História Two Moons: Night - Capítulo 26


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Chen, D.O, Kai, Kris Wu, Lay, Lu Han, Personagens Originais, Sehun, Suho, Tao, Xiumin
Tags Baekhyun, Chanbaek, Chanyeol, Exo, Fanfic, Imagine, Kaisoo Kai, Lay, Lemon, Romance, Suho, Vernonluv, Yaoi
Visualizações 18
Palavras 668
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Ficção, Fluffy, Lemon, Musical (Songfic), Romance e Novela, Suspense, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Cross-dresser, Drogas, Estupro, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 26 - Capítulo 25


Fanfic / Fanfiction Two Moons: Night - Capítulo 26 - Capítulo 25


{❗❗❗}


  Acordei ao amanhecer do dia seguinte. Peguei meu celular, que estava no bolso de minha saia e deparo-me com mensagens do Chanyeol enviadas na noite passada: 



A noite está chegando aqui na Coreia, Solar. Baek está na minha casa, dormindo tão profundamente como uma pedra. Ele é gentil e... Frágil como porcelana. [06:05 PM]


Ele é meio doidinho, mas eu gosto muito dele. Como você disse, acho que seremos bons amigos. [06:06 PM] 


Mal conversamos hoje... Na real, desde o início desse ano, mal temos conversado... Está acontecendo algo? Como foi seu dia? Dormiu bem? Comeu direito? [06:06 PM] 


Por favor, não fique chateada comigo. Ainda podemos ser grandes amigos, pelo menos até tudo se esclarecer em minha mente. [06:07 PM] 


Estou indo tomar banho. Boa noite, meu bem. Durma bem e aproveite o passeio pelo Japão. [06:07 PM] 



Agora, admita que eu tinha razão! kkkk [08:50 AM]


Você também é bem doidinho, Channie! Não fale do menino dessa forma! Kkkkk [08:50 AM] 


Sabe como é essa coisa de faculdade, né? Corrida demais... Faltam dois anos e meio para eu acabar tudo, mas parece uma eternidade!! [08:51 AM] 


E eu, quando menor, queria chegar logo aos vinte, à faculdade... Ah, Chanyeol, aproveite bem seus quase dezesseis anos! Nossa, como Pareci velha agora! Kkkk [08:51 PM] 


E, em relação a mim, estou bem sim. Fiz todas as refeições de ontem e dormi corretamente. Mas, e você? [08:52 PM] 


~ Chanyeol, offline desde às 06:07 PM


~ Baekhyun, offline desde às 08:52 AM


  Channie dormia profundamente sobre meu peito. Arrisco dizer que ela estava até babando. Que nojo, eu sei. Queria poder dizer que dormia como um anjo, mas não. Era mais um filhotinho de baleia, roncando sem parar. 


  Um filhotinho de baleia fofo. 


  Coloco minha mão sobre sua cabeça, fazendo cafuné, mexendo em seus cabelos tão lisos e avermelhados. 


  Logo, olhei para minha mão. Estava suja de sangue. Minha respiração pesou, meu coração doia. Era o sangue dele, de Chanyeol, nas minhas mãos.


— C-Channie... — chamei-o desesperado umas duas vezes, mas nada de respostas. — Channie, acorde!


— Mãe, só mais... Cinco minutos. 


— É o Baek, seu bobo! — suspirei, aliviado.


— Baek? Você dormiu aqui... 


— É... Não se lembra? 


— São nove horas... Minha mente não começou a funcionar ainda...


— Nove? Já divíamos estar na escola! 


— Não vamos a lugar nenhum. 


— Mas eu estou bem! 


— Eu e você vamos ao hospital. Nossas mães vão à delegacia. Nada de escola por hoje. 


— Posso ficar doente mais vezes? 

— Para faltar escola? 


— Não, para você cuidar de mim.


— Não me dê mais um susto como aquele de ontem! Vou te dar vitaminas todos os dias para você nunca mais ficar doente! 


— Tudo bem. 


— Vamos pegar algumas roupas para você na sua casa e nos arrumar para sair, OK? 


— OK! 


— Vamos, levante! 


  Levantei meus braços, pedindo por sua ajuda. 


— Às vezes, você parece uma criança. 


  Chanyeol puxou-me um tanto forte demais, fazendo-nos ficar bem próximos. Suas mãos firmes com veias altas chamavam atenção de qualquer um; coloquei-as em minha volta, sobre minha cintura. Encosto minha mão esquerda sobre sua bochecha, acariciando-a.


— O que foi? Por que está me olhando assim? 


— Assim como, Channie? 


— Desse jeito, todo tímido... 


— Porque eu queria muito te beijar.


— E por que não faz isso? 


— Por causa do gosto dos remédios... E também porque não escovei os dentes ontem à noite. 


— Obrigado por me avisar. — afastou-se, rindo.


— Vocês estão namorando? — perguntou minha mãe surgindo sei lá de onde.


— N-Não, mãe. Somos só amigos.


- Amizade colorida? 


— Meu deus, mãe! Não, nada a ver! 


— Park Chanyeol é um bom menino. Vocês dariam certo juntos. 


— Ele gosta de... Uma outra menina.


— Ah, sim... Que pena.


  Raiva, ódio, pena... Sei que fiz você sentir tudo isso por mim. Acalme-se. O final nem está tão próximo assim. Lembre-se que mesmo que a noite mate o dia, o Sol sempre voltará na manhã seguinte. 


{•••} 





Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...