História Two boys, one girl (Imagine Jungkook and Yugyeom) - Capítulo 24


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Got7, TWICE
Personagens BamBam, Chaeyoung, Dahyun, Jackson, JB, J-hope, Jihyo, Jimin, Jin, Jinyoung, Jungkook, Jungyeon, Mark, Mina, Momo, Nayeon, Personagens Originais, Rap Monster, Sana, Suga, Tzuyu, V, Youngjae, Yugyeom
Tags Bts, Got7, Jungkook, Twice, Yugyeom
Exibições 167
Palavras 579
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Famí­lia, Festa, Hentai, Luta, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


GENTEEE

Desculpa não ter postado antes, eu escrevi no celular, mas de repente apagou!!!!
Fiquei putona, mas passou
Compartilhem a Fic para batermos a meta de favoritadas!

LEIAM LÁ EM BAIXO

Capítulo 24 - Capítulo 24


5 dias depois...

Haviam se passado alguns dias após o sequestro, e cada dia estava sendo pior que o outro naquele cativeiro. Nunca passei por uma situação tão difícil na minha vida. O pior de todos foi o segundo dia, no qual ela estrupou meu ânus com sua mão, coberta por uma luva. Não irei entrar em detalhes.

Tinha que escolher o que iria comer, se era um pão que o diabo amassou ou, uma sopa fervente, sem gosto. Ainda ontem, pedi a sopa, mas, notei que ela havia cuspido na mesma para me dar depois. Desviei meu rosto na hora que ela iria me servir a tal sopa, a mesma ficou revoltada com meu ato e derramou toda aquela "lavagem" em mim.

Meu corpo estava abarrotado de feridas e hematomas, havia perdido muito sangue desde o primeiro dia. Ela não tinha dó, me feria para me fazer "pagar" pelo meu ato, como se tivesse sido minha culpa. Acho que se continuar nessa situação, não irei sobreviver. A todo instante pensava em minha família, tanto a coreana, quanto a brasileira. Sim, eles já faziam parte da minha família, pode ser até uma coisa difícil de se entender, já que eramos apenas bandas da mesma gravadora para o público, mas para nós, eramos a família que não viamos muito por conta do trabalho.

Só espero que eles estejam chegando, não sei por quanto tempo vou aguentar...

Jungkook P.O.V

Fomos com a polícia procurar todos os suspeitos em suas residências, todos ainda estavam sendo envestigados, mas sem resultados. Faltava apenas uma pessoa, que por provavelmente ter problemas mentais, pode ser quem estamos procurando. Fomos eu, o Hoseok e o Yoongi, além de dois policiais no dormitório do Twice. Demorou um pouco até chegarmos lá, por conta da neve, que havia começado a cair há dois dias.

- Olá meninos! O que estão fazendo aqui? Vamos entrem!

- Obrigada Nayeon, você se encomodaria em dar algumas informaçãoes sobre a Tzuyu?

- Não, não. Então, o que querem saber?

- Onde ela está agora e estava há cinco dias?

- Bem ela está viajando, para onde eu não sei, acho que ela foi para Taiwan. Tem cinco dias que ela viajou.

- Sabe o que ela foi fazer lá?

- Não faço a mínima ideia. Mas se ela tiver mesmo ido para a cidade natal dela, foi para visitar a família.

- Jungkook, será que elas usam rastreador?- Hoseok finalmente se pronunciou.

- Como eu pude esquecer disso! Eu teria lembrado, só para deixar claro!- Yoongi, o convencido mas cheio de swag.

- Vocês usam rastreador?

- Ah sim! Usamos! Vou dar uma olhada.

O rastreador é usado, conectando com o celular da pessoa, para ver sua localização, caso um dia esqueça a mesma em algum local, assim como esqueceram o Wonho em Hong Kong após o MAMA 2016. Ela nos entregou o aparelho e passamos em casa, arrumamos algumas roupas, pois, com certeza por conta da neve e da distância, teriamos que parar em um hotel para passar a noite.

E assim seguimos estrada, paramos em um hotel não muito famoso em Busan, justamente por sermos famosos. Acordamos cedo, me obrigaram a ir tomar café da manhã, o que eu não queria pois, preferia seguir viajem e procura-lá.

Quase uma hora depois...

Depois de um tempo procurando o local, achamos um porão com aspecto de abandonado, no qual ficamos cercando, até os policiais arrombarem as portas, na qual uma delas estavam elas.

Continua...

 


Notas Finais


Sinto que vocês não estão gostando da fic em algum sentido, eu também não estou gostando, então, para não parar logo a fic, digam o que eu posso fazer. Pq, se eu não souber, vou fazer caps longos para acabar logo a historia, sendo que eu tinha varias ideias legais para o futuro.comentem o que vocês acham que eu posso fazer, se não quiserem aqui, me mandem mensagem individuais que eu vou responder com todo carinho e paciência do mundo (se eu tiver, brinks).

Foi só isso por hj,
Annyeong Unicórnios!!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...