História Transformers : Mais do que os Olhos Veem - Capítulo 13


Escrita por: ~

Postado
Categorias Transformers
Personagens Bumblebee, Crosshairs, Hound, Megatron, Optimus Prime, Ratchet, Stasrcream
Tags Ação, Aventura, Ficção Cientifica, Transformers
Visualizações 5
Palavras 578
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Ficção, Ficção Científica, Luta, Romance e Novela, Violência
Avisos: Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Apenas uma história com o Barricade.

Capítulo 13 - INTERLÚDIO - Policial mau


Apenas mais um dia simples. Hoje testemunhamos o desastre dos Autobots em Hong Kong com os Dinobots. Se Megatron estava sorrindo? Mais do que nunca, mas ele enxergava o fracasso dos Autobots como seu sucesso.  Foi bem simples. Ele comunicou à Shockwave sobre o ocorrido e Shockwave com sua mente fria e maligna já tem o projeto em mãos. O problema é que ele precisa de matéria-prima para isso.

E adivinhem quem eles enviaram ao Deserto de Ácido para extrair condutores de energia? Eu. Faz tempo que eu não vejo Cybertron ou respiro o ar do planeta, eu senti saudades, mas o que aconteceu naquele Deserto, naquele dia, eu prefiro não lembrar, eu prefiro não contar. É desconfortável retornar.

Com uma blindagem para me proteger da radiação, depois da neblina, avisto a fábrica. A maldita fábrica! Empoeirada e vazia, diferente daqueles dias. Olho para os túneis que eram por onde os trabalhadores adentravam o local, tenho medo de entrar, mas lembro que eu sou um Decepticon. Um Decepticon não deve sentir medo, os outros é que devem sentir medo dele. O fato é que, estou assustado pela primeira vez, não só por ter voltado a este lugar, Megatron está mudando, não sei se vejo o sábio líder que equilibraria o nosso planeta, mas devo estar enganado, deve ser o medo me consumindo. Se não fosse por Megatron, eu não estaria vivo. Ele é a solução.

Adentro em um dos túneis, completamente vazios e empoeirados, me transformo, penso que correndo, o medo irá embora, mas quanto mais acelero, mais assustado fico. Ouço os gritos pedindo por socorro, os gritos de pessoas que estão implorando para não serem mortas, para não serem transformadas. Dentro da fábrica, ouço um barulho, agora percebo que não estou sozinho. Não posso buscar o que vim buscar enquanto não descobrir quem está aqui. Viro à direita no próximo corredor, uma figura vermelha com a metade de um chifre em seu capacete.

- Barricade! – Ela grita o meu nome.

- QUEM É VOCÊ?

- Não se lembra? Sou eu! Cliffjumper! O Decepticon que você matou!

- VOCÊ ESTÁ MORTO, NÃO É VOCÊ.

- É claro que sou eu. Venha, se aproxime.

Ao receber esta ordem, puxo minha arma e atiro. Aquele não pode ser o Cliffjumper que eu conhecia. O medo voltou, cresceu dentro de mim. Cliff parecia estar possuído por algo, sua boca se abriu e vários tentáculos saíram dela tentando me pegar. Sou obrigado a matá-lo, mais uma vez. Foi difícil. Continuo a andar pela fábrica, chegou a sala dita por Shockwave ou melhor, o seu antigo laboratório. Percebo mais uma vez que não estou sozinho. Do chão, mãos agarram os meus pés e tentam me puxar para baixo, eu atiro em todos eles. Todos aqueles homens que eu matei. Eu fui obrigado. A peste amarela os convenceu. Mais deles surgem, é como se eu estivesse revivendo o pior dia da minha vida.

Chego ao laboratório de Shockwave que foi invadido por raízes com toxinas, todas ligadas por uma mesa onde a maldita coisa que ele me mandou buscar, está. Corto as raízes. Pego o treco gosmento. Não devo questionar, apenas seguir minhas ordens, mas acho que Shockwave não é friamente lógico como Megatron pensa. Ao entregar o objeto para Shockwave, posso não ver seu sorriso, mas consigo sentir sua loucura. Será que ele não passa de um cientista maluco?

Volto para Terra e aguardo a operação Insecticon começar. Apenas mais um dia simples.

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...