História Too Good To Say goodbye - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bruno Mars
Personagens Bruno Mars, Personagens Originais
Tags Amor, Brunomars, Hooligans, Prazer, Sexo
Exibições 51
Palavras 511
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Festa, Ficção, Mistério, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 1 - Onde tudo começou...


Fanfic / Fanfiction Too Good To Say goodbye - Capítulo 1 - Onde tudo começou...

Kaemy Lester, uma jovem garota de 22 anos, brasileira e empresária, mora em Los Angeles, onde administra um de seus restaurantes. Administração e cozinha sempre foi seu forte. Apesar de ja ter a vida ganha graças a seu esforço e dedicação, Emy, como a chamam, é uma pessoa muito humilde e especial, sem dúvida nenhuma. Ela se mudou pra uma casa nova faz 2 dias, uma casa enorme, com vários quartos, piscina... todo conforto que ela merece.

Quinta feira, um dia ensolarado, pouco mais das 11 da manhã, ela estava trabalhando em seu escritório que havia em sua própria casa, dali ela cuida dos negócios que há no Brasil e aqui em Los Angeles. La estava ela concentrada quando Cida, a mulher que trabalha em sua casa, bate na porta e entra dizendo.

Cida: Emy chegou alguns envelopes aqui, mas provavelmente deixaram por engano. Esta no nome de Peter Gene Hernandez.

Disse ela olhando os envelopes.

Emy: Deve ser de algum vizinho

Cida: vou bater na casa aqui ao lado, deve ser dali.

Ela ja estava se retirando quando Emy diz indo em direção a ela:

Emy: Não Cida... pode deixar que eu vou, preciso conhecer os vizinhos, ainda não troquei uma palavra com ninguém.

Cida: certeza?

Emy; sim, da aqui.

Emy falou pegando da mão de Cida e dando lhe um beijo em sua testa.

Cida: vou terminar o almoço então

Emy: ta, obrigada.

Cida se retirou. Emy apenas pegou seu celular que estava em cima da mesa e desceu as escadas rapidamente para descobrir quem seria o dono daqueles envelopes entregues em sua casa.

Emy; Casa número 11. -disse pra ela mesma olhando a casa a frente -Essa da frente não é.. Aaa é aquela ali.

Falou caminhando rapidamente em direção a casa do lado da sua. Se aproximou e tocou a campainha por 5 vezes até que um homem com uma toalha enrolada em sua cintura, cabelos molhados abre e diz:

Bruno: oi linda, desculpa a demora estava no banho, posso ajudar?

Emy o olhou de cima em baixo, focando bem onde a toalha cobria e respondeu mesmo desconfiando que o conhecia de algum lugar.

Emy: sim, quer dizer... eu acho. Seu nome é Peter?

Bruno: sim, acho que ainda é -Bruno respondeu e deu uma risada baixa. -Por que?

Emy: É que deixaram isso ali na minha casa e deve ser seu. -Emy disse dando lhe os 2 envelopes.

Bruno: Aaa sim, claro são meus... muito obrigado. Ham... Quer entrar? Você deve ser a nova vizinha? Entre um pouco. Deixe eu lhe servir uma bebida em agradecimento por trazer isso aqui pra mim.

Emy: aceito

Ela sorriu baixo e entrou ainda desconfiando que ja tinha visto aquele rapaz em algum canto, a todo momento ela se questionava se teria o visto algum dia no restaurante, mas não se recordava.

Bruno; o que quer beber? Toma whisk?

Emy: Claro, eu amo.

Bruno: wou, gostei, você é das minhas.

Bruno falou se virando pra colocar a bebida que estava em cima de um balcão ali mesmo na sala.

Bruno: aqui, um ótimo whisk.

Ela pegou e se sentou, não conseguia parar de imagina-lo sem aquela toalha...


Notas Finais


Comente...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...