História Tomorrow never dies-Luke Hemmings fanfic - Capítulo 16


Escrita por: ~

Postado
Categorias 5 Seconds Of Summer
Personagens Ashton Irwin, Calum Hood, Luke Hemmings, Michael Clifford, Personagens Originais
Exibições 4
Palavras 531
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Festa, Ficção, Musical (Songfic), Policial, Romance e Novela, Saga, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sexo, Suicídio, Tortura, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 16 - 15Eles me dopavam!!


Fanfic / Fanfiction Tomorrow never dies-Luke Hemmings fanfic - Capítulo 16 - 15Eles me dopavam!!

P.O.V.Bah   
-O que  achou da comida?-perguntou Luke trazendo-me  realidade.
- ótima...-disse de cabeça baixa.
-Bárbara está tudo bem? - perguntou Lukey ao colocar os partos na pia.
-Tô sim. -disse quase em um sussuro.
-okay...-pronunciou o loiro.
-Vou a banheiro,já volto.-falei.
-perai eu vou com você.-disse Luke.
-Sério Luke,  eu vou tocar o absorvente...-disse eu e luke arregalou o olho.
-okay...vai lá -disse ele.
Quando cheguei em meu banheiro, lavei o rosto  e fiquei encarando o meu reflexo no espelho.
Desviei minha atenção à caixa de primeiros socorros e peguei um saquinho  que cotinha meus remédios.
Eu fiquei a os encarar.

P.O.V.Luke 
Bárbara estava demorando muito naquele  banheiro para quem ia só trocar o absorvente.
Fiquei com medo do que ela podia fazer sozinha lá dentro e fui ver isso por mim mesmo.
Cheguei em seu quarto,com muito cuidado pra não fazer barulho e testemunhei a cena que não queria testemunhar. Bah estava segurando o seu saquinho que continha seus comprimidos.
-Não acredito que você vai fazer isso depois de tudo o que te disse.-Disse com os olhos a marejar.
-lu-Luke...-pronunciou a mesma. -não é o que está a pensar. -completou.
-Não, Magina...sabia que você sozinha aqui ia dar merda.-falei e mal deixei ela terminar  e cai fora de seu quarto.

P.O.V.Bah 
Luke tinha acabado de ver-me segurando a porra daqueles remédios.
Eu preciso lhe contar a verdade.
Depois dessa, sai correndo de meu quarto e me dirigir  ao corretor vizinho indo em direção ao quarto de Luke. 
Ele tinha acabado de entrar, em um ato rápido entrei em seu quarto, fechando a porta que se encontrava atrás de mim.
-Sai daqui,agora.-pronunciou  Luke com o travesseiro em cima de seu rosto.
-Não até você deixar te contar a verdade.-falei me sentando em sua cama.
Ele retirou o travesseiro e levantou a sobrancelha como se dissesse prosiga.
-Luke, ninguém além de Nash e o meu ex-namorado, Cameron sabem disso...-ia continuar mas ele me interrompeu:
-Pera ai,o Mikey não sabe disso!?-perguntou-me o loiro.
-Não, eu não tive coragem  de lhe contar.
-E porque estás a contar pra mim? -retrucou Luke.
- porque eu confio em você ...Quando eu estava internada na clínica Luke,o tratamento  não ajudava em quase nada e de todas as maneiras que eles podiam tentar, não deu certo, por isso eles tentaram  uma vez por semana, me engatar um remédio na minha veia, para eu me acalmar e tals.
Pra mim,aquilo não fazia sentido, pois não sabia que estavam me doando.
Quando eu tive o tal recesso da clínica,eles me pediram para continuar a tomar os remédios,mas a dose do remédio era muito alta...O Cameron ficou sabendo por minha parte, que eu me mutilava. Ele e Nash estranharam a quantidade das doses que eu tomava,até um certo dia eu me vicie e não queria parar mais de tomar...Quando eu terminei com o Cameron  eu fique em um estado terrível, com uma depressão das piores e voltaram a me internar na clínica, aí fudeu, pois eles me dopavam de hora em hora.
No dia que eu "sai "da minha depressão,eu finjia que tomava aquelas doses absurdas que me davam.-confessei  tudo a Luke que me olhava atentamente.
Cada detalhe do meu rosto.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...