História Tua; - Capítulo 1


Escrita por: ~

Visualizações 38
Palavras 391
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Drabble, Drabs, Drama (Tragédia), Fluffy, Shoujo (Romântico)
Avisos: Heterossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Pelas respostas que ainda não sou capaz de te dar.

Capítulo 1 - O tom de noite da tua pele me contrasta;


Fanfic / Fanfiction Tua; - Capítulo 1 - O tom de noite da tua pele me contrasta;

Com as janelas de meu quarto abertas, eu observo a rua lá fora.

As luzes brilhantes da cidade, os sons do carro no trânsito, o som das risadas do jovens aproveitando sua juventude, tudo parece encaixar-se perfeitamente naquela noite, tudo parecia incrivelmente brilhante, por alguma razão.

“O que eu daria para tê-lo entrando por esta porta?”

Tomo um gole do meu chá, e permaneço imaginando por onde você esteve naqueles momentos, como a tua vida se encaminhou pelos degraus mais brilhantes ao sol, e em como tudo mudou nos anos em que passamos longe um do outro.

   Você havia retornado sem pudor algum, como se tivesse saído por aquela porta apenas para mais uma das suas viagens importantes, mas deixando todas as tuas coisas favoritas misturadas as minhas, porque sabia que em breve estaria de volta para meus braços.

 Jeon, aquele e-mail mudou tudo.

Um e-mail recebido há meses, nunca visto até uma semana atrás, com as palavras mais sinceras do teu coração provavelmente digitadas durante a madrugada silenciosa do teu quarto, pedindo para que eu esperasse apenas um pouco mais por você, porque em breve, tudo estaria como antes.

  Você disse tudo, você simplesmente despejou em mim todos os teus sentimentos mais loucos, com teu inglês formal e tua falta de habilidade em organizar os pensamentos;

“(...) Noona, o seu cabelo está ainda mais bonito desse jeito.”

Meu coração perdeu o ritmo, e foi como se uma lufada de ar quente tivesse saído diretamente da tua boca e soprado em minha nuca, porque você ainda pensava tanto em mim quanto eu pensava em você; porque as coisas ainda estavam da maneira que havíamos deixado, e porque você também não estava disposto a seguir em frente.

 Você ainda se encaixava em meus poemas com a rima perfeita.

E de olhos fechados, eu imagino você entrando pela porta marrom e tirando os sapatos ao pé da escada, largando a mochila com chaveiros do Homem-de-Ferro perto do corredor, e caminhando para meus braços, me içando em teu colo como uma boneca, e me beijando como se fosse a primeira vez, como se eu pudesse simplesmente sumir sob tuas digitais para um lugar que você não fosse capaz de alcançar, e me fizesse tua, de novo, e de novo, e de novo…

 

… Se é que em algum momento eu deixei de te pertencer.

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...