História Tudo Invertido - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias TazerCraft
Personagens Mike, Pac
Tags Amizade, Romance, Tazercraft
Exibições 20
Palavras 956
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Comédia, Musical (Songfic), Romance e Novela
Avisos: Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 8 - Conhecendo os pais


Pov's Mila

Quando nos mudamos pra cá, Mike sugeriu de qualquer dia ele me levar para conhecer nossos pais. E esse dia é hoje! Estou muito feliz, e nervosa, será que eles vão gostar de mim?

Pac também vai levar Patty pra conhecer os pais deles hoje. E ela também está muito feliz.

Acordei e fui tomar um banho quente. Me vesti com uma blusa branca de manga comprida sem estampa, uma saia rosa clara com estampa florida e uma bota sem salto longa marrom. Deixei meu cabelo completamente solto, passei só um blush nas bochechas e coloquei meus óculos pretos que são iguais ao do meu irmão. 

Sai do meu quarto e fui pra sala onde Mike já me esperava.

-Vamos? -me perguntou quando me aproximei dele.

-Claro. -sorri.

Saímos do apartamento e fomos à pé mesmo já que não é tão longe. Fomos conversando durante todo o caminho. Quando chegamos ele pegou as chaves no seu bolso e se virou pra mim.

-Você pode esperar aqui um pouco? -me perguntou. Assenti e ele me deu um beijo na cabeça e entrou na casa.

Pov's Mike

Entrei na casa dos meus pais com a cópia da chave que eles me deram. Eles estavam na sala, junto com a minha familia toda, esqueci que hoje era o dia do almoço em família. Logo que entrei eles me viram e vieram me abraçar. 

-Mike! -eles exclamaram e me puxaram pra um abraço. 

-Você está bem filho? -minha mãe me perguntou.

-Sim, mãe...

-Que saudade estávamos de você.  -disse meu pai.

Sorri.

-Mãe, pai, pessoal. Eu tenho uma surpresa pra vocês... -falei e eles fizeram uma expressão de curiosos -Eu vou buscar...

Sai da casa e fechei a porta pra eles não verem.

Pov's Mila

Eu estava esperando pacientemente do lado de fora da casa. Até que Mike apareceu.

-Pronta? -perguntou pegando na minha mão em um gesto carinhoso.

-Pronta. -falei.

Ele abriu a porta e me puxou pela mão me fazendo entrar na casa. Quando entramos tinha um monte de gente ali, acho que é a minha família, todos me olharam quando entramos. Eu estava nervosa, fiquei em silêncio. 

-Quem é ela, Mike? -perguntou minha tia.

-Ela não se parece com alguém que vocês conhecem? -perguntou Mike.

Todos me observaram atentamente, olharam pro Mike e olharam pra mim. Quando perceberam a semelhança arregalaram os olhos, minha mãe colocou as mãos sobre a boca e seus olhos se encheram de lágrimas, meu pai estava quase chorando também mas estava tentando se manter firme.

-Melissa! -exclamou minha mãe eme abraçou de repente sendo seguida por meu pai -Minha filha...

Retribui o abraço logo em seguida, comecei à chorar logo em seguida. Mike só observava tudo com um sorriso sincero no rosto.

-Onde você estava durante todo esse tempo? -perguntou meu pai acariciando meu rosto -Como você a encontrou, Mike? Como sabia que  tinha uma irmã gêmea? 

-Bom, admito que eu não sabia. Mas uns dias atrás... -Mike contou toda a história de como descobrimos que somos irmãos -E agora ela e a Patty estão morando junto comigo e o Pac. 

Depois de termos contado contado a história, meus pais e Mike começaram à me apresentar pra toda a família que também estava muito emocionada em me ver.

Pov's Patty

É hoje que o Pac vai me levar pra conhecer nossos pais, estou muito feliz e nervosa, com receio do que eles vão achar de mim. Mike também vai levar Mila pra conhecer os pais deles hoje.

Acordei e fui direto tomar um banho quente. Me vesti com um vestido azul escuro, um cinto preto e botas longas sem salto pretas. Deixei meu cabelo completamente solto e só passei um blush nas bochechas.

Fui pra sala onde Pac me esperava para irmos.

-Vamos? -me perguntou quando me aproximei dele.

-Vamos. -confirmei.

Saímos do apartamento e fomos à pé pra casa dos nossos pais, já que é perto. Conversamos durante todo o caminho até que chegamos, Pac pegou as chaves no seu bolso, se virou pra mim e perguntou:

-Pode esperar aqui fora um pouco?

Assenti e ele entrou na casa e fechou a porta. 

Pov's Pac

Entrei na casa dos meus pais e fechei a porta. Caminhei até a sala e lá encontrei os meus pais e toda a minha família, claro, hoje é o dia do mês em que eles fazem um almoço em família. Eles logo me viram e meus pais vieram me abraçar. 

-Tarik! -exclamou minha mãe -Que saudade, filho...

-Eu também estava com saudade, mãe...

-Fique aqui e almoce conosco... -pediu meu pai.

-Claro. -sorri -Mas antes eu tenho uma surpresa pra todos vocês... Eu vou buscar...

Falei deixando todos curiosos e sai dali, indo pra fora da casa e fechando a porta pra ter certeza de que eles não vão ver.

Pov's Patty

Estava esperando pacientemente do lado de fora da casa. Até que Pac apareceu e pegou em uma das minhas mãos. 

-Esta pronta? -me perguntou.

-Estou. -respondi.

Ele abriu a porta e me puxou pra dentro da casa junto com ele. Foi me guiando até onde parecia ser a sala, quando chegamos lá tinham várias pessoas, provavelmente minha família, elas logo me viram. Eu estava nervosa, então fiquei em silêncio. 

-Quem é ela, Tarik? -perguntou o homem que deduzi ser meu pai.

A mulher que acho que era minha mãe estava olhando fixamente pra mim, como se me reconhecesse. Os olhos dela se encheram de lágrimas, e todos perceberam a semelhança entre mim e Pac, meu pai ficou emocionado ao ponto de quase chorar.

-Taís! -exclamou minha mãe me abraçando de repente, meu pai se juntou à nós -Minha filha querida...

-Como você à encontrou, Tarik? -perguntou meu pai.

Eu já estava chorando de felicidade. Pac que até então só observava tudo sorrindo sinceramente, começou a contar a história de como descobrimos que somos irmãos. 

Depois que ele contou toda a história ele e meus pais começaram a me apresentar pra toda a família. 

Sinceramente... Estou amando tudo isso.




Notas Finais


Imagine o quão emocionante foi esse dia para as garotas... :')


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...