História Transtorno de personalidade - Capítulo 86


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Namjin
Visualizações 155
Palavras 1.297
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oi gente, mais um capítulo pra vocês...

Boa leitura

Capítulo 86 - Capítulo 86


Fanfic / Fanfiction Transtorno de personalidade - Capítulo 86 - Capítulo 86

Narração

Namjoon acordou com olheiras, dormiu pouco mais de duas horas noite passada, ficou com Yoongi até umas duas horas da madrugada, tentando achar uma solução e não conseguiram nada, e mesmo depois que o amigo foi embora o rosado não conseguia dormir pensando em algo, tentando pelo menos.

O rosado tomou um banho e quando saiu se decidiu, ligou para seu pai e explicou a situação por alto dizendo que precisava de dinheiro, deu poucas informações mais deixou claro que fazia isso por Jin, seu pai ofereceu ajuda porém Namjoon recusou, apenas a autorização para o saque se necessário já era o suficiente, Namjoon queria ser capaz de resolver seus problemas sem a ajuda do pai, não queria se tornar dependente novamente. Ele teria que arrumar um jeito de lidar com seus problemas sozinho. Só assim se sentiria digno do amor de Jin.

Depois de falar com seu pai, e ter a certeza que teria o dinheiro caso precisasse, Namjoon foi a empresa, quem sabe se mudasse de ares teria alguma ideia.

Yoongi acorda decidido a fazer algo sobre o que aconteceu ontem, nem foi dormir na casa de Hoseok queria ficar sozinho para pensar e também não queria envolver Tae nisso ele é muito sensível e acabaria contando a Jin, não de propósito claro, mas era melhor deixar ele de fora por enquanto.

Lembrou se que já havia alguns dias que pediu aquele favor, e optou por ligar para saber se já havia alguma novidade, assim que ia em direção ao seu telefone ouviu o mesmo tocar, e logo o pegou vendo no visor que se tratava justamente da pessoa a quem ele iria contatar, “ perfect time” pensou e sorriu minimamente.

_Min?

_Sim, sou eu, alguma novidade?

Pode se ouvir uma risada no outro lado, uma risada mas de decepção ou algo assim, sabendo da falta de interesse do outro em si.

_Estou bem também, obrigado por perguntar. Mas vamos ao que interessa.

O rapaz do outro lado da linha falou já com mágoa na voz. Yoongi sentiu um aperto no peito com a fala do rapaz mas tentou não transparecer.

_Vamos ao que interessa, o que descobriu?

_Muitas coisas, essa família tem muitas coisas a esconder, o rapaz em si não, mas os pais dele tem muita sujeira escondida, vou te mandar algumas coisas por e-mail, mas tem coisas que prefiro te entregar pessoalmente, e te explicar tudo.

_Tudo bem, mande o que puder, e me encontre hoje no fim da tarde, pode ser?

_Já encaminhei para seu e-mail, sempre estou disponível para você, onde podemos nos encontrar?

Yoongi fingiu não ouvir a fala do rapaz, e simplesmente informou o local.

_Pode me encontrar na empresa Kim, você sabe bem onde fica, qualquer horário na parte da tarde estarei disponível.

_Ok combinado

O rapaz falou simples e seco afinal suas investidas não estavam gerando nenhum tipo de reação do outro, já estava pronto a desligar quando ouviu Yoongi se pronunciar.

_Fico feliz que esteja bem, e obrigado pelo que fez, me desculpe só estou preocupado, um grande amigo está sofrendo, é preciso disso para ajudá-lo.

O outro sorriu ao ouvir as palavras do Min.

_Tudo bem, te conheço o suficiente para saber quando está preocupado com seus amigos, afinal eu já fui um deles, digo uma pessoa aquém você se preocupava.

_Ainda me preocupo, tchau até mais.

Yoongi falou, rápido e tratou de desligar, deixando o outro com um sorriso bobo nos lábios com a confissão de Yoongi, já o responsável pelo sorriso, estava com o coração apertado sentimentos misturados, raiva, saudades, preocupação, desejo, amor era um dos muitos sentimentos que ele sentia no momento, mas decidiu deixá-los de lado pelo seu bem, e pelo bem de seus amigos, Namjoon e Jin eram mais importantes no momento.

Yoongi se arrumou e foi para a empresa, no caminho ligou para Hoseok, contando tudo sobre o que descobriu, e mandou para ele as informações que conseguiu hoje é informou o namorado da visita que receberia hoje para obter o restante das informações.

Depois que desligou resolveu ligar para Tae, estava com saudades do outro, nos últimos dias não estão muito próximo, sempre que está na casa de Hoseok, Yoongi está trabalhando ou pensando em alguma coisa para ajudar Namjoon, deixando o outro meio de lado.

Quando o namorado atendeu um sorriso bobo surgiu nos lábios de Yoongi.

_Oi meu açuquinha, senti sua falta ontem.

O sorriso se aumentou ao ouvir o apelido carinhoso.

_Oi Tae Tae, também senti saudades suas e do Hobi, hoje vou pra casa aí vamos aproveitar.

_Acho bom mesmo.

Yoongi riu da resposta do namorado.

_Como você esta?

_Além da saudade estou bem, vou tirar algumas fotos hoje então ficarei ocupado o dia todo, chegarei em casa cansado então precisarei de uma boa massagem. Mas é você como está.

Era possível sentir a malícia em partes das frases que Taehyung falava, e Yoongi adorava isso, mesmo com jeitinho doce e inocente o outro conseguia ser o mais pervertido dos três, além de ser muito sexy e provocante apenas com a voz.

_Pode deixar que eu farei uma bela massagem em você, aquelas bem caprichadas, e aí aproveito e mato a saudade. Eu estou bem melhor agora que falei com você, ando bem cansado esses dias, mas tudo vai melhorar.

O mesmo tom de malícia era possível ser reconhecido nas frases de Yoongi também, deixando Taehyung animado, os dois conversaram por longos minutos até que a secretária de Yoongi o interromper avisando que já iria começar a reunião.

Eles se despediram, e Yoongi partiu em direção a sua reunião, e Tae a sua sessão de fotos.

Depois de algumas horas de reunião Yoongi estava de volta a seu escritório, agora analisada tudo que estava em seu e-mail, não acredita no que lia, sabia que aqueles dois não prestavam mas não imaginava tudo aquilo, fraudes, roubos, entre outras coisas, Yoongi agora ficava imaginando, o que seria pior que isso para ser preciso ele falar pessoalmente.

Estava perdido em seus pensamentos, quando Jungkook apareceu em sua sala, tirando assim ele de seus devaneios, o mais novo veio convidá-lo para almoçar, Yoongi assentiu e logo se levantou, saíram os dois para almoçar iriam no restaurante de Jin.

Chegaram ao restaurante logo foram recebidos por Mark que estava ajudando no salão, recebeu os dois e os acomodou e logo foi chamar Jin.

Assim o fez avisou o castanho que os amigos estavam ali, ele logo deixou a cozinha sobre responsabilidade de Mark e foi ver os amigos, abriu um grande sorriso ao ver os dois, havia alguns dias que não os via, estava com saudades, deu um grande abraço em cada que foi retribuído por eles.

Logo se sentou e pós se a conversar com eles, ficaram ali conversando e almoçando, colocaram alguns assuntos em dia, Jin estava com saudades das ironias de Yoongi, e sentia falta da fofura de Kook, em certo momento Jin recebe um ligação e pede licença ao amigos para atender, os dois ali não se importam, e o castanho atende ali mesmo.

“Sim sou eu Seokjin... Ohhh que boa notícia tão rápido assim, e qual foi a oferta, sei, entendo, um e meio, sei pode ser quanto antes melhor, OK fico no aguardo.”

Enquanto Jin estava ao telefone Yoongi ficou curioso sobre sua conversa, sobre o que seria essa oferta é esse valor um e meio, deixou Yoongi bastante intrigado, assim que o amigo terminou a ligação, o mesmo o questionou. “ Jin está vendendo algo?”, foi direto como sempre, o castanho ficou meio sem jeito mas respondeu não queria mentir, apenas omitiu alguns detalhes, “ Sim estou vendendo meu apartamento, quero me mudar de bairro”, disse simples, Yoongi apenas assentiu dizendo “ ah entendi”, mas isso não havia convencido Yoongi.


Notas Finais


Espero que tenham gostado
Obrigada a quem acompanha

Tentei revisar, mas se tiver algum erro me desculpem...

Bjin


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...