História Together until the end - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Alfa, Bangtan Boys, Bts, Jungkook, Ômega
Visualizações 31
Palavras 1.970
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Drama (Tragédia), Fantasia, Luta, Magia, Mistério, Sobrenatural
Avisos: Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oi gente
Depois de muito e muito tempo eu postei ufa...
Fiquei pensando em apagar a história porque estava com dificuldade para escrever... mas com apoio da minha amiga eu acabei continuando rsrsrs e ontem quando fui escrever até me diverti rsrsrs então vou continuar e prometo que vou ir mais rápido srsrsrs

Enfim, BOA LEITURA e me falem que estão achando em ☺️😉❤️

Capítulo 9 - Emma está em perigo


Fanfic / Fanfiction Together until the end - Capítulo 9 - Emma está em perigo

P.O.V.Namjoon

 

Passava as mãos bagunçando meu cabelo enquanto andando de um lado para outro em meu quarto esperando taehyung, um dos soldados que mais confio da guarda real, bater em minha porta. Me conheço, sei porque estou tão inquieto assim... Sinto que algo grande está acontecendo debaixo do nosso nariz e ninguém está querendo ver. Mandei secretamente um mensageiro ao reino do yoongi mandar uma mensagem qualquer e dar uma boa olhada por lá e não tive notícias dele a dias, a alguns dias um viajante que bebeu um pouco demais acabou falando um pouco sobre pai de yoongi o rei Kadam e não gostei nada do que ouvi. Ouço baterem na minha porta e logo à cabeça de taehyung aparece.

 

-Mandou me chamar?- Ele perguntou confuso 
-Entre, preciso conversar com você - falei completamente sério, tae as vezes é muito brincalhão quero que ele saiba que é sério, Ele entrou e fechou a porta atras de si mesmo.
-tae...- falei com um longo suspiro não sabendo por onde começar....
-Fale logo... a julgar pelo seu penteado exótico e suas belas bolças embaixo dos olhos.... posso dizer que estou ferrado... - ele falou direto apoiou as costas na porta do meu quarto e cruzou os braços esperando eu continuar....
-Mandei um mensageiro ir até reino de kadam, pai do yoongi, e usar como pretexto uma mensagem qualquer... na verdade o verdadeiro motivo da ida dele era dar uma bela olhada por lá .....-
-Mas o sujeito sumiu?- tae completou como se fosse óbvio,o olhei confuso e ergui uma sombrancelha- o que foi? Se o tal do kadam não fez nada o mensageiro se cagou foi todo e fugiu.... kadam me dá arrepios...- ele falou sincero, me arrancando um singelo sorriso .
-Mas você nunca viu o rei kadam...- falei dando de ombros 
-Mas o povo comenta... esse cara não presta... dá para saber só pela vida que seus aldeões levam - tae suspirou e passou as mãos no cabelo- já entendi o que você quer....- 
-Precisamos descobrir o que está acontecendo.... temo que seja algo realmente grande, esses roubos... estrupos estão sendo orquestrados por alguém... acho que esse alguém quer causar a desordem geral para algo maior- falei tudo de uma só vez sem nem olhar para tae, voltei a andar de um lado para outro impaciente minha cabeça estava a mil.
-Concordo.- ele falou simples e eu soltei um gargalhada
-Nossa essa foi fácil- falei sorrindo aliviado.
-Também estou preocupado, afinal as pessoas dessa vila são nossa família, desde pequenos fomos treinados para proteger não só a família real mas a eles também...E eu ir será perfeito... tenho treinamento para saber me cuidar - havia sinceridade na voz dele, e nesses momentos que sei que tenho soldados ótimos e leais a minha disposição - pare de andar ! Está me deixando tonto! - ele reclamou e eu parei onde estava - quando vou partir?-

-Vou providenciar tudo o mais rápido possível- falei o encarando e ele concordou com a cabeça, cheguei mais perto dele e falei firme o olhando nos olhos- Por favor amigo vá e volte para casa- acabou saindo mais como uma súplica, tae além de um dos meus melhores soldados é meu amigo não posso confiar em outro alguém para isso mas também não quero perdê-lo.

P.O.V.JUNGKOOK

Estava dormindo tranquilamente até que sou sugado para um sonho.... estava em um lugar estranho, era úmido e frio . Havia muitas árvores, flores e mato,  olhando mais à frente eu podia ver uma cabana muito velha.... não sei porque mas eu estava aflito, ouvi uma voz feminina longe e ela chamava por mim... essa voz parecia muito familiar.... "jungkook" "jungkook" a cada passo que eu dava a voz ficava mais alta e mais aflita. Até que eu parei enfrente a porta da cabana e consegui reconhecer a voz . ERA EMMA. Tentei abrir a porta mas não tinha sucesso, a voz de Emma passa a berrar meu nome e frases que nunca imaginei ela mesma falar " jungkook!! Me ajude" "estou com medo" " me salve" . Eu esmurrava e jogava meu corpo contra a porta na tentativa de arromba-la mas não dava certo. Aos poucos o sonho se esvaiu de minha mente e acordei em um sobressalto, meu corpo estava encharcado de suor. Procurei desesperado o corpo de Emma mas não tive sucesso, ergui meu corpo e passei os olhos pelo quarto a procura da princesa porém mais uma vez sem sucesso. DROGA EMMA. Fui até banheiro tomei uma ducha rápida apenas para tirar aquele suor melado do corpo e vesti minha roupa preta de treino deixando o quarto logo depois . Passava pelos cômodos olhando em cada canto a procura de Emma, meu coração batia rápido e minha respiração estava descompensada... o sonho era real, ela está em apuros, eu sinto isso. Quando passei pela sala, eu acho, avistei yoongi ele estava sentado em uma poltrona com cara de nada, revirei os olhos e quando dei as costa o ouvi me chamar 

-aconteceu algo com Emma não é- ele falou, quando me virei ele já estava em pé se aproximando de mim.

 -porque acha isso?- perguntei baixo, não quero que todos saibam... pelo menos não por enquanto.

-porque ela não está com você... e pela sua cara- ele falou firme, droga Namjoon sentiria vergonha de mim. Deixei meu rosto neutro, como Namjoon me ensinou...

-Ela não está sempre comigo... acredite se quiser- falei provocativo, yoongi olhou para os lados desconfortável 
-Você e Emma tem uma ligação tão forte que eu nunca vou ser capaz de começar a entender .... é como se vocês fossem ligados ... Se um não está bem o outro também não está é como se suas almas fossem entrelaçadas e isso os torna fortes- ele falou olhando em meus olhos me pegando de surpresa - Mas o noivo dela sou eu. E apesar de ser tudo arranjado não quero o mal dela, ela é uma pessoa boa é pura admiro isso nela, se ela está em perigo quero ajudá-la - o olhei em duvida não sei se confio nele e permiti isso transparecer em meu rosto e yoongi notou- pode confiar em mim quando falo que não quero o mal dela - ele falou com sinceridade... Mas mesmo assim... não sei se devo.... Não posso arriscar é a vida da Emma...

-como você mesmo falou... minha alma e a da Emma estão entrelaçadas, eu posso dar conta se houver algo de errado não se preocupe... agora se me der licença, estou com pressa - falei firme, yoongi acenou com a cabeça e voltou até a poltrona onde estava antes.

Fui a procura de jimin, sei que nele posso confiar... não somos melhores amigos mas nós construímos um respeito mútuo pelo outro. Depois de ser orientado por alguns empregados onde ele estava o achei escovando seu cavalo 

-Te procurei por todo parte!- reclamei enquanto me aproximava dele. 

-ashi... não sou obrigado a ficar na sua cola sempre a sua disposição - ele reclamou, revirei os olhos - 

-não tenho tempo para isso Emma está possivelmente em apuros - falei rápido, jimin em instantes estava com suas mãos envolta do meu pescoço me esganando .

-Como assim possivelmente!! Do que adianta você ficar colado com ela se não toma conta dela! Onde ela está!!- ele gritava, soltei suas mãos do meu pescoço com facilidade e o empurrei o fazendo cambalear para trás.
-Não ponha essas suas mãozinhas em mim! E pare de dar chilique quer alertar todo mundo o filhote de pequinês! Você sabe que se Emma quer aprontar ela vai aprontar! - jimin tinha um olhar raivoso sobre mim e meu olhar era o mesmo para ele. - vamos logo Emma precisa de nòs.- falei agitado, mesmo não gostando da ideia jimin logo aceitou...    

Selamos os cavalos e fomos cavalgando até a vila, chegando lá reparamos a tristeza e a pobreza dos aldeões.... As ruas eram praticamente vazias, não acho que alguém pode ter visto Emma

-E agora o que fazemos ?- jimin resmungou .

-eu tive um sonho.... e no meu sonho eu estava em uma floresta ou uma mata... e havia uma cabana- falei pensativo, distraído....
-Que ótimo vamos seguir seu sonho então!- jimin falou irônico e eu o olhei torto 
-Tem alguma ideia melhor!?- perguntei sério , como falei criamos um respeito mútuo, ele lá e eu cá ... porque achei que daria certo? 
-Na verdade não ... por falta de opções ....- havia uma garota passando e jimin a chamou- ei senhorita?!- ele falou alta chamando a atenção da menina que se encolheu ao perceber que ele falava com ela. jimin desceu do cavalo e se aproximou um pouco dela- Não tenha medo só quero uma informação por favor ...- ele falou educado e se curvou um pouco, a menina o olhou atenta ao que ele falava - poderia me falar se há uma floresta por aqui?- a menina pareceu pensar por alguns instantes e logo se pronunciou
-Sim... ha uma mata não muito longe...-

-sabe me dizer se lá há uma cabana ou algo assim... deve estar abandonada e afastada...- a interrompi, desci do meu cavalo e também me reverenciei em sinal de respeito.

-Sim.. acho que tem uma cabana sim...- olhei de relance para jimin e ele acenou para mim. EMMA aguente eu estou a caminho....

 

P.O.V.EMMA

Acordei mais uma vez, já desmaiei várias vezes... parece que aquela mulher me mandou para uma emboscada DROGA! As cordas que me amarravam a cadeira já haviam cortado minha pele em algumas partes de tão apertadas que estavam.... Havia dois homem encapuzados com o corpo completamente coberto me espancando, eu estava em um tipo de cabana velha... minha roupa estava suja e encharcada de sangue... meu próprio sangue.

-Parece que a princesinha recobrou a consciência- um deles falou debochado.
-É verdade... que tal retornarmos de onde paramos?- o homem que estava com o chicote falou... medo passou por todo meu corpo mas com meu treinamento consegui não deixar que eles notassem... eles vieram propositalmente devagar até onde eu estava, os acompanhei com os olhos todo o tempo.
-Onde foi que paramos? A sim... você ia nos contar um pouco sobre a guarda real....quer dizer... eles são muito bem treinados e bla bla bla mas todo mundo tem um ponto fraco ! Quero saber qual é o deles ! - o homem falou arrogante . Meus lábios se curvaram para cima em um sorriso sínico .
-que pena que querer não é poder não é?-  levei um chicotada em resposta, senti minha carne se ferir e meu sangue quente escorrer do machucado. - esse seu amigo tem a mãozinha nervosa não é!? Cadê o senso de humor!? - o homem ergueu a mão para me dar outra chicotada, mas seu cúmplice ergueu a mão o impedindo.

-Ela foi treinada, e bem treinada digo de passagem - ele falou com os olhos grudados em mim.

 -obrigada- agradeci.

-não me agradeça! você pode a bater quanto queira que ela não vai abrir o bico... vamos ter que mudar de tática - pela voz dele pude notar que ele sorria...

(...)

Ponto positivo... eu não estava mais amarrada a cadeira ....

Ponto negativo .... estava amarrada em pé com os braços para cima, o que era muito desconfortável...

-Quer começar a falar sobre como podemos entrar despercebidos no seu reino?- os dois estavam de volta e eu já estava cansada e sem paciência .

-o que acham de entrar despercebidos no inferno?- minhas forças estão se esvaindo de mim pouco a pouco... não sei se posso aguentar muito tempo.... jungkook espero que me ache...

-A.... vou pensar sobre mas por enquanto tenho coisas melhores para fazer...- o homem que antes estava com o chicote falou com malícia e passou sua mão em minha cintura....

 


Notas Finais


Me desculpem se a História teve erros ou ficou mal formatada é porque troquei de celular e estou com dificuldades para postar rsrsrs
Espero que tenham gostado
Bjus até os comentários 💕


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...