História Too sweet - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Híbrido, Jikook, Namjin, Vhope
Exibições 309
Palavras 2.417
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Ficção, Fluffy, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi
Avisos: Bissexualidade, Gravidez Masculina (MPreg), Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


To amando tanto escrever essa fic que sempre que pego no celular quero escreve-la.

Espero que gostem, boa leitura!

#LEIA AS NOTAS FINAIS#

Capítulo 3 - Provocações


#JUNGKOOK#

Abro os olhos, por incrível que pareça, vejo Jimin abraçado ao meu corpo me encarando. O mesmo me aperta mais em seus braços e enrola seu rabinho na minha cintura.

- O que você quer, Jimin? - O híbrido sobe sobre mim deixando suas pernas uma de cada lado do meu corpo. Seu rabinho começa a balançar junto a sua bunda pressionando a em meu membro me deixando excitado.

-  Quero que você me foda! - Ele abaixa seu rosto e junta nossos lábios em um beijo feroz e afoito, nossas línguas brincam uma com a outra se enroscando e deixando um ósculo delicioso e excitante.

Seguro sua cintura e o viro para deita-lo na cama, me posiciono entre suas pernas e começo a dar chupões em seu pescoço.

- Ni-niah! - Jimin mia manhoso, em quanto brinco com seu pescoço e acaricio seu abdômen. Desço minhas mãos até seu membro já desperto e aperto o mesmo ouvindo Jimin murmurar em prazer. - Jungkook, acorda!

- O que? - Pergunto confuso.

- Acorda! - Continuo sem entender por que ele está dizendo isso em uma hora como essa.- Jimin está com fome.

Abro meus olhos espantado e vejo Jimin me balançando e reclamando de fome. Aquilo foi um sonho? ... É óbvio que foi um sonho ele nunca diria " me foda" Não acredito que tive um sonho erótico com meu híbrido.

- Kookie! - O mesmo me faz despertar e eu levanto para lhe fazer alguma coisa para comer.

Já passou-se duas semanas que estou com Jimin, hoje é sábado, então vou passar a tarde toda com ele. Isso me deixa meio desconfortável, agora sempre que fico muito tempo com ele me sinto estranho e tenho medo de fazer alguma coisa que possa machuca-lo - fisicamente ou mentalmente, talvez até os dois. - hoje está um dia bem quente. Sabe quando sua casa parece um deserto com 3 sóis queimando sua cara, pois é, aqui está assim.

Eu e Jimin já almoçamos e como o mesmo me obedeceu prometi dar-lhe um picolé de presente. Fui comprar alguns na sorveteira que tem aqui perto, a mesma estava cheia pelo calor que está fazendo hoje. Voltei para casa e Jimin já estava na porta me esperando, dei-lhe um e peguei um para mim e fui colocar o resto na geladeira para não descongelar.

Jimin escolheu um picolé de morango e eu de chocolate. Ele começou a chupar o picolé com vontade, me fazendo ter fisgadas abaixo do ventre - estou tendo pensamentos impróprios outra vez - tiro meus olhos de Jimin e me concentro no meu gelado.

- Kookie - Me viro para o mesmo. - Deixa Jimin provar do seu picolé? - Isso foi bem inocente, mas na minha cabeça sôou como malícia e acabei ficando nervoso e imaginei coisas outra vez. - Kookie?

- Hãm! - Volto ao mundo real. - Toma. - Estico o picolé para o mesmo que mordeu a ponta.

- Seu picolé é mais gostoso que o do Jimin! - Ele diz triste.

- Dúvido muito. - Ele vira a cabeça para o lado e me olha sem entender. - Não é nada, esquece. - Ele dá de ombros e continua a chupar seu picolé.

                             

                                ( ... )



Já estava de noite, e posso dizer que sou expert em sobrevivência, por quê? Porque Jimin passou a tarde me provocando, sem ao menos saber o que estava fazendo. Ele ficou me pedindo carinho a tarde toda e não desgrudava de mim, tava tão carente teve até uma hora que me controlei para não ataca-lo.



# LEMBRAÇAS PERTURBADORAS DE JEON JUNGKOOK#



- Kookie. Acaricia Jimin, por favor! - Ele fazia carinha de triste.

- Eu já te acaricie.

- Mas Jimin quer mais carinho. - Não resisti e comecei a lhe dar atenção. Ele tentava ter o máximo de contato com meu dedos se aproximando cada vez mais de mim e isso é tão cliché, mas ele acabou vindo parar nas minhas pernas.

Jimin pareceu não ligar e continuou ali recebendo carinho de mim.

- Kookie. - Me chama envergonhado

- O que?

- Acaricia o... - Ele não termina de falar e começo a imaginar coisas e com ele em cima de mim desse jeito me deixa excitado e começo a sentir meu membro endurecendo.

- O que você ía dizer, Jiminie? - Pergunto curioso e esperando "aquela" resposta.

- Acaricia o rabinho do Jimin. - O mesmo cora fortemente com sua própria fala. Não era bem o que eu queria ouvir, mas o mesmo nunca deixa eu tocar no seu rabinho.

A tentação é tão grande que nem nego. Levo a mão que estava em sua cabeça e começo a massagear seu rabinho. No primeiro toque de minha mão no local o gatinho estremeceu sobre minhas pernas. Seu rabinho é tão macio e seu pelo é tão sedoso, poderia acaricia-lo o dia todo.

- Ni-niah! -Ele sussurra, se não estivesse perto do mesmo não escutaria seu miado. Sinto meu membro vibrar dentro da calça. Jimin começou a se mexer por conta do meu contato com seu rabinho sensível.

- A-awn! - Acabei soltando um gemido baixinho por sentir sua bunda tão perto do meu membro. Ele olhou pra mim com uma expressão curiosa. Segurei em seu cintura e o tirei de cima de mim. Sai da sala e fui pro banheiro tentar sumir com a ereção no meio das minhas pernas.





# FIM DAS LEMBRAÇAS PERTURBADORAS DE JEON JUNGKOOK#



  Já estávamos deitados, Jimin estava dormindo agarrado a mim, como fez a tarde toda. Peguei meu celular em cima da mesinha ao lado da cama.

~ Mensagem ~
★ HOPE HYUNG ESTÁ ONLINE★

{Eu} Hyung!
{Hope} O que foi?
{Eu} Jimin não desgruda de mim. Ele está muito carente, não para de pedir carinho.
{Hope} Eitha!
{Eu} O que foi?
{Hope} Acho que o cio do Jimin tá chegando. {Eu} O que eu faço hyung?
{Hope} Não sei, se decide aí, mas você precisa saber de umas coisas.

~ Hope começa a escrever um textão, achei que fosse uma Bíblia, ele explicou que quando os híbridos estão próximos do cio, ficam muito carentes e começam a pedir carinho excessivamente. Depois, começam a sentir dores fortes, e por último, mais dores com contorcionismos -de dor óbvio  ~

Não sei o que vou fazer com Jimin se contorcendo de dor, mas precisarei fazer alguma coisa. Porém por hora não vou pensar nisso, só vou esperar essa hora chegar.


                                 ( ... )



As férias da minha faculdade finalmente chegaram e as minhas aulas de dança já acabaram,  os meninos decidiram viajar para a casa de praia da família do Namjoon hyung. Iremos passar todos os dias das férias lá.

Estava arrumando minhas coisas e as de Jimin - eu finalmente tomei vergonha na cara e comprei roupas pro Jimin. - acabei de arrumar e esperei Yoongi hyung vir nos buscar no seu carro.

Ele chegou, levei nossas coisas pro carro e entrei no mesmo. Yoongi começou a dirigir seguindo o carro de Namjoon que estava com o restante da turma. A viajem demorou umas duas horas em ponto. Eu e Yoongi fomos conversando o tempo todo e rindo muito, Jimin foi o tempo todo emburrado do meu lado.

Chegamos na casa, bem bonita por sinal, mortos. O local era grande e tinha muitas janelas de vidro e uma piscina enorme, Jimin ficou emprecionado. Dividimos os quartos das seguintes formas: Tae e Hope, Nam e Jin, eu e Jimin e Yoongi. Só havia 4 quartos e o único solitário aqui é Yoongi hyung.

Jin e Namjoon estão tendo um rolo, nós meio que já sabíamos disso - tava na cara que esses dois se comiam -  Tae e Hope se assumiram e Yoongi, bom ele tá sozinho. Arrumei minhas coisas no quarto em quanto Jimin ficou na sala, lá em baixo, conversando com o resto das pessoas da casa.





#JIMIN#







Estou sentado no sofá, e os meninos ao meu redor. Estão me enchendo de perguntas vergonhosas, cade Kookie que não aparece?

- Jimin, Jungkook já te viu sem roupa?

- Yoongi, ele não vê Jimin sem roupa! - Respondo envergonhado.

- É hyung. - Ele me corrige.

- Você já beijou ele? - Taehyung me pergunta e todos me encaram.

- Por que estão fazendo essas perguntas pra Jimin?

- Porque estamos curiosos. - Namjoon responde. Jin entra na sala e briga com os garotos, mandando os parar de me perturbar.

Eles saem para a piscina e me deixam sozinho  com Taehyung. Jungkook, ao meu ver, meio que está me ignorando, ele só estava conversando com Yoongi hyung e não me deu atenção a viajem toda, eu quero que ele faça carinho em mim.

- Jimin, nós somos amigos, não é? - Balanço a cabeça positivamente. - Então me responde. Você gosta do Jungkook? - Faço o mesmo ato com a cabeça e vejo Tae sorrir. - Você quer ter a atenção dele só pra você não é? - Concordo. - Quer que eu te ajude?

- Jimin quer sim! - Tae vem pra perto de mim e sussurra coisas na minha orelha me deixando vermelho. Jungkook desce as escadas e parece bravo por me ver assim com Tae. Ele passa direto e não fala nada indo para o quintal onde os outros estão. - Se Jimin fizer isso Kookie vai amar ele pra sempre? - Tae balança a cabeça concordando.

Fico pensativo e imaginando fazer isso que Tae disse com o Kookie, isso é bem vergonhoso. Ele disse que por hora, vamos começar com provocações que ainda nem sei quais serão.





#JUNGKOOK#



A tarde foi bem divertida, ficamos na piscina conversando e fazendo brincadeoras, Jimin não desgrudava de Taehyung. Sinto tanto ciúmes quando vejo eles dois juntos que fico com raiva sem perceber e sempre que Jimin fala comigo sou ignorante com ele, mas não é porque eu quero, é como se fosse um expulso nervoso.

Todos nós decidimos acordar cedo para irmos para a praia de manhã cedo. Depois do jantar que Jin fez para nós, fomos nos arrumar para dormimos. Entrei no meu quarto, Jimin já estava deitado.

- Kookie! - Diz manhoso - Jimin está sentindo dor.

- Aonde? - Digo sentado ao seu lado na cama.

- Aqui oh! - Ele aponta para suas coxas. Fico pensando por que logo aquele lugar que eu tanto quero apertar?

- Onde você machucou a coxa? - Me responde balançando a cabeça sem saber a resposta.- Você quer tomar algum remédio? - Ele nega.- Então, o que você quer que eu faça?

- Faz massagem no Jimin. Tae disse que Hope sempre faz massagem nele quando ele está com dor. - Sei muito bem onde é essa massagem que ele faz.

Coloco minhas mãos sobre as coxas descobertas de Jimim. Agora que percebi, o mesmo só está de box e com uma camisa branca que cobre um pouco das suas coxas - ele nunca me deixa o ver de cueca-  Sinto o gatinho estremecer aos meus toques. Começo a fazer uma massagem, com as duas mãos em suas coxas.

- Kookie. - Praticamente sai como um miado.- Sobe mais um pouco. - O olho incrédulo, mas não evito em fazer.

Minhas mãos pausam quase bem perto de sua virilha,  começo a apertar o local o vendo gemer baixinho. Isso está me tirando do sério, minha cabeça só falta explodir e meu corpo está em chamas com esses simples atos. Preciso parar.

- Tá melhor? - Ele mexe a cabeça positivamente, completamente vermelho,em quanto me afasto dele. Me deito na cama e ele faz o mesmo vindo pra perto de mim e abraçando-me, virou mania dormimos assim.





#HOSEOK#




- Hope, eu quero carinho. - Sorri para o mesmo e começo a lhe dar carinhos na cabeça.
Ele está sentado do meu lado na cama, seu rabinho balança de um lado pro outro feliz com minhas carícias em suas orelhas felpudas.

- Hope. - Ele me olha manhoso. - Seu gatinho quer leitinho. - O encaro malicioso e ele faz o mesmo.

- Então pegue seu leitinho. - Ele sorri alegre e começa a me beijar afoitamente.

Nossas línguas se enroscam uma na outra fazendo um ósculos quente e demorado. Seguro em sua cintura o colocando sobre minhas pernas. Ele começa a rebolar sobre meu membro já me deixando excitado -  deixamos o beijo por falta de ar -  Tae tira minha camisa e começa a dar atenção ao meu pescoço lambendo e mordendo o local,  ele pousa suas unhas sobre meu abdômen o arranhando.

Tae esquece meu pescoço e vai descendo beijos até minha barriga, o mesmo  aperta meu membro já duro me fazendo arfar. Ele sai de cima de mim e se ponhe de joelhos na minha frente.

- Fica em pé pro seu gatinho Hope. - Faço o que o mesmo pediu e fico de pé. Ele sempre faz o que quer comigo, e eu nunca reclamo.

Ele pós suas mãos no cós do short que usava e o puxou junto com a cueca box liberando meu membro. Ele segurou com força o mesmo e começou a me masturbar devagar em quanto me encarava. Fazia um vai e vem lento e torturante me fazendo gemer baixinho.

- V-vai logo Tae! - Suspiro - Não aguento mais esperar.

Ele sorri sínico e lambe a ponta do meu pênis. Desce beijo molhados pelo meu falo e sobe com uma labida me fazendo estremecer, finalmente, ele abocanha de uma vez meu membro fazendo um vai e vem gostoso. Ele masturba o que não cabe em sua boca e engole o resto, sinto meu pênis tocando em sua gargata.

- A-awnn Tae que boca gostosa você tem. - Ele geme em quanto me chupa fazendo sua boca fazer umas vibrações gostosas. - Tae eu to quase.

- Pode vim, meu amor. - Com isso não faltou nada para que me desfizesse em sua boca. O mesmo engoliu todo meu líquido com vontade e ainda deixou uma lambida na ponta do meu membro.

Me sento na cama por conta do orgamo que tive alguns segundos atrás e ele vem pro meu lado limpando sua boca. Deixa um selinho nos meus lábios e se deita ficando de costas pra mim. Sério que você vai me deixar assim, eu quero mais!

Ele sempre faz isso, além de mandar em mim ele me deixa na vontade. Você vai ver só Kim Taehyung, nessas férias quem vai ser o chefão sou eu!







Notas Finais


Desculpem qualquer erro, sempre reviso umas duas vezes, mas sou meio cega, então deixo escapar várias coisas.


No capítulo passado vocês não gostaram do Kookie sendo rude com o Minie, mas pra ter amor também tem que ter uma pitada de ódio, então não castrem o Kookie porque essa raiva toda é falta de sexo e de Jimin também ( ͡° ͜ʖ͡°)


《♥♥ Beijos ♥♥》
Até o próximo capítulo, que deve sair em menos de uma semana, não prometo nada!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...