História Transform - Capítulo 18


Escrita por: ~

Postado
Categorias Seventeen
Personagens Hansol "Vernon" Chwe, Hong Jisoo "Joshua", Jeon Wonwoo, Junghan "Jeonghan", Kim Mingyu, Seungcheol "S.Coups", Xu Ming Hao "THE8"
Tags Jeongcheol, Jeonghan, Meanie, Mingyu, Scoups, Seungcheol, Seventeen, Wongyu, Wonwoo
Exibições 326
Palavras 793
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Fantasia, Festa, Ficção, Lemon, Magia, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Shonen-Ai, Slash, Sobrenatural, Suspense, Universo Alternativo, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Cross-dresser, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


CHEGUEEEEEEEI
triste e feliz pq é o último cap, mas CALMA
leiam as notas finais
LEIAM
AS
NOTAS
FINAIS por favor
Obrigada

Obrigada quem acompanhou até aqui
Agradeço mais no fim
Boa leitura, BROTINHOS~

Capítulo 18 - Epílogo


Assim que o clone de Yoon caiu dramaticamente sem vida no chão, tudo a seguir aconteceu rápido demais.

Wonwoo conseguiu tirar o capacete do inimigo no momento de distração. Então, obrigou-o a prender a si próprio numa das celas de cristal enquanto sua mente era dominada por ilusões terríveis.

O outro vampiro que entoava mantras foi facilmente dominado por Seungcheol e desmembrado, parecia não querer prolongar sua existência. Atearam fogo às partes para garantir a execução.

Depois que Choi e Jeon deixaram o laboratório, focaram-se em seguir o mapa – que o vampiro psíquico havia conseguido na mente de um guarda – em direção à saída.

Estavam abaixo da terra, como suspeitaram. Portanto, se continuassem subindo, chegariam a algum lugar mais perto da superfície. Embora parecesse simples, era difícil.

Enquanto eles andavam pelos corredores à procura dos caminhos para sua libertação, alarmes foram acionados e zuniam enquanto luzes vermelhas no teto se acendiam. Os mandados de Zy sabiam que seus inimigos haviam conseguido escapar da cela e seguir para o laboratório, mas a segurança só foi liberada para a ação quando a situação ficou fora do controle. Ou seja, quando o lendário vampiro, Hansol, foi derrotado.

Choi e Jeon comunicavam-se através de pensamentos. Desta maneira, era mais fácil e rápido.

Seungcheol pensou se o melhor não seria voltar e aniquilar o Yoon original, mas Jeon Wonwoo tinha agora um argumento contrário interessante. Yoon disse que conseguira sabotar os clones anteriores, então era possível que ele fosse capaz de fazê-lo novamente. Era melhor que Yoon permanecesse ali do que Zy raptar outro vampiro que não agisse do mesmo jeito.

Como era um ponto muitíssimo racional, o vampiro de olhos carmim concordou.

Ao adentrarem um hall imenso, ouviram barulhos de rugidos, silvos e urros, todos estes pareciam agonizar. Ao mesmo tempo, os alarmes pararam de soar e permaneceram apenas as luzes vermelhas ligadas. O silêncio que recaiu sobre tudo ali era quase palpável. Pesado, profundo, completo.

Nenhum deles sabia o que viria, mas, ao checar o mapa em sua mente de novo, Wonwoo notou um local que passara despercebido em sua pressa para achar uma saída. A julgar por onde estavam e de onde os ruídos vinham, supôs que quem ou o que estivesse fazendo aqueles barulhos aterrorizantes era um oposto. Melhor dizendo, alguns opostos.

 

 

Kim Mingyu estava patrulhando a área costeira de seu clã no continente. A guerra estava próxima, teriam de proteger aquela região estratégica se quisessem ter vantagem nas batalhas.

Um animal aproximava-se dele. Não era comum que bichos chegassem perto demais de vampiros. Sendo assim, presumiu que ele fosse um mensageiro, o que constatou ao pegar o pedaço de tecido que ele trazia sobre o lombo e ler a mensagem de Wonwoo.

Tão logo terminou de ler, escreveu um recado numa folha que trazia consigo para este fim e a amarrou aos pés de seu pássaro, o mandando o mais rápido que pôde.

 

À medida que os opostos aproximavam-se, o arrepio nas espinhas de Seungcheol e Wonwoo intensificava-se. Se um oposto era capaz de destruir uma cidade inteira, vários deles conseguiriam dizimar um país. Porém, aquelas criaturas não estavam lá para aniquilar nenhum território, mas sim a eles.

Instantaneamente, o vampiro de olhos verdes teve a melhor ideia que poderia conceber naquele momento.

Esperaram as criaturas aproximarem-se para que pudessem, enfim, fugir em direção ao estoque onde estavam as milhares de cópias de Yoon. Era necessário destruir o exército, mas sozinhos não conseguiriam. O que melhor do que uma legião de opostos enraivecidos para fazer este trabalho? Era uma ideia genial!

Ambos correram ao lado dos cilindros cheios daquele líquido azul e borbulhante enquanto os opostos os perseguiam e arrasavam tudo no percurso. O som da destruição ecoava por todos os cantos, soava como música para os ouvidos dos vampiros.

Quando chegaram ao final, viram-se encurralados. Estava bom demais para ser perfeito. Não haviam pensado em como sair do local, apenas em como destruí-lo.

Os monstros estavam próximos e ameaçadores. Uivavam como ferro riscando vidro, era terrível.

– Consegue entrar numa sombra e teletransportar-se para fora daqui? – Wonwoo perguntou, afoito.

– Acho que sim. – Seungcheol sentia que podia.

– Vá, então. – com um último olhar, Wonwoo transmitiu por telepatia o mapa da área do lado de fora complexo, onde Seungcheol deveria sair para não ser notado.

O plano era conter os opostos com ilusões enquanto escalava a parede e entrava no duto de ventilação.

Se aquilo tinha funcionado, Choi não sabia, pois já estava fora do local e tendo as forças drenadas por entrar na sombra e realizar o teletransporte ao mesmo tempo. Na verdade, percebeu que estava localizado do lado de fora do centro de pesquisas do Instituto Doncaster. A última coisa que viu foi Xu Minghao adentrando o centro. O que ele faria ali?


Notas Finais


Não acabou ainda
Tipo, acabou, MAS SÓ A 1 TEMPORADAAAAA
em breve, teremos a 2 temporada

Vcs não acharam mesmo que eu ia deixar essa bagunça aqui, ne? Rs
Ainda temos várias dúvidas a ser sanadas e saber realmente se o Jeonghan morreu saonisjsas (deve ta todo mundo querendo me bater mas CALMA)

Link para a segunda temporada: https://spiritfanfics.com/historia/brand-new-orbis-6771430

Agradecimentos:
Começarei do começo
Essa foi a minha primeira fanfic do seventeen (e aliás minha primeira fanfic postada) Então, se hoje eu publiquei tantas outras fics e aumentei minha confiança foi pq vcs gostaram dessa fanfic e me deram forças para continuar e, finalmente, terminar.
Eu to muito orgulhosa agora de mim e de vcs tbm. Eu nunca termino nada na minha vida e isso é uma grande conquista. Pode parecer pouco, mas é incrível aos meus olhos. Obrigada mesmo a cada um de vcs que leu e me apoiou, comentou com os amigos ou veio falar comigo sobre a fic etc. Se eu to feliz agora, é por causa de vcs SIM! Obrigada <3
Eu sou péssima com agradecimentos, nunca sei o que dizer... mas saibam que eu agradeço do fundo do meu coração a VOCÊ, sim vc mesmo, pq leu até aqui, me ajudou e fez Transform ser o que é.
Por isso, começarei uma segunda temporada! A experiência foi tão boa que eu gostaria de repetir <3
AGRADEÇO IMENSAMENTE!!!
A pessoa é boa pra escrever mas não sabe fazer um agradecimento decente. OK.

Espero que tenham aproveitado tanto quanto eu!
Um beijo, amores!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...