História Titãs - Capítulo 10


Escrita por: ~, ~Shippooo, ~Milenatkj e ~Jao_ganza

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Drama, Romance, Yaoi
Visualizações 4
Palavras 1.201
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Ficção Científica, Luta, Magia, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi, Yuri
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Oi gente, sei que está tarde para postar o capítulo, mas melhor assim, do que não postar né?
Então uma boa leitura para vocês

Capítulo 10 - Receptáculo Divino


P.O.V’S MARCELO


    -Mas isso não explica aquela visão, nem a marca diferente no meu braço. - disse ainda digerindo tudo o que haviam contado.

    Basicamente, os três contaram a minha história e como provavelmente perdi a memória. Mas tudo aquilo sobre titãs e Duncan… Aquilo parecia muito distante da realidade, apenas esperava acordar daquele maldito sonho. Ou melhor, daquele pesadelo.

    -Ainda não sabemos sobre isso. Mas tenho teorias. Essa visão… deve ser seu poder. É normal que os poderes demorem para aparecer, alguns só descobrem quando tem trinta ou mais. Agora a marca… - disse PJ tocando o meu braço. - nunca vi algo assim. Isso só pode ter algo haver com os experimentos de Duncan. Essa marca provavelmente é algo que que aparece se exposto ao o que seja que você sofreu. - disse fascinado. - Isso pode ser muito bom para nós. - disse sombrio, como se não tivesse ninguém na sala.

    Afastei meu braço assustado e saí correndo, até o meu quarto. Percebi que estava sendo seguido pelo garoto chamado de Leo.

    -Marcelo, o que aconteceu?

    Ri sem humor de sua pergunta.

    -O que aconteceu? Isso aconteceu! - falei com os braços aberto. - Por que tudo tem que ser tão confuso!? - sentei no chão com as mãos escondendo o meu rosto. - Eu só quero sair daqui.

    O garoto deu um sorriso calmo e sentou ao meu lado.

    -Não se preocupe. Tenho certeza que vamos recuperar sua memória. E aqui? É como um paraíso para pessoas como a gente! - disse sonhador. - E outra, eu estou aqui do seu lado.

    -Por que você está sendo tão legal comigo?

    Ele adquiriu uma expressão de dor. Torci para que eu não tenha machucado ele, antes de perder a memória.

    -Desculpa pelo soco. - eu disse meio envergonhado.

    -Soco? Ah, tá. Já tinha me esquecido disso. - disse sorrindo eu fui obrigado a sorrir também.

    Ele era ótimo para fazer as pessoas se sentirem melhor.


P.O.V’S HELENA

    -Ele não parece um cachorrinho que encontrou seu dono? - comentei com Kaneki atrás de mim.

    Estávamos no telhado do prédio 2, eu observando Leo e Marcelo.

    -Droga, Helena. Como você sabia que eu estava aqui?

    Sorri.

    -Você se acha esperto, mas é muito previsível.

    -Também! Você está sendo injusta comigo. Até a pessoa mais inteligente, pareceria burra perto de você. - disse sorrindo, se ajoelhando ao meu lado.

    Então uma garota de cabelos violetas e olhos cinzentos aproximou-se deles.

    -O que ela tá fazendo ali? - deixei escapar. - Ela por acaso acha que tem alguma chance com Marcelo?

    -Nada disso, aposto que ela é caidinha pelo seu irmão.

    -Então tá apostado. - disse.


[...]


    Joguei o dinheiro em frente à Kaneki. Ele me lançou um olhar divertido.

    -Foi fácil arrancar uma confissão dela. - falei. - Apenas disse que sabia que ela tava afim de Leo e iria ajudá-la.

    -E ela não leu sua mente?

    -Descobri há pouco tempo, que Violeta só consegue ler sua mente se olhar diretamente para você. - respondi.

    -Vai fazer alguma coisa hoje?  - ele disse se aproximando de mim.

    -Desculpa, mas tenho algumas coisas a resolver com PJ. - menti.

    -Ah, tudo bem. - ele falou chateado.

    Desculpa Kaneki, mas tenho uma coisa mais importante para fazer.


[...]


    Sentei-me em baixo da árvore e esperei dois minutos.

    Nada aconteceu.

    Suspirei e abri uma embalagem de chocolate. E de repente um coelho apareceu na minha frente, que se transformou em um garoto com cauda e orelhas de raposa.

    -Preciso de informação. - disse entregando o chocolate a ele.

    -Estou às suas ordens.

    -Preciso que me diga quem é essa pessoa. - falei mostrando meu celular ao Neko.

    -Siga-me. - disse se transformando numa raposa.

    Fiz o que mandou e acabamos atrás do quinto edifício. Neko, em forma de raposa, tirou um pouco de terra, mostrando um chão de madeira com uma… maçaneta?

    -Ele está aqui? - perguntei.

    Ele assentiu e saiu correndo.

    Abri a porta e desci as escadas. Lá embaixo havia vários computadores e outros tipos de máquina, que não sabia para que serviam. De costas, sentado em uma cadeira, havia um garoto com um cabelo rastafari. Quando se virou, vi que sua pele era morena e seus olhos castanhos. Ele usava moletom, jeans, tênis velhos, óculos e um fone de ouvido no pescoço.

    -Quê que você está fazendo aqui!? - disse assustado comigo.

    As pessoas às vezes tem essa reação quando me veem.

    -Então você é sombra? - perguntei com os braços cruzados.

    -Bem, é assim que me chamam na internet. - disse coçando a cabeça e rindo nervosamente. - Meu nome é Bob. Bob Underwood.

    Andei pelo local.

    -Então é aqui que você espiona as pessoas? - perguntei de forma rude.

    -PJ é que diz para eu fazer isso. É para o bem dos titãs.

    -Pedro Juan espiona as pessoas e ainda diz que é para nosso bem! - disse me retirando. - Que piada. E você ainda acredita.

    Já estava entendendo tudo. Aquelas pessoas eram alienadas. Cheias de mentiras de Pedro Juan. Ou talvez eu estivesse errada. E aquilo fosse realmente a última chance de eles conseguirem sobreviver. Só iria saber se continuasse a investigar “PJ”.


P.O.V’S LEO


    Ainda não acredito que isso está acontecendo. Finalmente me reencontro com Marcelo e ele perde a memória! O pior, é que ele está se esforçando para tentar lembrar-se, mas não consegue. Maldito seja Duncan! E não basta Violeta, que faz de tudo para que eu e Marcelo não nos encontremos.

    Qual é o problema com aquela garota?

    É óbvio que sinto pena dela, capturada por Duncan, passou anos em um dos laboratórios e só conseguiu fugir com ajuda de Pedro Juan. Mas ela também não precisa me perseguir feito uma louca, né? Enfim, e Helena parece cada vez mais distante de mim, sempre com o frio do Kaneki. Eles realmente se merecem.

    Acordei e saí do prédio cinco. Pelo menos Pedro Juan me deixou nesse prédio com Helena. Lá fora percebi que haviam mais pessoas e estranhei aquilo.

    -Eles voltaram de uma operação ontem à noite. - disse Violeta. Essa garota de novo não.

    -Operação?

    -É. Às vezes PJ manda algumas pessoas descobrirem alguma coisa sobre Duncan.

    -E descobriram?

    -Não sei. É informação confidencial. Alguém que veste azul que nem eu, não pode saber.

    -Entendo.


P.O.V’S HELENA


    Uma operação no meio da noite? Fala sério! Em qualquer filme de hollywood isso apontaria para Pedro Juan como vilão. Só precisava de provas. Foi quando a solução de meus problemas apareceu.

    -O que você está fazendo aqui, Bob?

    Ele estava de cabeça baixa e quase deixou seus óculos caírem.

    -Você está certa. Vim me redimir. O que posso fazer por você? - ele falou.

    Sorri, alguém com a confiança de PJ. Tudo de que eu precisava.

-----------------------------------------------------------

EM ALGUM LUGAR NOS ESTADOS UNIDOS

-----------------------------------------------------------

   

    Duncan abriu seu computador e mandou um email para alguém.


    "Obrigado por suas informações. Elas me são muito úteis. Coloque o plano em ação. Sei que só podemos usá-lo uma única vez, e eu realmente queria que isso acontecesse mais tarde, mas não terá jeito. Isso é muito importante, logo ele despertará o poder do receptáculo divino. Por isso, faça o que combinamos. Confio em você."


Notas Finais


O que será que Duncan está aprontando? E Pedro Juan, será realmente confiavel?
Deixem aí nos comentários o que estão achando da fanfic.
Bjoos e até o próximo cap😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...