História Tonight i need you stay. - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Twenty One Pilots
Personagens Josh Dun, Tyler Joseph
Tags Gay, Joshler, Jyler
Exibições 28
Palavras 1.226
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Lemon
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Em comemoração ao niver do Ty, vai ter One shot sim, só por causa do Hot.

Se o hot não ficar tão bom assim, sorry. Nunca escrevi hot lemon na minha vida ♥

Capítulo 1 - Happy Birthday, Tyler - Capítulo único


Fanfic / Fanfiction Tonight i need you stay. - Capítulo 1 - Happy Birthday, Tyler - Capítulo único

Sinto que Joshie tem andado distante. Não sei se é pelo o que disse, mas, desde que me declarei, nada mais tem sido igual, nossos shows ainda são eletrizantes, mas precisamos de mais, eu preciso de mais. 

Não sei como ele tem a coragem de simplesmente se afastar depois de tudo o que disse, já foi tão difícil pra mim lidar com tudo o que eu senti, e tentar passar pra ele em forma de palavras. E agora estou com minha mente tão fodidamente fodida, que sequer consigo pensar em outra coisa. 

Nós combinamos de sair hoje, depois da nossa apresentação, pois é meu aniversário, (Combinamos antes de tudo acontecer, mas acho que ele não me "jogaria" pra um canto qualquer apenas por isso). 

"- Joshie. - Falei, enquanto o garoto tirava sua camiseta molhada de suor no camarim. Seus olhos se colocaram diretamente aos meus, e eu fiz o mesmo. - Preciso conversar com você. - Tirei meus olhos dos seus, e os posicionei em seu abdômen "melado", que parecia me chamar a todo instante. Percebi que encarava sem disfarçar, então mudei meu olhar de direção. 

- Pode falar, irmão. - Joshie disse, pegando uma garrafa de água, e se sentando em um dos sofás que lá haviam. 

- Eu... - Senti meu estômago se revirar, de todas as maneiras, me causando enjôos, meu rosto começou a queimar, e minhas mãos a suarem. Consegui sentir meu Blurry se aproximar. 

Nada mais saía dos meus lábios, eu simplesmente havia travado. 

- Ty! - O garoto me chamou, vendo minha situação. Fazendo assim com que eu me concentrasse no que iria falar. Achei melhor não pensar muito, para que depois não me arrependesse das minhas escolhas. 

- Joshie, você é o meu melhor amigo... O meu único amigo, e não quero que absolutamente nada mude, você vai ter que me jurar... Por favor. - Fechei meus olhos, e respirei fundo, me preparando psicologicamente para aquilo. 

- Ty, to começando a me assustar. 

- Você tem que jurar! 

Joshie levantou sua mão direita e disse:

- Eu, Joshua Willian Dun, juro que continuarei seu amigo, por mais bizarro que seja o que você quer me contar. 

- Joshie... Eu... - Fez-se uma pausa, o garoto de cabelos coloridos parecia pretar muita atenção. - Eu te amo. 

Suspirei aliviado, quando disse isso, mas ainda tinha que encara-lo, o que me deixou nervoso e ansioso para sua resposta. 

- Eu também te amo, afinal, somos melhores amigos. - Joshie deu um daqueles seus sorrisos fofos, não que em algum momento tal deixasse de ser, porém, particularmente ali, ele estava da forma que eu queria, dando aquele sorriso. 

- Não... Acho que você não entendeu muito bem, fren. 

A expressão do garoto mudou imediatamente. 

- Como assim, Ty? 

- Porra, fren. Já está sendo difícil de te falar isso. - Senti meus olhos encherem-se com lágrimas quentes. - Eu simplesmente te amo. 

- Ama? Você me ama? - Logo que disse isso, se levantou, derrubando assim a garrafa que antes tinha água, que estava em seu colo. 

Observei cada passo que ele dava, parecia ser passado em câmera lenta. Joshie então abriu a porta do camarim e saiu, me deixando ali, sem resposta alguma."

Está perto do horário de nos encontrarmos, joshie e eu combinamos de ele vir na minha casa, fazer qualquer coisa. E eu estou a beira de um ataque de nervos, tudo em mim parece que vai explodir a qualquer instante. 

Estou esperando, mas pelo jeito, ele não virá, vou subir pra tomar um banho, esperei por ele durante o dia todo. 

Estou nu em frente ao espelho, que é coberto por uma toalha, porém poucos segundos antes de entrar no chuveiro, ouço tocarem a campainha. Desço com a toalha que antes cobria o espelho em volta da minha cintura. 

Abro a porta, sem ao menos pensar nas consequências de um homem seminu abrir a porta a noite, sem olhar no "olho mágico".

- Ãhn... - Joshie disse, assim que me viu daquela forma. - Enfim, parece que suas táticas de conversa são bem... Exóticas, não? - Ele ri, e me sinto corar por completo. 

- É que... - Olho para as minhas mãos, enquanto me pergunto o por quê de ainda permanecer aqui. - Eu ia tomar banho. Não sabia se você viria, afinal... 

E agora foi a vez de Joshie corar. 

- Me desculpa por aquele dia, eu apenas... - O moreno se aproximou. - Nunca pensei que seria correspondido. 

Oi? Espera, é isso mesmo que estou ouvindo? 

Josh continua a se aproximar, e eu sem reação alguma. Sinto suas mãos em minhas cinturas, estamos a alguns centímetros de distância, damos passos pra trás, até eu ser prensado contra a parede fria. 

-Feliz aniversário, Ty. - Josh sussurrou em meu ouvido, e logo em seguida dando mordidas leves em minha orelha. 

Eu ainda estou estático. Esperei tanto por esse momento, minha toalha estava sendo segurada apenas por meu membro já ereto. 

Coloco uma de minhas pernas ao redor de sua cintura, e finalmente nos beijamos, é um beijo calmo, mas que vai se intensificando conforme o clima vai esquentando. 

Suas mãos descem até minha bunda, e as minhas permanecem em seu pescoço, o pressionando contra mim. 

Vou descendo minhas mãos lentamente, para que percorram cada parte de seu corpo, eu quero senti-lo. 

Desabotôo seu cinto, enquanto Joshie destribui beijos e chupões pelo meu pescoço. 

Pressionei seu membro e pude notar o quão duro estava, então me ajoelho e o coloco em minha boca, ouço Joshie gemer baixo, mas seu tom vai aumentado. Joshie me pressiona contra o seu membro grande e pulsante, o sinto foder minha garganta. Percebi que Joshie ia ter um orgasmo, pelo prazer estampado em seu rosto. 

- Ty... Awnn... Não precisa engolir se não quiser. - Joshie diz em meio a gemidos. 

Mesmo com Joshie tendo dito aquilo, apenas ignoro, e o bebo até sua última gota. 

Me levanto e voltamos a nos beijar, enquanto Joshie me masturba. 

O garoto me pega em seu colo e me leva até o sofá, me sento em tal e Joshie vem rebolando em meu colo. Eu já não aguento mais, então tiro sua camisa, e distribuo beijos por todo seu peitoral. 

- Joshie. - o garoto me oberva com olhar apreensivo, então falo em seu ouvido. - Só... Me fode. 

E então como em um passe de mágica, Joshie está sem sua calça e sem sua cueca, seu pau está duro e ele está em pé, e me olha de uma forma fofa, morde ser lábio inferior, e se fica em cima de mim, nossos paus roçam um no outro e isso me excita. 

Sinto Josh se colocar em minha entrada. 

- Você está pronto, Ty? - Assenti com a cabeça, e então pela primeira vez o senti dentro de mim, ele faz movimentos fracos, que porém foi aumentado, até sentir fortes estocadas e então mais fortes ainda, eu começo a gemer o nome de Joshie e a dizer coisas obscenas para tal. 

Tenho um orgasmo na barriga de Joshie, e ele tem um dentro de mim. 

Assim que Josh se retira de dentro de mim, se deita ao meu lado ofegante. 

- A propósito... - O garoto solta. - Eu também te amo, e muito! 

Josh me da um beijo e eu adormeço em seu peito. 

...


Notas Finais


Hii, não ficou tão bom, porém eu estou com sono, porque madruguei de ontem pra hoje, pra ver se o Ty ou Josh postavam algo, mas não rolou. ;-; e hoje estou madrugando pra postar... To quase desmaiando de sono... Enfim, perdoem algum erro, e/ou simples erro de fazer um one shot.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...