História My candy love - Capítulo 10


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Got7
Personagens BamBam, Jackson, JB, J-hope, Jimin, Jin, JR, Jungkook, Mark, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V, Youngjae, Yugyeom
Tags Bangtan Boys, Bts, Suga, Yoongi
Exibições 71
Palavras 1.776
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Hentai, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Eu não revisei então desculpem os erros... Boa leitura kissus nu kokoro*-*

Capítulo 10 - Programação de primos!


Yngrid P.O.V

Fiquei pensando no sonho que eu tive quando Mark me acordou de meu devaneio.

– Hey, com o que você sonhou anjinho?– Ele acariciava meu rosto.

– Ah nada não, mas foi bom.– Eu ri e ele me jogou no sofá e ficou por cima de mim.

– Tem certeza que não vai contar?– Ah droga eu sabia o que ele iria fazer mas não iria ceder.

– Tenho, o que vai fazer?– Ele riu.

– Você vai ver.– Ele começou a fazer cosquinhas na minha barriga enquanto eu ria feito louca.

– Ta chega, eu conto.– Eu já estava vermelha e com falta de ar.– Mas pode por favor sair de cima de mim.

– Perdeste.– Ele riu e se sentou no sofá me colocando no colo dele novamente.

– B-bom, eu sonhei que um garoto havia se declarado pra mim e me pediu em namoro em um lugar muito bonito, com música e decorações lindas de fundo.– Meus olhos provavelmente brilhavam.– Foi o sonho mais perfeito que eu já tive.

– Ah é? E quem era o garoto? Posso saber?– Ele sorriu docemente para mim.

– Acho melhor não.– Eu corei.

– Ta, não vou te forçar... Mais fiquei curioso hein.– Ele riu

– Talvez um dia eu te conte.– Eu ri e logo ameacei descer do colo dele mas ele me segurou.

– Eu te contei?– Ele fez uma carinha tão fofa.

– Contou o que?

– Lembra que o Jack e eu estávamos sendo treinees da JYP para nos tornar k-idols?– Eu sorri e assenti com a cabeça.– Então, nós fomos escolhido para debutar com um grupo denominado de GOT7, então será Jack e eu junto com mais cinco garotos.

– MARK ISSO É INCRÍVEL! QUE ORGULHO DE VOCÊ! PARABÉNS MEU AMORZINHO!– Dei vários beijinhos em ambas as bochechas dele.

– Obrigado anjinho!... É por isso que eu te amo, você sempre me apoia em todas as minhas decisões e sempre me dá forças para continuar prosseguindo.– Ele beijou minha bochecha.

– Awnt eu também te amo!– Eu o abracei mas logo sai do colo dele e fui buscar algo para comer e  voltei para a sala com uma maçã verde e me sentei ao lado do Mark. – Hey, você sabe onde a Leh e o Jack estão? 

– Ela queria fazer compras e como ela é o xodó dele conseguiu com que ele a levasse para o shopping e bom, duvido que o Jackson também não faça algumas compras.– Ele riu e me colocou no colo dele.

– Porque você gosta tanto que eu fique no seu colo?– Eu ri.

– Porque você é a minha bebê.– Ele apertou minhas bochechas rosadas.

– Eu não sou bebê, eu tenho quase 19 anos.– Ele gargalhou alto dessa vez.

– Não importa a sua idade você sempre será minha bebê!– Ele riu e me deu um beijinho de esquimó.

– Você é tão bom pra mim Mark, as vezes penso que se não fôssemos primos seríamos até namorados.– Ele corou e riu em seguida.– É estranho pensar nisso, acho que prefiro você como meu primo mesmo.

– Imagina, nós dois namorando? Que viagem.– Ele riu e eu também. 

– É verdade... Hey, vamos dar uma volta? Que tal cinema?– Sorri.

– Claro, mas vê o que está em cartaz agora.– Peguei meu celular e tinha 15 mensagem de 3 conversas, sai do colo do Mark e fui verificar as mensagens, alguma delas eram da Leh que me perguntava se tal roupa era bonita, outra era de uma amiga brasileira que me perguntava como ia as coisas aqui e o resto das mensagens eram todas do Yoongi.

Mensagem On:

Yoongi❤: Bom dia, vc tá bem?  
(06:30)

Yoongi❤: Acho que você ainda está dormindo né? 
(07:15)

Yoongi❤: Heyyy!!!obrigado por me esquecer, você costuma acordar cedo.     (07:20)

Yoongi❤: Desculpa eu estou sendo chato?!                                                 (07:30)

Eu: Bom dia Min❤, desculpa eu não tinha visto suas mensagens, sair hoje? Que horas?
(07:40)

Yoongi❤: Achei que tinha me esquecido, bom que horas está bom pra você?
(07:40)

Eu: Na verdade Yoongi, porque você não vem passar a tarde aqui na minha casa? Digo, a casa é dos meus primos mas eu moro aqui agora.
(07:41)

Yoongi❤: Ah está bem, já faz um tempo que não saímos juntos, planos para hoje à tarde?
(07:42)

Eu: Que tal continuarmos a assistir Tokyo Ghoul? Estamos terminando... Quer dizer eu já terminei umas 4 vezes mas uma 5 com você seria ótimo.
(07:43)

Yoongi❤: Acho ótimo, então que horas eu posso ir?
(07:43)

Eu: Umas 15:30 seria ótimo, vou sair agora de manhã com o Mark.
(07:45)

Yoongi❤: Está bem, tenho que ir agora, bjs até mais tarde❤.
(07:45)

Yoongi❤: Até Yoongi❤.

Mensagem off.

Deixei meu celular de lado e voltei a dar atenção ao Mark.

– Mark? O Yoongi vai vir aqui hoje okay?– Sorri gentilmente para ele.

– Tá tudo bem, que horas?– Ele pegou o controle e começou a mudar os canais

– Ele vêm três e meia... Mas ainda podemos sair agora na parte da manhã.– Sorri para ele.

– Claro, vai se arrumar já que não iremos ao cinema, vamos tomar sorvete naquela sorveteria que você tanto ama.– Ele sorriu e se levantou indo em direção ao quarto dele.

Subi as escadas e fui me banhar, foi um banho rápido e delicioso, sai do box e fiz minha maquiagem ali mesmo na verdade só passei uma base, lápis e muito rímel. Sai do banheiro indo me vestir, coloquei um shorts jeans, uma camiseta cinza comprida escrita Kings 53, coloquei um tênis Nike air-force branco e fiz um coque meio frouxo e coloquei o colar que o Yoongi havia me dado no nosso último encontro, era uma nota musical junto com um coração e eu o adorava. 
Desci e vi que Mark já me esperava e me olhou feio ao ver a roupa que eu usava.

– Você não acha que esse shorts ta muito curto não? A camiseta está quase cobrindo ele.– Ele me repreendeu.

– O que? Não, acho que está ótimo eu sempre visto roupas assim.– Ele corou mas sorriu 

– Desculpa é que você é tão bonita e vestindo roupas assim fica.... Atraente demais e os garotos vão ficar olhando pra você.– Ele estava corado.

– Não se preocupe Mark, eu não ligo que me olhem e não retribuo os olhares deles, somente os olharem e toques de uma pessoa, que você não precisa saber quem é agora.– Sorri docemente ele enquanto abria a porta.

– Eu já sei que é o Yoongi.– Eu corei e meu coração gelou.

– Espera, porque você tem tanta certeza de que é o Yoongi?– Perguntei.

– Você é apaixonada por ele, eu sempre soube.– Ele riu sacana.

– Como assim? Como descobriu?– Droga se ele estivesse jogando comigo eu teria acabado de perder.

– Te conto na sorveteria.– Ele sorriu enquanto saia.

Como ele havia descoberto? Droga! Nem eu tinha certeza disso ainda, mas é verdade eu estou apaixonada pelo Yoongi, já faz uns quatro meses que eu descobri isso mas acho que me apaixonei por ele assim que o vi a primeira vez, não sei direito e quando ele me beijou a primeira vez eu senti que essa paixão estava sendo correspondida, mas isso não importava agora eu precisava saber como o Mark descobriu isso. 
Saímos e eu fiquei muito pensativa e calada durante a caminhada até a sorveteria que não era tão longe, Mark percebeu e segurou na minha mão me fazendo prestar a atenção nele.

– Hey, o que há? – Ele sorriu e eu até já sabia o motivo dele estar segurando em minha mão, havia um grupo de meninos muito bonitos vindo na nossa frente e ele como o primo mais ciumento do mundo queria fingir que éramos namorados para que nenhum deles mexessem comigo... Ele sempre fazia isso aish.

– Mark, como descobriu que eu sou apaixonada pelo Min? – Olhei séria pra ele.

– Falaremos disso na sorveteria.– Ele sorriu e voltou a se calar.

– Está bem... Porque você é sempre tão protetor?– Olhei para os garotos que estavam mais próximos.

– Porque eu te amo e quero o seu bem.– Ele sorriu e me deu um selo na bochecha.

– Eu também te amo.... Porque você nunca cismou com o Yoongi?– Sorri docemente para ele.

– Não sei, ele é o primeiro garoto que você se envolve e eu não sinto vontade de matar ele.– Ele riu enquanto passávamos pelos garotos que ficaram me olhando e Mark quando percebeu lançou um olhar intimidador para eles.

– Isso é bom, mas ele é o segundo garoto com quem eu me envolvi.– Eu ri mas logo lembrei do idiota do meu ex namorado.

– É mesmo né, o primeiro foi o trouxa daquele japonês.– Ele ficou sério mas logo sorriu para mim.– Eu acredito que o Yoongi sinta o mesmo que você, é só reparar no jeito que ele te olha e te trata.– Ele sorriu e soltou minha mão e envolveu seu braço na minha cintura.

– Será?– Meus olhos brilharam ao pensar nessa possibilidade.– Mark, ele já me beijou algumas vezes.– Eu corei.

– Já? Quando?Como? Só beijo né?– Ele olhou assustado pra mim.

– Bom, o nosso primeiro beijo foi à seis meses quando eu dormi lá.– Eu continuava corada.

– E como foi? Não espera, você não pode ficar beijando ele.– Ele falou sério.

– O que?? Porquê? – Me assustei com a fala dele.

– Porquê você tem que continuar inocente, imagina se um dia esse beijo acaba virando outra coisa.– Ele riu.

– O que? Mark eu não sou inocente faz tempo, quer dizer eu ainda sou virgem mas... Ah você entendeu.– Eu corei.

– Virgem? Que lindo, continue assim... Se depender de mim você morre virgem.– Eu ri muitíssimo disso.

– Aish credo Mark.– Ele sorriu.

– Credo o que? Você quer fazer isso?– Ele me olhou corado.

– Um dia né, mas não agora...– Eu ri mas corei logo em seguida.

– Ah vamos mudar de assunto, pensar que um dia você vai deixar de ser 100% inocente me dá arrepios.– Ele olhou cabisbaixo.

– Hey, Mark você é virgem?– Ele se assustou com a minha pergunta.

– N-não... P-porque a pergunta?– O garoto ficou mais vermelho que pimentão.

– E você continua fofo e maravilhoso como sempre, o fato de você não ser virgem não mudou a pessoa que você é, e você ainda parece continuar inocente... Então eu deixar de ser virgem não vai mudar o fato de que eu possa continuar sendo quem eu sou.– Sorri gentilmente para ele e beijei a bochecha dele.

– Tem razão, mas inocente é algo que eu não sou.– Ele sorriu malicioso.

– Aish para com isso... Ah finalmente chegamos!– Entramos na sorveteria e ele continuou sorrindo daquele jeito.

– Tá okay... Vamos pegar o nosso sorvete agora.– Ele disse indo fazer o sorvete dele já que tínhamos a opção de montar e decorar o sorvete.

– Claro.– Fui preparar o meu também.


Notas Finais


Espero que estejam gostando... Kissus nu kokoro.*-*


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...