História Tudo que vai volta - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Garota conhece o Mundo (Girl Meets World)
Personagens Maya Hart, Personagens Originais, Riley Matthews
Tags Lucaya, Rucas
Visualizações 47
Palavras 1.174
Terminada Não
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Famí­lia, Romance e Novela

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


⭐ oi gente , voltei rápido neh ⭐bom essa capítulo não existia fiz na minha imaginação rapidinho , é só um bônus

Capítulo 4 - 4 : bônus


Pov Maya , 14 de março de 2014 

- não vai por favor amiga , sem você eu não vivo - Riley diz chorando pelo telefone , o que também me faz chorar 

- desculpa amiga , eu pressiso ir , não quero ficar naquela escola onde todas vão ficar caçoando de mim - falo entre os soluços - não quero encarar a Amy ou muito menos o Lucas 

- mas Maya .....eu sei , o que eles fizeram foi horrível , mais nem por isso você tem que ir embora 

- tenho sim Riley , você não sentiu a vergonha que eu senti , todos me olhando com deboche e outras com pena . Eu não quero passarar  por isso , já fui muito humilhada na minha vida - enchugo as minhas lágrimas - vamos nos continuar nos falando por telefone ou whatsapp . Não vai ser a mesma coisa eu sei 

- ai amiga , vou sentir sua falta - escuto ela voltar a chorar e depois o choro do agguie 

- é o agguie que está chorando ai ? - pergunto já sabendo a resposta 

- sim , mais não só ele , Minaj mãe o papai , todos estamos chorando Maya 

- eu sinto muito por deixar vocês assim , Mais é preciso

- sim eu entendo , quando você vai ? 

- amanhã às 9 , quero que vocês estejam lá 

- nós vamos !! 

- que bom , docinho vou arrumar minhas coisas . Amanhã às 9 , não se esqueça 

- pode deixar , beijos amorzinho 

- beijos 

Vou sentir muita falta da riley e de todos , mais é preciso , ando até o meu closet e pegando algumas peças de roupa e jogando na mala sem muita arrumação e também todos os meus pares de sapatos  , perfumes , maquiagens em uma mala pequena . 

Vou passar voltar só daqui 2 anos , em 2 anos eu vou voltar a reicontrar a minha família e amigos Riley . Só de pensar nisso começo a chorar de novo , logo sinto meus olhos fecharem 

15 de março de 2014 ...dia de ir embora 

Acordo com raios de sol batendo em meio rosto , levanto meia tonta e vou direto para o meu banheiro , e logo começo a me encarar no enorme banheiro 

- agora eu sei por que tudo mundo me zoa , eu sou horrível , esse cabelo mal cortado , óculos velho e aparelho horríveis . É essas roupas que não me faloriazam em nada - penso tudo isso , e eu estou certa 

Eu quero mudar , não quero ser essa garotinha frágil e indefesa e feia . 

- mayaaaa - minha mãe entra rápido no banheiro me dando um belo de um susto 

- ave Maria , quer me matar mãe - digo com as mãos no coração 

- me desculpa filha , mais é que já são 7 : 30 e você tem que acabar de arrumar as coisas , e vai demorar um pouco para chegarmos ao aeroporto - ela fala com os olhos marejados , vou até ela e a abraço 

- Mãe , vou sentir muito a sua falta 

- eu também pequena , eu também - dos fala me agarrando 

- eu também - olho surpresa para o shaw que entra no banheiro também nos abraçando - minha filha 

- meu pai - dando dando um sorriso para ele 

- tá , chega dessa choradeira , vamos deixar a Maya se arrumar , amor - minha mãe fala tentando desgarrar o shaw de mim e consegue e saem 

Suspiro e saio do banheiro e pegando um vestido preto básico que eu deixei no closet , tomo um banho rápido lavando o meu cabelo , saio e boto o vestido que caiu muito bem em mim , amarro os meus cabelos em um coque , e tiro o meu óculos , não vou mais usar eles , nunca mais 

Pego minha duas malas e desço as escadas , e me sentando na mesa do café 

- nossa , você está linda filha - minha mãe diz sorrindo e com os olhos brilhando 

- obrigado , tenho que começar a me arrumar bem . Não quero continuar sendo essa mocreia - falo apontando para mim mesma 

- mais você ....- corto da fala do Shaw 

- sou sim , por isso sou tão zuada - falo tomando um copo de suco 

- filha vamos nos atrasar - minha mãe fala desesperada - vamos rápido 

- tá 

Quebra de tempo .....

Já estávamos na sala de embarque , só esperando as chamadas para o vôo , avisto logo os Mathews e logo a Riley vem correndo em minha direção 

- ai amiga - ela diz já com voz de choro 

- engole o chora riley , não quero mais que você chore - fala saindo do abraço 

- Maya - topanga vem junto ao agguie me abraçar - sentiremos sua falta 

- eu também , é o Cory ? - pergunto olhando ao redor 

- ele não pode vir , por causa das aulas que ele tem que dar hoje . Mais ele falou que te ama como uma filha e é para você não se esquecer ele 

- pode dizer para ele que eu não vou , nem dele é bem de vocês 

- quem bom - eles dizem juntos 

Chamadas para o vôo 245 que vai para Atlanta , no portão 12 

- bom tá na hora - falo - abraço em grupo - todos me abração - já vou 

Sou um beijo na bochecha de cada um é vou até o portão doze , e já passando . Entro no avião e sento no acento da janela . Ate 2 anos New York 

2 anos depois .....

Atlanta , 1 de janeiro de 2017 

- tá mãe , eu já arrumei as minhas coisas , amanha já estou a rumo dai - falo soltando uma risada , minha mãe está tão empolgada para mim ver que já fez a mesma pergunta 10 vezes 

- vamos planejar uma festinha para você - ela fala toda feliz 

- um festinha tá neh - falo sem empolgação 

- tchau meu bebê , tenho que ir para o trabalho  - ela diz alegre 

- tá ...e não me chama mais de bebê 

- tá meu bebê 

- mãe !!! 

Ela desliga antes de eu falar mais alguma coisa , estou tão feliz por voltar , eu morro de saudades , mais também vou morrer de saudades daqui . Mais não tanto , fiz poucos amigos , mais fiz uma amiga surper de super amiga , Olívia , ela quase morreu quando eu disse que ia voltar a morar com os meus pais em New York , ela surtou tanto que pediu aos pais dela se poderia morar comigo , eles aceitaram e ela vai . Tô tipo muito feliz 

Vou voltar cheia de surpresas , boas para uns e ruins para outros .








Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...