História Tudo por jashin - Capítulo 11


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto, Slender Man
Personagens Akamaru, Asuma Sarutobi, Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Hidan, Kabuto, Kakuzu, Kiba Inuzuka, Kimimaru, Konohamaru, Orochimaru, Personagens Originais, Sasuke Uchiha, Shikamaru Nara, Tsunade Senju, Yugito Nii, Zabuza Momochi, Zetsu
Tags Tudo Por Jashin
Exibições 10
Palavras 701
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural, Survival, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 11 - O Corte


  Eu voltei onde Slendman estava, e me sentei ao lado dele.

Cosmus: não achei nada nojento o bastante pra você comer!

Slendman: estava querendo me dar algo nojento? nossa, você é maldosa!

  Eu ignorei e olhei para meu lado esquerdo, e vi, Hidan vindo em minha direção, correndo e cortado.

Cosmus: Hidan?!

Hidan: COSMUS, RÁPIDO, O KAKUZU CAIU!!!

Cosmus: como assim?

Hidan: não da tempo de explicar, vem! - Ele me puxou pelo braço e correu.

  Eu deixei Akira lá, sem falar nada, e corri com Hidan, que me levou até o outro lado do shopping e me mostrou a cena, Kakuzu estava sentado no chão, com um corte longo e profundo em sua perna, era a primeira vez que eu o via chorar, e chorava desesperadamente, secando as lágrimas com o braço e as misturando com sangue. Zetsu e um Pedreiro tentavam acalma-lo, mas era em vão, senti na minha pele o que o coitadinho sentiu na pele dele. As pessoas ignoravam, como se fossemos invisíveis, e quando eu preparei meus braços para segurar Kakuzu, alguém passou por mim, e a única coisa que vi foram fios de cabelo loiros, e um haori verde grama com a palavra "aposta" nas costas, além de sentir seu cheiro de maçãs.
  Ela pegou Kakuzu em seu colo e virou-se, revelando seu lindo rosto, e olhos castanhos.

???: conhecem ele?

Hidan: claro que sim, caralho!!!

???: então vamos, vou ajudar vocês!

Zetsu: mas nem conhecemos você. Você é médica afinal? E pra onde vamos?

???: você fala de mais, eu sou Tsunade Senju, sou médica sim, e eu vou levá-los a minha casa, agora vamos! - Ela se virou e correu e fomos atrás dela.

  Ela chegou em sua casa, grande, bonita e verde, abriu a porta e entrou.

???: Tsunade-Sama, você vai ao café com Danzou hoje? - Uma senhorita baixa correu até a sala e deu um passo para trás - Quem são esses?

Tsunade: Shizune, pegue o kit de primeiros socorros e cancele todos meus planos pra hoje, esse pivete tá mal! - Ela deitou Kakuzu no sofá, e tirou o cabelo do rosto dele - Aguenta aí garotão, eu vou cuidar disso!

  Shizune correu e voltou com a maleta branca, entregou a Tsunade, que começou os cuidados médicos.

Tsunade: vocês são só amigos?

Zetsu: sim, aliás, sou Zetsu Uchiha, e aquele são Hidan, Cosmus e Pedreiro, e esse é Kakuzu!

Tsunade: heh, duvido que teu nome é Cosmus!

Cosmus: m-meu nome de verdade é... Kosumosu... mas todos me chamam de Cosmus.

Tsunade: apelido estranho, alguém segura o Kakuzu pra mim? - Ela disse e imediatamente Hidan pulou na barriga de Kakuzu, e Tsunade passou o álcool no machucado de Kakuzu.

Kakuzu: PORRA, HIDAN, não sei o que doeu mais, o álcool ou você pulando em mim!

Hidan: de nada por te ajudar! - Hidan sorriu de lado.

  Eu senti meu pulmão "parar", eu estava sem ar, corri pra fora da casa.

Tsunade: ela deve ter ido tomar um ar, alguém segura a perna do Kakuzu, por favor?

  E sentei na calçada, "merda, deixo esses otários sozinhos por uma manhã e eles tentam rancar suas pernas".
  E senti aquele idiota sentar ao meu lado.

Cosmus: ...como me achou?

Slendman: ...

Cosmus: por Jashin, porque é tão esquisito?

Slendman: ... - Cruzou os braços e abaixou a cabeça. - Você gosta do seu irmão né?

Cosmus: ...

"Merda, merda, merda, ele vai fazer alguma coisa"

Slendman: talvez se você fizesse tudo o que eu mando, ninguém machucaria seu irmão...

Cosmus: hun, Hidan sabe se defender!

Slendman: -sorri de lado- não estou falando desse, estou falando do moreno.

Cosmus: Kakuzu... - Senti meu coração pular, várias vezes e rápido, minha respiração ficou ofegante, afinal, Kakuzu não é imortal.

Slendman: você vem morar comigo em breve, okay?

Cosmus: ... - Eu peguei meu colar e comecei a rezar.

Slendman: seu ritualzinho trouxa não vai me ferir... - Eu senti algo gosmento e grundento se enrolar em minha perna - Só te resta me obedecer, e deixarei seu "irmão" em paz.

Cosmus: como vou saber se é verdade? - Eu olhei fixamente para aquela espécie de tentáculo enrolado em minha perna como uma jibóia.

Slendman: ...não vai...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...