História Toda Dama Tem O Seu Vagabundo - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Ariana Grande, Caitlin Beadles, Chaz Somers, Christian Beadles, Justin Bieber, Ryan Butler
Personagens Ariana Grande, Caitlin Beadles, Chaz Somers, Christian Beadles, Jaxon Bieber, Jazmyn Bieber, Jeremy Bieber, Justin Bieber, Ryan Butler
Tags Ariana Grande, Escola, Justin Bieber, Musica, Scooter Braun, Trafico
Exibições 168
Palavras 1.132
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Festa, Luta, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oi gente
Tudo bem com vocês?
Espero que sim né?

Capítulo 3 - O Assalto e O Jantar


Fanfic / Fanfiction Toda Dama Tem O Seu Vagabundo - Capítulo 3 - O Assalto e O Jantar

POV ARIANA

Eu cheguei de viagem ontem,eu não gostei nem um pouco dessa ideia da minha mãe querer se mudar ,mais fazer o que né? Eu resolvi sair para conhecer a cidade,fui até a pracinha e chegando lá eu mandei uma mensagem para minha mãe falando que eu estou na pracinha

*Mensagem on

Eu: Mãe estou aqui na pracinha ok?

Mãe: Ok minha filha,cuidado ok? Você é meio estabanada rsrsrs

Eu: Olha eu ia reclamar mais a senhora tem razão, vou andar mais um pouco ok?

Mãe: Ok filha

*Mensagem off

Eu tinha terminado de ler a mensagem da minha mãe e logo senti uma coisa nas minhas costas,que aparentava ser uma arma e logo eu gelei

- ISSO É UM ASSALTO,PASSA TUD...-- um garoto que não dava para ver o rosto por causa do capacete ,ele anunciou o assalto,eu já presenciei varias vezes um assalto,e eu tenho um trauma muito grande disso,o garoto não disse mais nada apenas ficou me olhando como se tivesse me analisando

-Por favor,você esta me assustando,você quer o meu celular ? Tudo bem mais abaixa essa arma por favor-- isso foi a primeira coisa que veio em minha mente,eu já estava tremendo e chorando,então o menino guardou a arma e botou a mão em meu rosto para limpar as lagrimas

- Olha eu não quero que fique com medo de mim ok? Fique com o seu celular, mais eu vou precisar da sua ajuda ok? Saia correndo como se eu tivesse te assaltado-- o garoto disse e eu apenas assenti e sai correndo

Eu nunca pensei que um "ladrão" iria ser legal a ponto de não me assaltar,depois que eu vi que eu estava muito distante,resolvi ir para casa para ver se minha mãe estava precisando de ajuda

POV JUSTIN

Assim que eu vi a menina correndo eu voltei para a moto sem acreditar no que eu acabei de fazer,fomos para um outro lugar e assaltamos uma loja de jóias,minha sorte foi que Caio não viu que eu deixei a menina ir sem eu ao menos roubar ela,fomos até Maycon e entregamos as jóias, e depois eu fui para casa

- Oi filho --minha mãe disse

-Mãe me desculpa,olha eu tive motivos para ...a senhora  sabe

-Justin,é difícil acreditar que o seu próprio filho é assassino... Mais como uma mãe, eu te perdôo-- minha mãe disse e eu abraçei ela com muita força

-Hummm que cheirinho bom-- eu disse passando a mão na barriga,e quando eu ia abrir a panela minha mae deu um tapinha bem fraco em minha mão- AII

-Justin vá se arrumar,pois hoje temos visitas

-Mãe se for aqueles vizinhos do 3° quarteirão, eu prefi...-- minha mãe me interrompe

-Justin não são eles-- minha mãe disse rindo--Vai ser nossos novos vizinhos-- Ô mulherzinha para ter uma amizade muito boa com vizinhos em-- Eles se mudaram ontem para aquela casa aqui na frente

-Ok mãe--eu disse rindo e fui tomar um banho,porque se eu ficar assim minha mae me mata

POV ARIANA

-Já estou pronta mamãe -- pocha eu estava com um sono tão bom,mais a Sra. Joan conheceu a vizinha da frente e ela nos chamou para um jantar na casa dela,isso é até bom,porque ai eu conheço gente nova-- Vamos?

-Claro...você esta linda minha filha--minha mãe disse e saímos de casa rumo a casa da frente

Passamos pelos seguranças da casa e minha mãe tocou a campainha e a porta foi aberta por uma mulher baixinha,olhos azuis e cabelos castanhos,ela era linda,depois de minha mãe abraçar a mulher,a mesma deu passagem para que eu e minha mãe entrasse

-Pattie essa é minha filha Ariana-- minha mãe disse me apresentando

-Prazer Sra.Pattie-- eu disse pegando na mao dela assim que ela levantou a mão para me comprimentar

-Só Pattie meu anjo,desse jeito eu me sinto velha-- ela disse rindo-- O prazer é todo meu

Ficamos conversando um bom tempo até Pattie chamar o seu filho para nós jantarmos,assim que ele apareceu meu mundi parou,ele era lindo,olhos castanhos,boca bem desenhada e um pouco rosada

-Joan e Ariana,esse é o meu filho Justin,Justin meu filho essa é a Joan mãe da Ariana--Pattie apresentou o loiro para mim e minha mãe

-Prazer Sra. Joan--Justin disse abraçando minha mãe

-O prazer é todo meu Justin--minha mãe disse assim que saiu dos braços de Justin

-Prazer Ariana--Justin disse chegando perto de mim e me comprimentou com um beijo na bochecha,é claro que eu Corei um pouco

-O prazer é todo meu Justin--eu disse torcendo para não gaguejar

Fomos jantar e o silencio reinava na quela copa aonde nós estávamos jantando,até que Pattie resolveu puchar assunto

-E então ariana,oque você gosta de fazer nas suas horas livres?

-Bom...eu gosto de escrever músicas e cantar--eu disse meia sem jeito

-Que legal,eu também gosto de fazer e cantar músicas nas minhas horas livres--Justin disse com um sorriso no rosto e eu retribui o sorriso

-Aonde você estuda Justin?--minha mãe perguntou

-(escolha o nome) fica um pouco perto da pracinha-Justin

-Ariana também vai estudar lá a partir de amanhã-- minha mãe disse e Justin deu um sorriso largo no rosto

Depois de jantar,ficamos conversando e claro,como sempre minha mãe falou de como eu era quando  "pequena" a pesar de eu não ser grande,é estranho falar "quando eu era pequena".
Mais claro que Pattie também falou de Justin,e eu RI muito quando ela falou que ele vivia aprontando dentro de casa,acredita que ele se escondeu dentro do guarda-roupa e ficou lá sem falar nada? E coitada da Pattie,ficou desesperada procurando ele

-Mãe eu vou indo ok? Amanhã eu acordo cedo--eu disse me levantando do sofá

-Ok filha,daqui a pouco eu também vou ok?-- minha mãe disse e eu apenas assenti

-Justin,leve Ariana até a porta ok?--Pattie disse

-Ok mãe--Justin disse se levantando

-Tchau Pattie--eu disse dando um abraço nela e depois fui até a porta

Justin abriu a porta para mim e eu passei,percebi que ele ainda estava do meu lado

-Justin,sua mãe falou até a porta!--eu disse rindo

-Eu sei,mais irei te levar até a porta da sua casa--Justin disse me olhando

-Ta né

Justin me levou até a porta da minha casa,isso que vou falar é loucura mais porque eu estou tao mexida com ele por perto?

-Pronto,você esta entregue eq Justin disse dando um sorriso sem a mostrar os dentes

-Obrigada por me trazer até a porta da minha casa--eu disse rindo

-De nada--ele disse retribuindo o sorriso,eu virei e quando abri a porta ele me chama-- Ariana

-Sim?

-Humm,me passa o seu número, para caso a gente ir para a escola amanhã--Justin disse coçando a nuca

Eu passei meu numero para Justin e logo depois abracei ele

-Tchau Justin

-Tchau Ariana

Eu entrei em casa e fui para o meu quarto,dormi com aquela roupa mesmo,amanhã sera um looongo dia


Notas Finais


Bom é isso espero que gostem

Obrigada pelos comentários e pelos favoritos.
E claro!! A você que também esta lendo💗💗💋

Desculpa qualquer erro

KISSES💋😍


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...