História Thug Love- Mitw - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Alan Ferreira (EDGE), Cauê "BaixaMemoria" Bueno, Felipe "Febatista" Batista, Felipe Z. "Felps", Flavia Sayuri, João Victor Negromonte Queiroz "Jvnq", Lucas "Luba" Feuerschütte, Lucas "T3ddy" Olioti, Malena "Malena0202" Nunes, Marco Tulio "AuthenticGames", Pedro Afonso "RezendeEvil" Posso, Rafael "CellBit" Lange, Rafael "Guaxinim" Montes, TazerCraft
Personagens Alan Ferreira, Cauê Bueno, Felipe "Febatista" Batista, Felps, Flavia Sayuri, João Victor Negromonte Queiroz "Jvnq", Lucas "LubaTV", Lucas Olioti, Malena0202, Marco Tulio "AuthenticGames", Mike, Pac, Pedro Afonso Rezende Posso, Rafael "CellBit" Lange, Rafael "Guaxinim" Montes
Tags Authenticmemória, Cellps, Jvtista, L3ddy, Malepok, Mitw, Yaoi
Exibições 129
Palavras 1.036
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Festa, Ficção, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


OI PANDACORNIOS!!!<3

Eu to reescrevendo essa fanfic porque ela tava muito ruim ;-;

Essa capa maravilhosa foi a Akise que fez <3

É só isso mesmo pra falar

Tchau <3

Capítulo 1 - Prólogo


Tarik estava deitado em sua cama olhando para o teto, não porque ele não tinha nada para fazer, na verdade ele tinha que arrumar suas malas para ir para o internato que seus pais haviam o colocado. É claro que o garoto surtou na hora que soube que ia estudar/morar longe de sua moradia e amigos, mas só para piorar a situação do garoto era uma escola de heróis e de vilões, sim, inimigos mortais estudando juntos. Pac -apelido carinhoso de seus amigos- não intendia como isso iria ajudar em seus estudos, ou melhor, ele sabia que iria atrapalhar. Os diretores falam que isso ajudaria os alunos em se aproximarem mais e aprenderem a ter uma boa relação com todos, Tarik entendia isso como uma traição, você vira amigo deles e depois passa sua vida querendo prender os mesmos .

O internato era longe pelo fato de Tarik ter super poderes e  não é muito fácil encontrar escolas para heróis nem para vilões, normalmente quando você acha uma escola que tenha vagas ela se situa do outro lado da cidade, é um internato ou os dois tipos aprendiam juntos, como no caso de Tarik .O único lado bom de se "mudar" seria ele conseguir finalmente arranjar um pretexto de terminar com sua namorada, mas a sorte realmente estava contra ele, logo apos de seus pais o avisarem sobre sua nova escola e casa a menina liga para o mesmo dizendo que ia para Wholent -O internato que Tarik estudaria-. Pensando bem tinha outro lado bom, ficar longe de seus pais. Isso não é algo que todos dizem quando vão para um internato, na verdade as pessoas dizem coisas como "Vou sentir falta dos meus pais" "Vai ser difícil ficar sem minha mãe e meu pai" mas Tarik era diferente, seus pais nunca ligaram muito para o filho, sempre foram muito ocupados salvando a cidade e fazendo coisas que super-heróis devem fazer.

Os pais do garoto sempre repetem as mesmas coisas que deixam o menor nervoso "Você vai ser o orgulho da família" "Fazemos isso para o seu bem, essa escola é a melhor da cidade " "Você vai ser o herói mais aclamado de todos os tempos" ele odiava isso, se sentia preso em seguir aquele destino, queria viver sua própria vida sem que ela seja traçada por outras pessoas. Odiava como aquela família era tratado como perfeita nos jornais e na televisão, mas por Tarik aquela família nem poderia ser considerada uma família. Em uma família todos se amam, todos se ajudam, todos estão lá quando um precisa de ajuda, o que não era o caso da "família" do garoto. 

O menino finalmente se levanta para começar a arrumar a mala, mas tropeça no cadarço de seu tênis e cai no chão.  Bufa e murmura alguns palavrões mas logo se levanta indo em direção ao guarda-roupa pegando praticamente todas as roupas e jogando dentro de sua mala. Percebendo que aquela quantidade de roupa não caberia sem dobrar e ser arrumada de forma descente ele passa a mão pela nuca, se tem algo que o garoto odiava era arrumar a mala antes de viagens. Ele bufa novamente e começa a arrumar sua mala finalmente.

 

[...]

Tudo estava pronto, sua mala estava feita, seu quarto limpo, era só ele ir pra cama fechar os olhos e dormir, pois no dia seguinte iria para o maldito internato. Mas ao invés de fazer isso ele começa a observar cada canto de seu quarto, ele gostava de fazer isso, observar as coisas em silencio, sem que ninguém lhe perturbe. Talvez essa não fosse a melhor ideia, pois ele começou a lembrar de tudo que já tinha acontecido naquele lugar, todos os seus amigos que Pac ficaria sem ver e as coisas boas que ele passou com seus familiares- Mesmo que quase nenhuma-. Tarik sorriu e limpou uma lagrima que havia saído, ele sentia falta dela, era a única que o entendia da família, agora ele se sentia sozinho e deslocado... Desde que tudo aconteceu ele chorava todos os dias, até perceber que nada disso adiantaria... O menino enxuga as lágrimas que tinham caído e finalmente se deita e dorme morto de cansaço.

############

Mikhael brigava com um garoto no corredor, dava socos e chutes no garoto que tentava bater nele, não que Linnyker seja o valentão na escola, pelo contrário, ele não gosta de se meter em confusão, só estava se defendendo do garoto-que ele nem se quer sabia o nome- que veio bater nele . Depois de minutos da "lutinha" começar já havia um vencedor e seu nome era Mikhael Linnyker. Mas qualquer um perderia de Mike, ele tem super-força, é meio que impossível ganhar uma briga com ele. O garoto que tentava bater em Mike já sem forças estava no chão com um pouco de sangue sangue saindo de sua boca e com varias partes do corpo roxas, Linnyker não queria ter machuca-lo, só queria ir para seu dormitório dormir. Saiu de lá indo em direção de seu quarto, todos os companheiros de quarto que Mike teve tinham medo dele. Mike não sabia muito o motivo, mesmo tendo mais força que os outros ele não saia por aí espancando as pessoas sem nenhum motivo, talvez ele se metesse em encrenca de vez em quando, mas não era ele que começava, se alguém mexesse com Mike, ele somente iria se defender. Por esse "medo" que os alunos tinham de Mikhael, o garoto não tinha colega de quarto, como dizia o diretor "não posso obrigar ninguém a ficar em um quarto com outra pessoa".

No dia seguinte chegariam pessoas novas e todos voltariam para a escola. Por que Mike estava na escola nas férias? Ele nunca se deu bem com sua família, preferia ficar tranquilo na escola do que naquele hospício que seus pais chamavam de casa. Chegando na porta de seu quarto o garoto tira o chaveiro do bolso e fica um tempo procurando a chave de seu dormitório. Quando finalmente acha coloca a chave verde na fechadura e destranca a porta assim entrando em seu quarto e logo o trancando novamente. Se joga em sua cama e acaba dormindo na hora. Afinal, amanhã seria um grande dia...

 

[Continua]

 

 

 


Notas Finais


OI PANDACORNIOS!!!!

Espero que vocês tenham gostado, eu vou me dedicar mais com essa fanfic ta, eu juro
Talvez agora eu demore um pouco mais para postar porque eu to em época de prova, então desculpinha se demorar pra sair o proximo capítulo ;-;

Desculpa o cap estar meio pequeno, é que eu to com muito sono ;-;

Não sejam leitores fantasmas e comentem, que eu amo ler os comentários de vocês <3

Meu twitter : https://twitter.com/TazerLaaah

TCHAU E
BEIJO DA LAAAH!! <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...