História Total Drama International Selection - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Ilha dos Desafios
Exibições 16
Palavras 3.599
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 10 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Ficção, Romance e Novela
Avisos: Heterossexualidade
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Olá pessoas, como estão?
Sempre quis fazer uma fic de TD, só que nunca achava ideias, enfim consegui fazer algo que me agrade e espero que agrade a outros também, curtam a fic e boa leitura

Capítulo 1 - Apresentação: Os 12 participantes e a formação de equipes


Seis temporadas... 52 participantes, chegou a hora de renovar!

Chris: Olá a todos! Sou Chris Mclean, o apresentador se todas as temporadas de Drama Total, após 2 anos a ilha Wawanakwa foi completamente reconstituída e, agora, iremos com tudo para uma nova temporada, desta vez convidamos 12 participantes de todo o mundo para batalhar por 1 milhão de dólares, este é TOTAL DRAMA INTERNATIONAL SELECTION.

Chris: E nada melhor que apresentarmos os participantes - ele vai ao cais e chega um barco, de lá sai um garoto de pele morena, quase negro, cabelos pretos, usava uma camisa verde e um shorts jeans com um chinelo - vindo do Brasil, Carlos.

Carlos: Chris Mclean, é um prazer - ele estende sua mão, o apresentador aperta a mão do competidor que ao término do toque ele se posiciona ao lado do apresentador.

Chris: Agora, diretamente da Austrália - aparece uma garota loira, cabelos longos com uma camisa azul-água, um shorts jeans e uma rasteirinha - Anka.

Anka: Olá - ela fala para Carlos que olha maravilhado para a garota.

Carlos: Olá, Carlos Pereira, Brasil.

Anka: Anka Walter, Austrália - os dois dão um aperto de mão.

Chris: Ok, continuando, Brandon, do País de Gales.

Carlos: País do que?

Brandon: Gales. - um garoto de cabelos pretos com uma blusa preta e calças jeans com sapatos pretos - Um país ao lado da Inglaterra, parece que não estudou geografia, não é?

Carlos: Não, nas escolas só lemos sobre paises importantes.

Chris: Bem, deixando isso de lado, da França, temos Fran - um outro barco chega e sai uma garota de cabelos pretos até o fim das costas, usava uma boina marrom, um cachecol branco, uma jaqueta jeans aberta com uma camisa listrada branca e vermelha, uma calça jeans preta e uma sandália preta.

Fran: Prazer, sou Francis, mas todos me chamam de Fran - ela fala o inglês com um sotaque francês forte.

Chris: ta bom francesinha, temos mais 8 pessoas e este programa só tem 30 minutos.

Carlos: Isto aqui não é uma fanfic? - diz ele cochichando a Anka.

Anka: Sim, mas é preferível que não quebremos a quarta parede.

Carlos: Quarta o que?

Anka: deixa pra lá.

Chris: Agora diretamente da Argentina, Eduardo! - um garoto branco cabelos arrepiados pretos, com uma camisa branca e com faixa vermelha na frente, usando jeans e sapatos aparece.

Carlos: Argentina? - ele encara Eduardo que ignora.

Eduardo: Algum problema?

Brandon: Provavelmente ele esta assim por causa da rivalidade esportiva.

Eduardo: Ah, qualé cara, deixe o futebol de lado, vamos nos divertir e tentar ganhar um milhão.

Chris: Ok, vamos ao sexto participante, a garota que veio das terras inglesas: Kim - do barco sai uma garota com cabelos loiros até o meio das costas, pele pálida, usava uma blusa verde, calça jeans e uma sandália preta.

Kim: Oi novos companheiros, sou Kimberly vinda de Londres - ela vai em direção onde os outros cinco se encontram.

Chris: Sétimo, agora, vindo da Califórnia, EUA diretamente para a Ilha Wawanakwa, Doug. - aparece um moreno de cabelos arrepiados de camisa branca com uma jaqueta vermelha e com shorts jeans e chinelo do barco.

Doug: Eae galera - ele vai em direção aos outros e os observa - River Plate, né? Tu deve ser o argentino.

Eduardo: É, incrível você adivinhar isso.

Doug: Eu tenho uma alta percepção, o moreno ali deve ser o brasileiro, ja aquela loira de azul a australiana - ele fala se referindo a Carlos e Anka - a garota de boina é a francesa. Ja os outros dois devem ser de algum lugar da Europa.

Brandon: Acertou, eu sou gales e a Kimberly é inglesa.

Doug: Como eu disse, alta percepção - ele anda pelo cais até parar ao lado de Kim - será um prazer lhe conhecer.

Kim: Nossa, obrigada, eu acho.

Chris: Oitavo participante, vinda de Luanda na Angola, Iana - sai do barco uma garota negra com cabelos enrolados até suas costas, camisa preta, calça jeans e uma sandália.

Iana: Olá pessoal.

Brandon: Então... África, como conseguiu se inscrever?

Fran: O que quer dizer?

Brandon: Bem, a África não é um continente rico.

Kim: Você sabe que nem todos os africanos esta em situações deploráveis, né?

Brandon: é..., bem...

Iana: Deixem pra lá, afinal, se eu ganhar o milhão eu pretendo ajudar as pessoas do meu país.

Eduardo: Sério? Que maneiro.

Chris: Certo, o nono participante, vindo da China: Jin - aparece um garoto extremamente magro de cabelos pretos e óculos uma camisa de botão branca, calças jeans e sapatos marrons.

Jin: Chris, meu advogado mandou pra equipe do programa uma lista das coisas que não devo consumir?

Chris: E sua lista de fobias, fique junto dos outros, estranho.

Jin: Claro.

Chris: a décima participante, vinda da Escócia: Gerlane - desce do barco uma garota ruiva com sardas, cabelos quase nos ombros, uma camisa azul-escura, uma calça jeans e uma sandália.

Gerlane: Então é aqui que eu vou ficar? Eu acho que cometi um erro ao me inscrever.

Chris: Certeza? Nós ainda podemos te levar embora, mas você vai perder a chance de ganhar um milhão de dólares.

Gerlane: Certo, melhor eu ficar.

Fran: Mais alguém do Reino Unido?

Chris: o que quer dizer com isso?

Anka: Escócia, Gales e Inglaterra são todos paises do Reino Unido, por enquanto tem o mesmo número de pessoas da América.

Chris: Quem se importa, o único pais do Reino Unido importante é a Inglaterra.

Brandon: Não podem mais dizer que eu sou preconceituoso.

Doug: Ainda acho que não.

Chris: Ok, número 11 da Alemanha temos Fenwick - Aparece um garoto loiro, cabelos arrepiados, tinha uma blusa vermelha com uma camisa preta, calça jeans e sapatos pretos.

Carlos: Alemanha? Sério? Tantos paises no mundo e você escolhe a Alemanha?

Eduardo: Cara, a copa ja passou, esqueça o 7 a 1.

Carlos: Não tem como não esquecer esse desastre.

Chris: Bem agora que estão todos aqui...

  -É... Com licença...Chris?

Chris: Ahn, quem esta me chamando?

Doug: Chris, creio que só apresentou onze de nós.

Chris: Ué, mas... - ele pega algumas fichas - ah, sim, Hayalo né?

  - Ha-Hayako - aparece uma garota com cabelos pretos, olhos puxados e usava um vestido branco e uma sandália. 

Chris: Ok, do Japão: Hayako, se junte ao resto do pessoal. - Ela faz um sim com a cabeça e vai junto aos outros onze - certo, tenho que explicar algumas coisas, vocês serão divididos em dois grupos, e isso sera definido daqui a pouco, mais uma coisa, todos os participantes poderão falar coisas que querem tirar da mente ou algo engraçado para o confessionário, terão total liberdade pra ir pra lá, em cada eliminação cada participante da equipe deve falar coisas sobre o participante eliminado ou sobre a votação, qualquer coisa que vier a mente, recomendamos que vão até lá agora, devem ter algo pra falar sobre uns aos outros.

Confessionário On

Doug: Então, pretendo falar sobre meu objetivo aqui: ganhar um milhão de dólares, mas o que eu ganhar aqui é lucro, Kim é incrível, e se eu ganhar ela não vai me fazer mal ganhar um milhão de dólares na conta.

 

Carlos: Acreditam em amor  primeira vista? A Anka é incrível, ela é tipo... Uau.

 

Anka: Certo, o Carlos pareceu gostar de mim, mas é preciso de foco no jogo, relacionamentos em reality shows quase nunca dão certo, eu prefiro perder um namorado do que um milhão de dólares.

 

Eduardo: Os únicos realmente focados no jogo são a Anka e o Doug, os outros parecem estar aqui como se fossem férias de verão no Canadá. O importante aqui é o milhão, não podemos nos dar ao luxo de perder isso por outras coisas.

 

Iana: Bem, até onde eu vi a pessoas bem legais aqui, a Fran e a Kim me acolheram bem na minha chegada, acho que me darei bem com elas, se eu me juntar com as duas seremos imbatíveis.

 

Fenwick: Eu quero deixar claro: o que realmente importa aqui é o milhão, eu não me importo com a quantidade de coisas esquisitas que o Chris vai fazer, eu vou estar pronto pra tudo.

 

Kim:Então..., Doug, ele é um cara legal, eu não vim aqui pelo milhão, obviamente ele seria ótimo, mas o mais importante aqui é fazer amigos... e um namorado não seria nada mal.

 

Gerlane: A competição parece que não vai ser tão difícil, ninguém parece levar isto a sério, parece que vou ter que agir por conta própria até o fim.

 

Jin: É, o milhão seria bom,  mas é melhor que eu não consuma nada que possa me matar, eu sou alérgico a laticínios, amendoim, abelhas...

 

Hayako: Lá na minha cidade sou conhecida como "garota fantasma", eu realmente não quero pegar esta fama aqui, parece que tem gente bem legal aqui, meus pais me inscreveram nesse programa pra que eu pudesse me socializar, espero que de tudo certo.

 

Brandon: Sério que eu vou ser tachado de racista aqui? Quando eu ganhar aquele milhão eu vou ter certeza de ajudar as pessoas nessas instituições de menos afortunados.

 

Fran: Conseguir a lealdade de alguns otários, eliminar os mais fortes primeiros e chegar ao milhão, não importa quem for, eu vou pisar em todo mundo e pegar meu milhão.

Confessionário off

Chris: Ok, agora que já falaram o que tinham pra falar, vamos ao desafio para a formação das equipes, neste desafio terão que chegar do outro lado da ilha, vocês podem chegar lá de duas maneiras: dando a volta na ilha, pela praia ou passando pela floresta, por dentro da ilha.

Doug: Não ia fazer mais sentido ir pela floresta do que dar a volta?

Chris: Sim, mas passando pela floresta você corre o risco de encontrar alguns animais selvagens.

Jin: A-animais selvagens? Que tipo de animais?

Chris: Coelhos, Esquilos... Ursos...

Carlos: U-ursos?

Anka: Já me decidi, vou em volta da ilha - Ela começa a correr se afastando dos outros.

Carlos: Eu vou com você - Ele começa a correr atrás dela.

Brandon: Espera, ta valendo?

Chris: Se eles já começaram.

Eduardo: Certo, eu vou pela floresta - ele corre em direção a floresta.

Brandon: Eu vou em volta - ele começa a andar em direção a praia.

Fenwick: Vou pela floresta - ele anda em direção a ilha.

Jin: Certo, analise as possibilidades, você pode morrer se for pela floresta, então...

Doug: Deixe de ser covarde, vamos eu te acompanho - ele pega Jin pela gola da camisa e o puxa em direção a ilha.

Iana: O que acha Kim? Fran?

Kim: Por mais que pela floresta seja mais rápido, pela praia é mais seguro.

Fran: Pela praia, com certeza.

Confessionário on

Fran: Objetivo: chegar em último para ter as duas em minha equipe.

Confessionário off

Iana: Vamos pela praia - as três correm para a praia.

Gerlane: Certo, e você Hayako? - Hayako se surpreende com a pergunta.

Confessionário on

Hayako: Vocês viram? Ela me notou!

Confessionário off

Hayako: Pela floresta, eu acho.

Gerlane: Certo, vamos lá - as duas correm para dentro da ilha.

Eduardo estava a frente, chegando quase a metade do caminho apenas correndo.

Eduardo: Por mais que esse desafio não seja pra ganhar, quanto mais rápido terminar isso, mais rápido vou sair daqui - ele começa a olhar em volta e passa por cima de umas folhas secas, que mostram ser um buraco onde ele cai - Ah, sério? Ele colocou armadilhas?

Anka estava correndo pela praia, e ja passava de um terço do caminho.

  -  Anka, espera - a garota para e se vira e vê Carlos.

Anka: Oi Carlos.

Carlos: Ei, isso não é um desafio pela imunidade, que tal se só andassemos pela praia.

Anka: Carlos, se chegarmos rápido lá, a nossa equipe vai ser dos seis melhores.

Carlos: Ok, então vamos correr - os dois voltam a correr.

Jin e Doug passam por Fenwick, que não se importou com a ultrapassagem, eles corriam rápido.

Doug: Espera! - ele para de correr e seu companheiro faz o mesmo.

Jin: O que foi.

Doug: O Chris colocou armadilhas.

Jin: Colocou? E como sabe?

Doug: Tem um fio de nylon aqui - ele mostra um fio de nylon quase impercetível para Jin - isso aqui deve ativar algum mecanismo.

Jin: Mais algum?

Doug: Mais a frente da pra ver algumas folhas secas no chão, mas se analisar bem, tem uma árvore acima, em que um dos galhos tem uma colméia.

Jin: Co-colméia?

Doug: E se você olhar bem vai ver um fio de nylon amarrado ao galho, se passasemos por essas folhas, é provavel que iamos cair em um buraco e lá iriamos cair em um fio de nylon que, com nosso peso, ia faxer o galho cair.

Jin: Uau, como conseguiu ver tudo isso?

Doug: Boa percepção.

Confessionário on

Doug: Vamos dizer que é uma coisa boa no meu mal.

 

Jin: Boa percepção né? Deve ter algo além disso.

Confessionário off

Doug: Certo, vamos continuar - eles passam pelas armadilhas e avançam.

Iana, Kim e Fran estavam correndo, até que passam por Brandon, quando Fran tropeça.

Iana: Fran! Você esta bem?

Fran: Estou - ela se levanta mas logo volta ao chão - acho que torci meu tornozelo.

Kim: Tudo bem, eu e a Iana te ajudamos, elas levantam Fran tendo os braços apoiados nos ombros das duas.

Fran: Obrigada meninas.

Iana: Relaxa Fran.

Confessionário on

Fran: Conseguir lealdade de alguém facil, faze-las se atrasar e ainda nem ter que andar, eu sou genial, ainda bem que pensei numa falsa torção na hora, nunca que eu ia correr a ilha toda.

Confessionário off

Brandon ultrapassa as garotas.

Brandon: Ah, quer saber? Eu vou começar a correr - ele começa a correr e mostra ser bem rápido, passando pelas três.

Kim: Uau.

Fran: Esse cara é rápido.

Iana: Acham que ele vai passar em primeiro?

Kim: Sim, precisamos correr, ele vai ser útil no time.

Fran: E como eu fico?

Iana: Se a gente continuar assim vamos chegar em último.

Kim: Certo vamos ir o mais rápido que pudermos - as duas correm com Fran sendo carregada.

Confessionário on

Fran: Essas duas estão na palma da minha mão.

Confessionário off

Hayako e Gerlane passam por Fenwick que não pareceu se importar um pouco depois Hayako tropeça e cai.

Gerlane: Hayako, você esta bem?

Hayako: Sim, no que foi que eu cai?

Gerlane: Hm, vamos ver - ela olha em volta - este fio de nylon?

Hayako: Fio de nylon? Sério?

Gerlane: Esta tudo bem com seu pé?

Hayako: Sim, vamos continuar.

Gerlane: Levante-se, vamos continuar - ela ajuda a japonesa a se levantar e segue em frente, passos depois a escossesa cai em um buraco escondido por folhas secas que estavam amarrados a um galho com uma colméia, que cai em no buraco.

Hayako: Gerlane, esta bem?

Gerlane: Cai em um buraco e abelhas estão me picando, o que acha?

Hayako: Tudo bem, eu vou te ajudar - ela pega o fio de nylon em que caiu, e joga uma das pontas para Gerlane que conseguiu sair com dificuldade.

Gerlane: Obrigada - ela tinha o rosto um pouco inchado.

Hayako: Vamos seguir em frente - as duas voltam a correr.

Eduardo estava preso, tentando subir para continuar a corrida.

Eduardo: Droga, se continuar assim vou ficar em último.

  - Precisa de ajuda?

Eduardo: Quem disse isso?

  - O filho do Tio Sam.

Eduardo: Doug? Bom te ver cara.

Doug: O china ta um pouco atrás, ele quis descansar um pouco e ouvi você falando com si mesmo e resolvi ajudar, vamos, segure minha mão - ele ajuda o argentino a sair do buraco - vamos, eu vi a Hayako e a Gerlane um pouco ao longe, temos que chegar em primeiro.

Eduardo: Chame o Jin e vamos - Doug e Eduardo voltam um pouco onde Jin estava, e quando começaram a correr Hayako e Gerlane ultrapassam eles.

Hayako: Isso! O primeiro lugar é nosso!

Doug: Cuidado com o buraco na frente.

Gerlane: Buraco? Que bura... - ela cai no mesmo buraco que Eduardo estava.

Gerlane: Sério? Já não bastava o fio de nylon e o buraco de abelhas - No momento os três garotos param.

Doug: Vocês cairam nessas armadilhas?

Hayako: Você passou por elas?

Doug: Sim, o que o fio de nylon fazia?

Hayako: Era só pra tropeçarmos.

Confessionário on

Doug: Sério Chris? Você colocou um fio quase imperceptível pra nada?

Confessionário off

Eduardo: Deixe-me te ajudar Gerlane - ele ajuda a garota - você tropeçou, Hayako.

Hayako: Ah, sim.

Eduardo: Esta doendo? Se precisar eu posso te carregar.

Gerlane: Esta tudo be...

Hayako: Na verdade meu tornozelo doi um pouco.

Eduardo: Ok, sobe aqui - ele se agacha em frente a Hayako e aponta pras costas, a garota prontamente sobe nas costas do argentino.

Confessionário on

Hayako: Respondam-me a verdade, se um garoto super gato como o Eduardo te oferecesse ajuda, você ia contar a verdade para recusar ou mentir só pra que ele te carregue?

 

Gerlane: Então a Hayako esta interessada no Eduardo,  interessante,  posso usar isso ao meu favor.

Confessionário off

Jin: Não podemos perder tempo, vamos!

Os cinco estavam mais proximos da linha de chegada, em seguida Anka e Carlos estavam em segundo lugar, Brandon ocupava o terceiro, Fran, Iana e Kim estavam em quarto apenas um pouco a frente de Fenwick.

Kim: Rápido, não podemos perder tempo.

Iana: Séria mais facil se a Fran ajudasse.

Fran: Me desculpe, estou sendo um estorvo.

Iana: Não, desculpe, não foi isso que quis dizer.

Confessionário on

Fran aparece a rir histericamente no confessionário.

Fran: Não fazer nada e te pedirem desculpas, a Iana esta comendo na minha mão.

 

Iana: Acho que a Fran é um pouco sensível, vou ter que tomar mais cuidado.

Confessionário off

Anka e Carlos começam a cansar e logo são ultrapassados por Brandon.

Anka: Cara rápido.

Carlos: Muito, acho que estamos perdendo ritmo.

Anka: Temos que ir mais rápido, vamos.

Passam-se 10 minutos, Chris e Chef Hatchet esperavam na linha de chegada.

Chris: Acha mesmo que o Capitão Man tem alguma chance contra o Perseguidor Lunático?

Hatchet: Sim, ele é indestrutível.

Chris: Mas... - ele vê alguem chegando - parece que nosso primeiro competidor esta chegando.

Doug, Jin, Eduardo, Hayako e Gerlane passam a linha de chegada exatamente nesta ordem.

Chris: Parabéns, competidores, estão todos na equipe A - quando Chris termina a frase Brandon chega - Brandon, você é o último integrante da equipe A.

Brandon: Certo, obrigado - ele fala um pouco ofegante, Anka e Carlos chegam 3 minutos depois de Brandon.

Chris: Carlos e Anka, primeiros integrantes da equipe B

Anka: Chegamos em sétimo e oitavo, sério?

Chris: É, agora é só esperar os outros quatro.

Passam-se 10 minutos e Fenwick chega ao local.

Chris: Cara, você demorou.

Fenwick: Me desculpe, estava desviando de algumas armadilhas, mas pelo jeito não fui o último.

Chris: Chef, poderia ver se as três estão se importando com a competição? - Hatchet afirma com a cabeça e pega um carrinho de golfe e vai em direção a praia.

15 minutos depois Hatchet traz as três.

Chris: É bom terem uma boa explicação pra chegarem em último.

Kim: Fran torceu o tornozelo e depois desmaiou por insolação.

Fran: Sim, tudo verdade, me desculpe.

*Confessionário on*

Doug: Eu sei ler as pessoas, Kim não pareceu mentir, mas a Fran enganou tanto ela como Iana, talvez não quisesse andar ou esta querendo algo além disso.

 

Fran: Ganhar isso aqui vai ser tão facil.

Confessionário off

Chris: Ok, vocês três estão na equipe B, Brandon, Doug, Eduardo, Gerlane, Hayako e Jin, vocês serão conhecidos aqui como: Cervos Raivosos.

Brandon: Cervo? Sério?

Chris: Foi o único que a produção achou legal.

Carlos: Então, qual foi o nosso nome?

Chris: Anka, Carlos, Fenwick,  Fran, Iana e Kim, vocês serão as Girafas catastróficas.

Fenwick: Girafas? Não tinha nada melhor?

Chris: Não, ou era isso ou era baleias famintas.

Confessionário on

Fran: Quem cria esses nomes de equipe?

 

Doug: Então eu e a Kim estamos em times diferentes, eu tenho que diminuir minhas esperanças de vez em quando, enquanto estivermos em equipes separadas, não vai poder acontecer nada entre nós.

Confessionário off

Chris: Agora uma surpresa, além de um desafio de formação de equipes, vai ter uma recompensa aos vencedores.

Fenwick: Por que não disse isso antes?

Chris: Ora, iria tirar toda a graça, cervos, vocês ganharam uma festa que vai rolar a noite toda - os seis comemoram - e tem um bônus, vocês podem escolher alguém da outra equipe para ir junto com vocês a festa.

Brandon: E por que a gente faria isso?

Gerlane: Então todos nós concordamos em não levar ninguém?

Doug: Se me permitem, eu posso escolher.

Eduardo: Por mim, tudo bem.

Hayako: Se o Eduardo concorda, eu concordo.

Confessionário on

Hayako: Sério Hayako? Não tem como deixar ainda mais visível que você gosta dele?

 

Eduardo: O que será que a Hayako quis dizer com isso?

Confessionário off

Gerlane: Ok, escolha alguém.

Doug: Kim, aceita? - a garota se envergonha com a pergunta do garoto.

Kim: Cla-claro.

Doug: Certo, suivez moi, madame - ele pega Kim levemente pela mão e saem do local para a casa que Chris ia fazer a festa.

Confessionário on

Fran: Ele sabe falar francês?

 

Doug: Três aulas de francês e você consegue jogar um charme em alguém.

Confessionário off

Chris: Aproveitem pessoal e agora, o programa de hoje fica por aqui, que casais vão se formar? Quem vai ser o primeiro eliminado?  Tudo isso você ira ver nos próximos episodios de TOTAL DRAMA INTERNATIONAL SELECTION


Notas Finais


Então, pra quem é sua torcida?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...