História Treat You Better - Capítulo 11


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Visualizações 36
Palavras 1.050
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Fantasia, Romance e Novela
Avisos: Heterossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Obrigada pelos comentários <3
Boa Leitura!!!

Capítulo 11 - Boa o Suficiente


 Elle, você está bem? Eu vi o que aconteceu eu não queria... – atirei o presente em Tae. A essa altura meu rosto já estava todo molhado.

— Para com isso! Você já fez o suficiente!

— Mas eu só quero ajudar.

— Você já ajudou. – peguei o presente da mão dele e saí em direção à minha casa. Não tinha nenhuma vontade de ir para a aula desse jeito.

— Elle...

— Olha, eu sei que não foi totalmente culpa sua, ok? Eu que fui idiota o suficiente para não perceber o que estava acontecendo ao meu redor e ainda em te pressionar a fazer aquilo. No entanto, estou com raiva nesse momento e eu só quero que você me deixe sozinha.

— Ninguém deve passar por um momento ruim sozinho, não lembra o que me disse ontem?

— Lembro sim, mas eu também te disse que não estava com ciúmes quando vi a Megan dando em cima de você. Então o que eu digo nem sempre é verdadeiro.

— Então você realmente estava com ciúmes?

— Sim e é por isso que eu estou me odiando agora, porque eu não deveria gostar tanto assim de você também. – virei as costas e saí. Não sei se Taehyung entrou na escola ou foi a algum lugar. Só sei que nesse momento eu queria ficar sozinha.

***

— Elle! – Yoongi entrou no meu quarto – Porque não foi na a... O que aconteceu? – questionou ao me ver chorando.

— Park Jimin aconteceu, Kim Taehyung aconteceu, tudo aconteceu! Sinto muito Yoongi, não consegui ir à aula.

— Tudo bem, mas o que aconteceu exatamente? – respirei fundo e contei toda a história para ele, que me observava atentamente ouvindo cada detalhe. – Bem, isso é bem confuso.

— O que eu faço Yoongi? Sempre fui apaixonada pelo Jimin e quando consegui que ele me notasse, vem o Taehyung e me deixa confusa. O que tem de errado comigo?

— Elle, não tem nada de errado com você, ok? Essa é uma situação comum que muitas pessoas da nossa idade passam.

— E como é possível resolver algo tão complexo?

— Na verdade nem é tão complexo, você só tem que parar, pensar e conversar com os dois. Toda informação que você precisa para resolver essa situação, está bem aqui. – ele colocou o dedo meu coração e eu o abracei. Até que ele não era completamente idiota.

— Obrigada Yoongi.

***

Sentei na frente da janela segurando o embrulho que Jimin me deu. Eu ainda não tinha aberto então aproveitei e fiz isso agora.

Dentro da caixinha tinha um anel muito fofo, o que me deu mais vontade de chorar. Fechei a caixinha e pensei em devolver, já que como ele mesmo disse, não mereço esse presente.

***

Cheguei atrasada na escola, parece que os velhos costumes voltaram. Passei por Jimin sem conseguir encará-lo e nem olhei na direção de Taehyung, apenas sentei no meu lugar e recebi um abraço amigável de Yoongi.

Fiquei a aula toda sem conseguir me concentrar e assim que o sinal tocou para o intervalo, levantei e parei na frente de Jimin.

— Precisamos conversar. – falei séria. Na sala só estavam eu, ele, Taehyung, Yoongi e Hoseok.

— Nós já...

— Não Yoongi, tudo bem. Vocês podem ficar. – sorri amigável pra ele. – Eu só quero que saiba que não me orgulho do que eu fiz. Sei que você foi mais atencioso que o normal comigo e eu retribuí de um jeito não muito bom. Me desculpe, e eu realmente não mereço isso, muito menos seu amor. – devolvi a caixinha com o anel.

— Elle, eu deveria ter te deixado explicar, mas eu agi por impulso. Eu...

— Você estava certo Jimin, não há necessidade de explicar.

— Olha isso foi tudo culpa minha... – Taehyung se aproximou.

— Será que você pode não se intrometer? – Jimin disparou, iniciando a discussão entre eles.

— Mas eu só quero esclarecer.

— Você já fez o suficiente!

— Cara, se não fosse por mim você nem saberia o nome dela. – olhei para Taehyung sem acreditar no que ele havia acabado de dizer. Talvez nem mesmo ele tenha acreditado, por que assim que percebeu o que disse veio na minha direção, no entanto eu dei um passo pra trás e Jimin entrou na minha frente.  – Elle!

— Eu... Não sei o que dizer. – falei ainda meio chocada.

— Quer me dar licença?

— Não! Eu já disse, você já fez o suficiente.

— Jimin, se você não me der licença, eu vou ser obrigado a te tirar daí a força.

— Tenta! – Hoseok correu e se colocou no meio dos dois antes que uma briga ainda pior começasse.

— Pode parando vocês dois!

— Você tem razão, Tae. Quem é que iria me notar mesmo?

— Isso é mentira, Elle. Eu vejo o quanto você é maravilhosa, ok? Desculpe por errar seu nome, mas ninguém é perfeito. Eu me diverti muito e eu gosto de você. – Jimin explicou.

— Então porque não fez isso antes? – Taehyung questionou.

— Ah claro, eu esqueci que sem sua ajuda nada disso teria acontecido! Agora eu te pergunto, porque você não fez isso antes? Se gosta da Elle tanto quando eu, porque ajudou ela a ficar comigo e agora está criando essa confusão na cabeça dela? 

— Eu...

— Chega! – me intrometi – Jimin, eu gosto muito de você, mas eu não te mereço. Tae, eu também gosto de você, mas agora eu só quero ficar sozinha. – passei pelos dois e juntei meus materiais. Não estava mais com ânimo para ficar na aula.

— Elle, espera!

— Olha, vocês são caras muito legais, ok? Mas eu cometi um erro e misturei as coisas. Já sei que não sou boa o suficiente para nenhum dos dois. Yoongi, por favor, diga que passei mal ou algo do tipo. Obrigada. – disse por fim saí da sala

As coisas estavam confusas. Eu gostava de Jimin, mas também gostava de Taehyung. Eu só precisava ficar sozinha.

— Elle! – ouvi a voz de Tae, mas continuei andando para a saída. – Para de se diminuir desse jeito. – ele parou na minha frente.

— O que vem agora? Você vai me dizer que sou maravilhosa e aquele discurso todo para depois dizer que se não fosse por você Jimin não saberia o meu nome?

— Você sabe que eu não quis dizer isso.

— Então o que quis dizer? – ele suspirou – Foi o que eu pensei. – continuei andando.

— Elle!

— O que é? – parei e virei para ele que permanecia no mesmo lugar.

— Eu te amo.


Notas Finais


Espero que tenham gostado ♥ xx


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...