História Tudo e mais um pouco - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Hobi, Jeon Jungkook, Jikook, Jimin, Jung Hoseok, Jungkook, Min Yoongi, Namjoon, Park Jimin, Rap Monster, Suga, Taetae, Traição, Vhope, Violência Doméstica
Exibições 85
Palavras 1.695
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Depois de um ENORME hiatus eu volto com uma OneShot para vocês.
Beijinhos e boa leitura.

Capítulo 1 - Capítulo Único


Tudo e mais um pouco.

Quando andava sobre a grama verde percebi que eu sempre dava tudo de mim, e você não dava nada. Enquanto eu dava os únicos 10,00 que tinha você só dava 20 os 500,00 que tinha. Isso me fez perceber que você não me queria do mesmo jeito que queria aquela sua amiga do trabalho, ou aquela amiga do clube de estudos da faculdade.

Eu te esperava em casa, com a comida quente sobre a mesa para comermos juntos, você ligava dizendo que iria almoçar fora por causa do clube de estudos. Ou quando arrumava tudo para uma bela noite de amor e você ligava dizendo que iria se atrasar por causa do trabalho. Mas o trabalho não tem cheiro de perfume doce ou deixa em suas roupas uma marca de batom vermelho.

No começo pensei que era apenas coincidência que justo quando você volta tarde do trabalho as camisas brancas que eu te dava de presente voltavam com marcas de batom, mesmo quando os meus amigos me alertavam sobre o que você fazia no clube de estudos eu não dava bola, não acreditava. Porque eu jurava que o meu namorado não faria isso comigo, que o meu noivo não faria isso comigo. Mas quando essas saídas mais tardes ficaram mais frequentes, ou quando você brigava quando pegava em seu celular sem a sua permissão, comecei a acreditar no que meus amigos diziam, mas esperava a hora que você fosse contar para mim sobre isso, estava esperando a hora que você iria pedir para terminar ou quando me pedisse desculpas e eu, sendo trouxa, iria aceitar.

Dizem que o amor cega, isso é verdade. Senti isso quando você esqueceu os nossos aniversários de namoro ou o meu próprio aniversário, lembro que você chegou em casa quase 23:30 e eu e meus amigos estavamos na casa que dividimos tomando uma taça de vinho e o Tae perguntou sobre o que você havia me dado de presente e você disse que já tinha me dado. Escondi as minhas lágrimas atrás de sorriso e piadas e nem os meus amigos perceberam isso, me lembro que passei dois dias procurando por esse presente e até hoje você nunca me deu.

Lembro, também, quando os seus pais vieram fazer uma visita e tive que inventar uma desculpa sobre o porque você não estar em casa naquela hora, eles ficaram até as 21 horas da noite esperando por você, aquela noite foi a primeira que você não voltou para casa depois do trabalho.

Quando juntei forças para falar contigo sobre isso você me vem com a surpresa, um café na cama com sexo logo de manhã, não fazíamos isso desde quando começamos a morar juntos, e um pedido de noivado. Eu achei tão lindo que me esqueci de todas as mancadas que você tinha feito, naquela hora eu havia te perdoado. Quando contei para os meus amigos todos disseram que não era para aceitar, que você estava me fazendo de trouxa, mas não dei ouvidos. Isso foi a maior burrice que eu já fiz.

Tae e Hobi estavam me ajudando com o casamento, minha família iria pagar e até dei uma pausa no trabalho para isso, e eles me faziam esquecer que você não voltava para casa a noite. Lembro da briga que tivemos quando o Tae e o Hobi pediram para passar um tempo lá em casa, você disse que eles iriam invadir a sua privacidade que eles iriam ficar o tempo todo em casa e me lembro que respondi que pelo menos eles iriam me fazer esquecer que você me traía toda noite. Você me bateu logo quando acabei de falar, não foi apenas um tapa você começou a distribuir socos em meu rosto e na minha barriga, deitei no chão e tentei proteger o meu rosto mas você me deu um chute logo em seguida. Dizia que era para eu aprender a não falar merda.

Foi a pior noite da minha vida, dormi chorando por causa da dor, física e emocional. Fiquei enrolando o Tae dizendo que estava arrumando a casa para eles mas estava esperando o inchaço do meu olho diminuir, lembro que a vizinha me ajudou com isso e agradeço ela até hoje por não ter me julgado quando viu o meu estado.

A outra vez que apanhei foi quando o Taehyung brigou contigo sobre a hora que chegava do trabalho. Você brigou com ele e quando foi para o quarto brigou comigo, eu estava dormindo pois teria que apresentar uma proposta para o meu chefe no dia seguinte e queria estar bem para isso mas você me acordou me jogando da cama e começando a ne bater e me chutar, e eu, o idiota, apenas chorava tentando proteger o meu rosto. Depois de me espancar você me trancou no banheiro e disse que não queria dormir comigo na cama. Dormi na banheira naquele dia, chorando e olhando para o anel em meu dedo e sonhei com o dia que começamos a namorar. Quando você acordou não abriu a porta para mim, mesmo tendo me ouvido gritar para abrir e o meu chefe ligou perguntando o porque de ter faltado o trabalho naquele dia e tive que pedir que ele fosse até a minha casa para abrir a porta do meu banheiro. Meu chefe era melhor amigo do meu irmão e eu não sabia disso, depois de me ver ele me levou ao hospital e ligou para o meu irmão, embora estava com medo da reação do meu irmão estava com mais medo da sua reação. Iria me bater de novo? Iria se separar de mim? Não queria que você se separasse de mim porque, mesmo me batendo, eu te amava.

Consegui fugir antes do meu irmão me ver e fui para casa, tinha que fazer o almoço para você e para os meninos, e terminei de cozinhar meu irmão entra em casa. Ele ficou louco atrás de você, sabe como é Min Yoongi sempre foi muito violento e aquela carinha ranzinza, e disse que você voltaria tarde, como sempre, e ele decidiu te esperar. O Tae e o Hobi vieram e almoçaram conosco, agradeço por eles não terem feito perguntas sobre os meus machucados em meu rosto e por Yoongi não ter falado nada a respeito, mas ouvi que o meu irmão falou que eu estava preso no banheiro todo machucado e o casal disse que o você me traía toda noite. Não podia fazer nada, eles não estavam mentindo.

Você não voltou para casa naquele dia e nem no seguinte, meu irmão falou com o meu pai e eles descobriram onde você estava. Estava na casa da sua amiga de trabalho, “trabalhando” no projeto que o seu chefe tinha mandado vocês fazerem, mas o meu pai falou com o seu chefe e ele disse que não tinha mandado nenhum trabalho e ele falou que você estava com a sua namorada. O que me chateou foi que você não veio falar comigo, só direcionou o olhar para mim quando cheguei e ainda foi um olhar de raiva. Você não me pediu desculpas em nenhum momento, pediu desculpas para o meu pai e para o meu irmão mas comigo você nem falou.

Pior do que está não pode ficar? Errado, como disse o Hobi “a bosta foi jogada no ventilador”. Depois de tudo isso, passou duas semanas com você me tratando super bem, chegou o dia do casamento. Todos estavam lá os meus amigos, a minha família, a sua família, os seus amigos. Todos estavam lá, menos você. Dizem que a noiva deve demorar para se arrumar mas quando cheguei no local, com 1 hora de atraso, você ainda não tinha chegado. Olhei para os lados procurando por ti, pedi para que o Hobi e o Namjoon procurassem por você, você já tinha feito muita merda mas essa atingiu o nível máximo, quando me falaram que você ainda não tinha chegado eu queria chorar, mas fiquei calmo e entrei na igreja, disse que você era a noiva que ia demorar. Pedi desculpas para todos os convidados e tive que dar a comida, que seria para a festa depois, para eles mas a maioria saiu antes de você chegar. Você chegou porque o seu pai foi te buscar e você não usava terno e cheirava a álcool, e a aquele perfume doce que eu odeio. Meu pai não deixou que me casasse com você naquele estado, foi quando você colocou a boca no trombone. Disse que não me amava e que só me pediu um casamento porque eu era rico, me chamou de gordo e fraco por sempre apanhar de ti e nunca revidar, sempre que você gritava eu abaixava a cabeça, não queria ser visto chorando. Meu irmão te deu um belo soco, agradeço ele por fazer o que não tenho coragem de fazer, lembro que a sua mãe chorava e pedia perdão para o meu pai e para mim, o seu pai nem te olhava, ele olhava para mim igual a todos os convidados que ainda estavam ali, me olhavam com pena. Saí do local antes que chorasse em público mas fui impedido por uma mulher, ela cheirava ao perfume doce que eu odiava, ela pediu o meu perdão e não sabia que você me traía com ela, ela era jovem e devia ser a amiga do clube de estudos, enquanto a outra nem me olhou e saiu correndo com vergonha. Não dei resposta para a garota, queria apenas sair daquele lugar sufocante.

O meu terno branco estava bem elegante e os meus cabelos estavam em um topete que achei fofo, agora eu tirei o blazer e a gravata e os meus cabelos estão bagunçados igual aos meus sentimentos, fugi do local e andava na grama que tinha ao redor e olhava para o chão até que cheguei a beirada de um penhasco. Não iria me matar, não vou dar esse gostinho a você, mas o antigo Jimin se jogou igual ao anel que você me deu.

No final: Jeon Jungkook não dava nada para Park Jimin e Jimin dava tudo para ele. Agora Jimin tem tudo e Jungkook não tem nada


Notas Finais


Pronto.
Peço desculpas pelo hiatus, principalmente por não ter avisado, e queria saber o que acharam do meu comeback.
Choraram? Odiaram? Me digam!!
Escrevi tudo isso na noite de ontem então espero que tenham gostado.
Se gostaram dêem o like ali em baixo e se escrevam kkkkkkkk brinks!!
Bye pessoas e até os comentários.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...