História Tudo Invertido - Capítulo 11


Escrita por: ~

Postado
Categorias TazerCraft
Personagens Mike, Pac
Tags Amizade, Romance, Tazercraft
Exibições 13
Palavras 586
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Comédia, Musical (Songfic), Romance e Novela
Avisos: Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Gente, eu não creio! Essa fanfic está fazendo muito sucesso...! Já tem 9 favoritos em tão pouco tempo <(*O*)>
Muito, muito, muito obrigada...! Quando chegarmos aos 10 favoritos vou fazer um especial com um capítulo bem grande, prometo pra vocês...

Capítulo 11 - Coisa de irmão...


Fanfic / Fanfiction Tudo Invertido - Capítulo 11 - Coisa de irmão...

Pov's Patty

Eu ainda estava abraçada com o Pac, ele estava acariciando meus cabelos calmamente enquanto eu mantinha o meu rosto escondido no seu peito. Eu estou com tanto medo, comecei à tremer em pensar em o que aquele cara faria comigo. Pac percebeu que eu estava tremendo e me apertou mais contra si me aconchegando nele.

-Vai ficar tudo bem... -ele disse baixinho enquanto me abraçava. 

-Eu estou com medo... -sussurrei bem baixo, mas ele conseguiu ouvir. Algumas lágrimas ainda escorriam pelo meu rosto.

Ele me afastou um pouco dele segurando nos meus ombros. Pegou no meu queixo delicadamente e o ergueu pra poder me fazer olhar nos seus olhos já que ele é mais alto que eu. 

-Ele não vai te fazer mal, eu estou aqui... Com você... -disse de um jeito amoroso e doce.

Abaixei o olhar e as lágrimas se intensificaram um pouco. Aquele psicopata poderia vir atrás do meu irmão, eu não posso deixar isso acontecer. Pac enxugou as minhas lágrimas passando seu polegar delicadamente pelas minhas bochechas.

-Fique calma, ninguém vai encostar em você, ele não vai encostar em você... -ele me abraçou novamente -Eu vou te proteger sempre...

Respirei fundo e me acalmei, pousei minha cabeça no seu peito e me aconcheguei no abraço. Sorri.

-Isso de você querer me proteger... É coisa de irmão? -perguntei e ele riu.

-É, é coisa de irmão... -ele respondeu.

Pov's Mila

Eu ainda estou abraçada ao Mike, ele lentamente e calmamente acaricia meus cabelos. Eu permanecia com o rosto escondido no seu peito, algumas lágrimas ainda escorrem dos meus olhos. Me escolho mais ao pensar no que aquele maníaco faria comigo, Mike percebeu e me apertou mais contra ele me aconchegando nos seus braços. 

-Nada de mal vai acontecer, Mila... -ele disse baixinho.

-Estou com medo... -sussurrei, mas ele ouviu.

Me afastou um pouco dele me segurando pelos braços. Minhas lágrimas se intensificaram um pouco ao pensar que Christian poderia fazer algo com meu irmão. Mike enxugou minhas lágrimas passando de leve seu polegar pelas minhas bochechas, pegou delicadamente no meu queixo e o levantou pra poder me fazer olhar pra ele porque ele é mais alto que eu.

-Não precisa ter medo... Eu estou aqui com você... Eu vou te proteger dele sempre... -ele disse de uma maneira doce e me abraçou novamente.

Me aconcheguei nos seus braços, pousei minha cabeça no seu peito e respirei fundo até que consegui me acalmar. Sorri.

-Isso de você querer me proteger... É coisa de irmão? -perguntei e ele deu uma leve risada.

-Sim, é coisa de irmão... -ele respondeu. 

Pov's Pac

Fiquei abraçado à ela por um tempo, até que percebi que ela relaxou e sua respiração estava calma e suave. À olhei ainda abraçado com ela e vi que ela adormeceu com sua cabeça encostada no meu peito. 

Delicadamente à peguei no colo como se ela fosse uma princesa. Me levantei do chão devagar pra ela não acordar e à deitei na sua cama e à cobri com o edredom, dei um beijo suave na sua testa e sai do quarto apagando a luz e fechando a porta.

Pov's Mike

Ainda estou abraçado à Mila, percebi que ela estava mais calma e relaxada. Olhei pra ela sem desfazer o abraço e vi que ela estava dormindo com a cabeça encostada no meu peito. 

Peguei calmamente ela no colo no estilo princesa, me levantei devagar do chão pra ela não acordar. Deitei ela na sua cama e à cobri com o edredom. Dei um beijo suave na sua testa e caminhei pra fora do quarto apagando a luz e fechando a porta.


Notas Finais


E aí? O que estão achando?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...