eu só tudo e qualquer coisa, menos tímida” só sinto... – Antes que ela pudesse terminar, a loira interrompeu de maneira ríspida.

– Se você vier com esse papo clichê de que “eu só sinto que esse não é meu mundo” melhor você bater na sua cara antes que eu bata. – Sakura não pode deixar de rir, “Ele é engraçada”.

– Por que está falando comigo? – Perguntou curiosa.

– Ah, não tinha nada para fazer – disse de maneira despretensiosa ajeitando a franja longa, Sakura olhou cabisbaixa, soltando um simples “Ah”. – Tô’ brincando sua boba, eu vi você outro dia falando com a minha amiga Hinata, sabe, aquela de olhões acinzentados que todos sentem recalque – ela me cutucou enquanto ria, seu riso era contagiante, e lembrava a Sakura algo muito familiar, mas tinha medo de comentar e perder a única pessoa que até agora falou com ela de sua sala de aula – o que foi?

– Nada. – Sakura disse tentando desconversar, com as bochechas levemente coradas com seus pensamentos idiotas e inapropriados, “Ainda é uma criança Haruno”.

– Fala logo. – Ino disse de maneira impaciente, fazendo um beicinho enquanto cruzava seus braços.

– Você lembra um porco rindo, – a boca de Ino formou um “O” ela estava impressionada – um porco muito, muito fofo. – Sakura completando tentando amenizar, Ino fingiu bater nela dando um tapa em seu braço.

– Você tem uma testa gigantesca e eu não disse nada até agora. – A loira disse aos risos fazendo Sakura ficar irritada e ao mesmo tempo agradecida por ela ter um senso de humor tão leve.

Sakura naquele dia não se sentiu sozinha como imaginou que ficaria quando entrou naquela sala de aula e olhou para todos aqueles rostos e não conseguia se conectar a ninguém, ela finalmente havia encontrado uma pessoa.

⋆⋆⋆

A expressão de Haruno era sombria e atormentada.

Em sua cabeça Hinata foi o caminho para conhecer seu amor, o Uchiha e sua amiga Yamanaka e tomou-os dela quando sentiu vontade, ficando com todos para si.

– Egoísta. – Disse enquanto passava uma base tampando as profundas olheiras, conforme aquele dia ia chegando ela mal conseguia dormir.  – Egoísta. Egoísta. – A odiava, mas não podia deixar seus sentimentos a dominarem, não ainda, terminou a maquiagem, passou um batom neutro nos lábios o rímel nos olhos.

Trajava uma blusa social de mangas curtas, uma saia de tubo na altura dos joelhos e sapatos na cor preta, o uniforme que as garçonetes usariam na festa, escolhido a dedo pelo Uchiha. “Ele não queria ninguém chamando mais atenção do que aquela sonsa” pensou com rancor, pegou a peruca e a ajustou na cabeça, seus cabelos já estavam presos por grampos encobertos por uma fina rede, a peruca era preta com uma franja a altura dos olhos a altura era na cintura.

– Irreconhecível. 

Seu telefone vibrou, ela o pegou, revirando os olhos.

– Kiba. – Não iria respondê-lo, estava ocupada demais com assuntos mais importantes, deu um sorriso sarcástico. – Pronta, agora vamos Haruno. – Colou o celular no modo avião e o escondeu dentro da roupa de maneira que não pudesse ser vista facilmente, mas pudesse tira-lo na primeira oportunidade. – Você não perde por esperar.

 

Sakura chegou ao salão de festa no horário marcado, sua amiga já a esperava enfrente a porta de entrada de funcionários com o rosto apreensivo.

– Eu tinha esperança que você desistisse. – Admitiu com a voz trêmula, estava arriscando muito por algo que ela não sabia como iria acabar, mas definitivamente, tinha tudo para ser desastroso.

– Eu nunca desisto. Eles já chegaram? – Perguntou a jovem.

– Ainda está cedo, só temos nós e os outros funcionários preparando tudo. – Sakura entrou a cozinha tinha um cheiro agradável, todos iam de um lado para o outro, então ela olhou para o cartaz fixado na parede, aquilo a deixou em alerta.

1. Proibido uso de câmeras e aparelhos celulares.

1.2 Fotos realizadas pelo fotografo do evento que serão disponibilizadas na página de suas redes sociais respectivamente.

2. Concordando com o de uso de detector de metal.

3. Passível de expulsão daquele(s) que vierem a quebrar a regra 1 ou mostrarem resistência ou recusa da regra 2.

– Isso é até para funcionários? – Sakura perguntou apreensiva engolindo aquelas palavras a seco, podendo sentir o aparelho em seu corpo e seu coração acelerar, pode sentir uma gota de suor frio escorrer pela sua testa.

– Já passamos pelo detector de metais, bem, eu depois irei fingir que passei em você. – Sakura soltou um suspiro de alívio, quase dando um saltinho de felicidade, tudo cooperando para seu sucesso. – Por algum motivo Sasuke não quer que nada seja exposto, ou ao que parece somente o que ele tem interesse. – Dizia Matsuri adorando compartilhar aquelas informações tão secretas que tinha acesso. – Ele está afastando os tabloides há semanas soltando boatos e etc na mídia. – Matsuri chegou mais perto da Haruno como se fosse cochichar em seu ouvido. – Parece que alguém soltou uma informação de que ele estaria namorando, e isso é algo nem inédito, os tabloides estão enlouquecidos – Sakura sorriu de maneira sarcástica, foi tão fácil conseguir alguns contatos através de uma pessoa ou outra da faculdade e isso também a rendeu algum dinheiro, mas a grana que ela receberia por hoje era ainda maior e nada comparada a miséria da outra vez – todos tem interesse em saber quem ela ou ele é, já que até um homem foi cogitado para o Sasuke. – Matsuri como a ria de como a mídia poderia ser traiçoeira, eram como urubus procurando qualquer pedaço de carne para atacar e sempre eram alimentados por pessoas tão podres quanto eles movidas por interesses egoístas.

Sakura sabia o motivo de tanto mistério, não era pela sua pessoa em si que Sasuke temia, porque ele nunca se importou em aparecer com um rabo de saia ou outro nas capas dos jornais, mas era por ela, seu pai detestaria saber onde sua menininha estava metida ou o que estava aprontando ao invés de estudar.

E Sakura ela iria expor para o mundo o segredinho que aquelas quatro paredes vinham escondendo. 


Notas Finais


Logo mais uma parte da festa! Sim, ainda tem duas a vir! E logo o fim da fic se aproxima, mas tenho coisas bombásticas guardadas para vocês, me aguardem.

E mais uma vez, gente não entendo, não sumam, não me abandonem sei que sou chata D:, por favor, eu gosto de conversar e ler o que tem a me dizer, é muito bom e gratificante, me dá energia para continuar.

1. Hinata a mulher maravilha maravilhosa ♥
2. Coloquei os nomes dos personagens em português mesmo porque somos BR!
3. Sakura dando luz ao meme "Eu vou expor ela", então não era só pra fazer barraco, confusão e gritaria que ela queria ir a festa e sim pra vender fotos aos tabloides. HUMMMMMMMMMMMMMMMMM...
Além do mais para ela, Hinata não só tomou o Sauske, mas também Ino, muita mágoa e ressentimento em Haruno, hein.
4. Como será o fim disso?
5. Gaara não deu as caras, AINDA.
6. QUAL cês acha que vai ser a fantasia da INO? ♥ Amorzinha da minha vida.
7. Leiam os comunicados abaixo, por favor.

Minha proxima fic: talvez? NaruHina ou SasuHina, tô decidindo, e também vai ter INO ♥ GaaIno ♥♥♥♥

Comentem, me amem, me odeiem, amem a história e eu amo, amo muito, muito, muito vocês todos, sintam-se amados e apertados por alguém que pensa em cada um ♥

Obrigada pelos favoritos lindos que aumentam a cada dia de pouquinho em pouquinho.

Beijos de mousse de maracujá ♥♥♥♥♥♥


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...