História True Love - Haleb - Capítulo 60


Escrita por: ~

Postado
Categorias Pretty Little Liars
Personagens Alison DiLaurentis, Aria Montgomery, Ashley Marin, Caleb Rivers, Emily Fields, Ezra Fitzgerald, Hanna Marin, Jason Dilaurentis, Kate Randall, Lucas Gottesman, Melissa Hastings, Mona Vardewaal, Noel Kahn, Spencer Hastings, Toby Cavanaugh, Tom Marin
Tags Emison, Haleb, Pretty Little Liars, Spoby
Visualizações 44
Palavras 1.563
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Festa, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Sexo, Spoilers
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Hello👋
I 'm back suas bitches😂😂
Desculpem demorar,seí que dessa vez demorei,mas é que eu estava quase terminando o capítulo é então aconteceu uns problemas

Mas enfim,os vou esquecer e seguir em frente,pois afinal não posso deixar que isso abale algo tão bom que estou construindo.

Espero que gostem 😊

💜BOA LEITURA!💜

Capítulo 60 - Alguém me tira daqui! (58)


Fanfic / Fanfiction True Love - Haleb - Capítulo 60 - Alguém me tira daqui! (58)

–O que foi...– Mona se aproxima de mim apontando uma arma em meu rosto – Hanna – me assusto.

–Por que fez isso?Ein?

–Será que nunca percebeu que o Caleb será meu?

–Seu?Pelo visto alguém está muito enganada aqui – digo tentando transmitir que não estava com medo sendo que estava.

–Não! Você que está muito enganada – ela pega a arma que estava na mão e coloca em minha cabeça e eu morrendo de medo engulo seco.

–Pare com isso!Isso não era o combinado! – diz Lucas.

–Combinado?Que combinado? – pergunto.

–CALA A BOCA!! – ela grita apontando uma arma ,só que Lucas entra na frente – essa vadia não me dá outra escolha!

–Olha...eu sei que você sente algo pelo Caleb mas...eu e ele nos amamos,eu estou grávida!Ele até me pediu...– começo a dizer mas ela me interrompe:

–CALA A SUA BOCAAA! – ela dá um tiro pro alto fazendo nos assustar.

Ficamos um tempo em silêncio,até que Lucas se manifesta:

–O que vamos fazer?

–Nós vamos levá-la pra bem longe daqui! – diz Mona com um sorriso no rosto – sabe de uma coisa...– ela se aproxima de mim só que dessa vez sem a arma – você pode muito bem estar esperando filhos dele!Mas o que adianta,Ein?Eu é que estou no comando agora! Você nunca mais o verá! Entendeu? – ela dizendo aquelas palavras me fizeram chorar.

–Meu Deus!Como pode fazer isso!Como pode deixar o seu tio daquele jeito?Sabe que você era a única família que ele tinha e...– começo a engasgar com o choro – eu acho que você deveria se cuidar, começar a pensar em sí e procurar um psiquiatra.

–Você não sabe o que fala! – diz Mona rindo como se não ouvisse o que eu falasse – eu vou comer alguma coisa...vê se não dá bobeira com ela!

–Tá – diz Lucas.

Mona saí e ficamos só nós.

–Me desculpe estar fazendo isso! – ele diz com cara de preocupado.

–ENTÃO ME DEIXA SAIR!! – digo tentando sair mas as algemas me prendiam – já que você diz que me ama porque não me deixa ser feliz?!

–Eu...eu não vou permitir que isso aconteça... você e ele – diz Lucas – você acha que se eu te soutasse você iria ser minha amiga?Que eu ficaria livre?Mas logo seremos felizes,felizes...nós quatro!O plano é perfeito!

–QUATRO?TÁ ACHANDO QUE O CALEB E AS MINHAS OUTRAS AMIGAS PERMITIRÃO ISSO?EU NÃO VOU FICAR AQUI POR MUITO TEMPO!NÃO MESMO – começo a gritar e me debater tentando sair das algemas,uma mistura de sentimentos me invade, ódio? Raiva? Tristeza?Medo? Angústia? Talvez...mas eu só não queria estar alí – SOCORRO!ALGUÉM ME TIRA DAQUI!

–Hanna pare,por favor! – Lucas diz – PARA!Vai se machucar!

–Eu não quero mais isso! – me tranquilizo um pouco.

–Não quero que se machuque! – ele diz se aproximando de meu rosto.

–Então me solta logo! – digo virando meu rosto e ofegante.

–Já que vai ficar aí se machucando,preciso fazer isso...– ele diz se virando de costas.

–O que vai fazer?Me di...– ele passa um pano por meu rosto e começo a ver as coisas girando,sinto ele me carregando para algum lugar e depois não vejo mais nada.

•POV CALEB•

Depois de os policiais terem feito todo aquele interrogatório,fui para uma varanda tentar me acalmar.

–Está tudo bem? – se aproxima Spen com um sorriso meio fraco.

–Não,não está nada bem! – olho pra minha mão e vejo a ”aliança” – não sei se ela te contou antes,mas...a gente se casou – digo rindo e me lembrando do momento.

–Ela só me disse que você a propôs – diz Spen com a cabeça baixa – não fica assim Caleb!Logo ela vai voltar pra você!

–Não era pra isso estar acontecendo!A...morreu e... – me levanto.

–Ãn?Como assim?

–Eu já sei quem pode ter sido,só pode ser aquele cara do elevador que beijou ela a força.

–Pode ser sim mas não tem como a gente provar.

–Talvez tenha! – saio correndo.

–Aonde vai? – ela pergunta me seguindo.

–A gente achou umas coisas no computador dela que fazem ele suspeito – digo correndo meio perdido – até a Mona,mas como ela morreu...

–Tá,vai buscar ele então que eu falo pros policiais te esperarem.

–Ok!

DIAS DEPOIS...

•POV HANNA•

Já fazem alguns dias que estou aqui presa.Cada dia estou ficando mais louca e até comecei a falar sozinha.

–Hanna? – escuto Lucas do outro lado – você está bem?

–Se estar bem é estar presa dentro de um quarto em um lugar que eu não sei onde estou...eu estou bem sim – digo.

–Eu acho que logo vamos sair daqui...faremos uma viagem – ele diz.

–Viagem?!Que viagem? – começo a bater na porta e ele não me respondia – FALA PRA ONDE EU VOU!MEU DEUS!POR FAVOR! – batia descontroladamente na porta e nada...começo a fazer o que eu não fazia a um tempo...chorar...coloco minha cabeça em cima de minhas pernas e fico chorando por um bom tempo.

•POV CALEB•

Cada dia estou ficando mais desesperado sem a Hanna.

–Oi, Caleb! – entra Toby.

–Oi – digo desanimado.

–Vim lhe entregar isso e te contar uma coisa... – ele entrega uma bolsa.

–Bom,a casa é sua então se sente...– depois do que aconteceu decidi voltar pra cá e não voltar pra casa que era da Hanna – o que veio contar?

–Descobriram uma coisa sobre o Natus...

–Natus?

–O cara que você contou que beijou a Hanna.

–Atá,mas o que tem ele?

–Bom,é que ele...ele morreu.

–Como assim?Morreu?!

–É,acharam o corpo dele em casa...a quanto tempo foi não dá pra saber,mas o corpo já foi mandado pra autópsia.

–Ah...

–E você,como está?

–Eu?Não consigo mais dormir, muito menos comer...só bebo café e na maioria das vezes eu fico pensando,como ela deve estar,ela não pode estar morta! – digo chorando e Toby me dá um tapa nas costas.

–Eu como policial vou ajudar muito na investigação,mas como amigo quero que saiba que sempre estarei aqui!

–Obrigado!

–O que acha de sairmos pra tomar um café? Talvez eu ligo até pra Spen acompanhar a gente,o que acha?

–Desculpa mas não estou com cabeça pra isso!Não consigo nem pensar direito sabendo que ela e agora os meus filhos estão correndo perigo. Eu juro que daria minha vida por eles!

–Não fica assim Caleb! – ele me abraça mais uma vez – já que não quer vir tomar um café,eu vou ao trabalho...

–Mas e a viagem de vocês,não vai ter mais?

–Vai mas conseguimos adiar um pouco por causa do caso da Hanna.

–Ah tá.

–Então eu estou indo!

–Tchau!Obrigado por vir!

–De nada!Se eu tiver alguma novidade eu te ligo.

–Ok!

•POV HANNA•

–Chame ela! – me levanto depressa quando escuto alguém se aproximando da porta.

–O que vocês vão fazer? – pergunto ao ver que os dois estavam na porta.

–Você vai se arrumar e nós vamos tirar uma foto sua e mandar pra Caleb – diz Mona com autoridade e saíndo do quarto.

–Daqui meia hora eu venho te buscar – diz Lucas saíndo e trancando a porta.

–Como se eu soubesse quando vai ser daqui meia hora! – digo batendo e gritando pra porta.

–Então,ande de depressa! – diz Mona voltando pra porta.

–Ahh...– digo dando um soco na porta.

Tenho que bolar algum plano...– digo olhando pro quarto.

–Talvez é isso que me resta – vou a uma das gavetas do guarda roupa que tinha (já que aquele quarto é igual ao que eu tinha em Rosewood) e pego umas roupas.Procuro pelas outras gavetas até que acho uma toalha.

Vou até o banheiro (tranco a porta pois tenho medo que esses imbecis entrem) ,começo a tirar minhas roupas.

–Talvez eu nunca mais verei o Caleb! – digo enxugando minhas lágrimas que deciam pelo meu rosto e passavam por um pequeno corte que estava no pescoço – droga! – dou um soco no espelho e acabo me cortando – mas que merda eu fiz!Vou ter que chamar ele pra fazer um cura...tive uma idéia! – digo olhando pro espelho e abrindo um sorriso que no fundo ainda tinha um pouco de esperança.

•POV CALEB•

Me levanto do sofá e vou ao banheiro e em seguida tomo banho.

Quando estava voltando, vejo que em meu celular haviam algumas mensagens.

“Caleb!Como daqui alguns dias a Cat faz seis meses e nós daqui alguns também voltaremos pra Rosewood,vamos fazer um almoço amanhã!Se quiser vir,é claro que pode!”

                                                           -Ali 

Respondo:

“Não estou muito a fim,mas prometo dar uma passada aí”

Vejo que a mensagem ainda não chegou e vou me trocar de roupa.

–É, talvez a Hanna gostaria de ir no almoço... talvez não,com certeza! – olho pra minha mão que estava a “aliança” e em um movimento brusco a arranco – como eu pude deixar tirarem ela de mim! – começo a gritar e a bater na cama.

Escuto um barulho de uma mensagem chegando e vou ver.

–“Está com saudades da Hanna?...” – percebo que quem mandou foi provavelmente quem a sequestrou – “fique tranquilo,ela está bem...mas isso,é por enquanto!” – penso em desistir de ler mas a curiosidade é maior – “mais tarde mandaremos uma 'surpresa' pra você!” -🅰 – fico desesperado e taco meu celular na cama – mas como ainda existe -A?Não era a Mona?Só pode ser o...– visto correndo uma jaqueta e pego meu celular pra ir em direção a casa da Ali e Em.

•POV LUCAS(fiquem tranquilos pois essa é a 1° e última vez😂)•

–Vamos Hanna!Já deu meia hora! – bato uma vez na porta e ela não responde – Hanna?

–Que foi?Já disse que não tem como saber as horas...mas já estou acabando – ela grita.

Tiro a chave de meu bolso e coloco na porta.Entro no quarto e vejo que estava silencioso e também não a vejo.

–Hanna?Cadê você? – procuro por todos os lados e não a vejo – que espécie de coisa você está fazendo? – começo a ficar irritado – vou chamar a Mona!

                                   💜CONTINUA...💜


Notas Finais


Espero que tenham gostado!

O que acham que essa Hanna tá aprontando,ein? 🤔

Bom...só saberão isso no próximo capítulo! 😂 (desculpem,seí que sou uma chata msm😂)

Mas é isso,nos vemos nos comentários!😉

Kisses e até semana que vem! (ou talvez um pouco antes)😘

-Tia Ani louca das kebradas ✌💕💋


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...