História Trindade dos Guardiões - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Drama, Guardioes, Guerra, Leonard, Romance, Tiffany, Virus
Exibições 3
Palavras 280
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Colegial, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Hentai, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Canibalismo, Drogas, Estupro, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 1 - Princípio


 

❝ ─ O amor não é capaz de salvar uma alma que vive em cárcere.
Conforme a inexistência do amor vem ao auge, sobrará apenas o ódio.  ❞

 

Leonard, vejo que estás chorando porque chegou meu momento de partir. Não chores por favor, quero te explicar algumas coisas.
Você está triste  porque eu fui embora,  e eu estou feliz porque te conheci.
Quantas pessoas morrem diretamente sem ter conhecido alguém especial ?
Passamos tanto tempo sozinhos, largados a própria sorte.
Vemos muitos rostos todos os dias, que passam sem nos olhar, e as vezes é melhor que nem nos vejam, antes de se darem conta que estamos aqui e nos menosprezem.
Eu sei que te entristece a minha partida, mas eu tinha que ir agora.
Quero te pedir que não se culpe por nada; te ouvi soluçar que deveria ter feito algo mais por mim.
Não diga isso, fez muito por mim! Sem você não teria conhecido nada da beleza que carrego comigo hoje.  Nossas vidas começam quando conhecemos o amor, o mesmo amor que você me deu, meu anjo sem asas. 

 

 

 

As palavras daquela maldita carta roda em meus pensamentos. Ela sempre soube que morreria. Como se estivesse desejando isso a anos.
Sendo egoísta como sempre, realizando escolhas às escondidas.
Uma criança endiabrada  e agitada que passei a conhecer e amar na fase adulta. Cabelos ondulados de tonalidade ônix, olhos intensos e cílios escuros e acetinados. Tinha o equilíbrio da dançarina habilidosa e do mestre espadachim. Ficava tão à vontade deslizando pelo piso do palácio sob os olhos cobiçosos de todos os homens no ambiente quanto em combate.

Mas havia segredos por trás daqueles olhos.  Segredos que irei descobrir.

 

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...