História Two?ØVKook&YoonSeok - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Visualizações 31
Palavras 2.293
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Fluffy, Lemon, Romance e Novela, Universo Alternativo, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Cross-dresser, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


OLHA QUEM TA POSTANTO MAIS UMA FIC
ISSO MESMO; XEROKEROMEZ

Gente, me matem!

Ps: Se flopar a culpa é do meu cachorro!

Capítulo 1 - 〝Wake Up Soon, Yoongi!〞


Depois de ligar para HoSeok e avisar que estava próximo ao apartamento, Jungkook passou em frente a um beco escuro e ouviu uma voz baixa e rouca dizer:

—Yoonie, hey. Levante logo! Não durma agora, TaeTae e você precisam sair daqui.

Jungkook parou e começou a escutar melhor o que aquela voz dizia.

—Não é hora para brincadeiras, Yoongi-Hyung! Vamos, levante daí, pare de fingir.

Tomado pela curiosidade, Jungkook com passos mansos andou até onde o suposto Yoongi e o TaeTae. Então, ligou a lanterna de seu celular e quando a mirou na direção da voz pôde ver um garoto -que parecia ter menos idade que ele, 17 anos- de cabelos castanho, vestido com um grande moletom azul marinho, touca, ajoelhado no chão acinzentado com um outro ser sobre seu colo. Este com certeza estava inconsciente, tinha cabelos pretos, parecia usar um tipo de tiara de gatinhos e vestia um casaco justo ao seu corpo magro com uma gola que ía até seu pescoço.

—O que fazem uma hora dessas na rua?- o Jeon perguntou ainda se aproximando e vendo o acastanhado se encolher e grudar mais o corpo do moreno desacordado a si.

—V-você vai machucar TaeTae e Yoongi?- o TaeTae perguntou inocente.

—Não, claro que não. Eu quero apenas ajudar.

—Por que quer ajudar TaeTae e Yoongi? Estamos bem, Tae está esperando o Yoonie acordar para nós irmos para outro lugar.

—E há quanto tempo o Yoongi dorme?

—Hrum!- Tae limpou a garganta e respondeu- E-eu acho que... Quase um dia inteiro.

Jungkook soltou um suspiro longo e se abaixou ao lado do Tae.

—Olha, vocês realmente não estão bem, dá para perceber isso pelo jeito de como seu amigo está magro.- apontou para Yoongi.- Vocês podem ir para minha casa, eu tenho um amigo que pode fazer uma sopa ou talvez macarronada pra vocês, o que acha?

—Você é suspeito. Digo, gentil demais. Yoongi diz que é sempre bom tomar com esses tipos de pessoas.

—Estou apenas fazer a diferença no mundo. Mas e então? Vai querer me acompanhar?

—TaeTae vai poder tomar leite quente?- franziu o cenho numa expressão fofa de dúvida que fez o Jeon se derreter por dentro.

—Mais é claro!

—Ok então, ajude Tae com Yoongi.- o acastanhado passou um dos braços do amigo por cima de seus ombros e o outro por cima do de Jungkook.

—Mas, seu nome é realmente TaeTae?

—Não, é TaeHyung. Mas prefiro Tae e TaeTae.

—Ok, TaeTae.

🐱🐱🐱

—Hoseok, poderia ser mais rápido em abrir a porta?- Jungkook estava do lado de fora do apartamento que dividia com Hoseok, seu melhor amigo, enquanto apertava a campainha sem parar.

Estava cansado. Ele e TaeHyung carregaram o corpo de Yoongi por cinco longas quadras, e digamos que as colunas de ambos não estavam lá nas melhores condições.

—Aigoo, você nã...- a fala do Jung morreu ao abrir e porta e se deparar com Jungkook e um garoto desconhecido carregarem o corpo de outro jovem. Hoseok ainda tinha os cabelo húmidos grudados na testa por conta do recente banho e a camiseta que vestia estava grudada a sua pele das costas por não estar seca.

—Então, poderia nos ajudar aqui.- Jungkook se pronunciou apontando com a cabeça para Yoongi.

—Ah, sim, sim, me dê ele.- o moreno mais alto dali por ser mais forte conseguiu segurar o corpo do outro com uma certa facilidade já que ele não pesava tanto.

—Obrigada.

Todos então entraram e seguiram para o segundo andar do apartamento. Ele por ser o único alojamento do último andar, tinha suas vantagens e desvantagens. Como por exemplo: é espaçoso porém foi feito para que apenas duas pessoas possam morar nele.

—Ok, Hoseok.- Jungkook chamou o amigo que se virou meio sem jeito por ter que carregar Yoongi no colo.- Tem como deixar o Yoongi no seu quarto, por enquanto? O meu está uma zona, eu não arrumei nada antes de ir para escola.

—Tudo bem, mas e esse aí?- perguntou se referindo a TaeHyung que estava ao lado do Jeon meio encolhido.

—Eu vou conversar com ele.

Hoseok então entrou em seu quarto e deixou o menor deitado sobre sua cama. Não fizera nada depois disso, tinha medo do outro acordar, entrar em pânico e começasse a gritar, ninguém quer ter que resolver problemas com o dono do prédio naquela hora. Se afastou um pouco da cama e passou a observar o outro. Cabelos negros, estranhas orelhas brancas de gato entre os fios e pele quase que da mesma tonalidade das orelhas. Deixando isso de lado o Jung pegou o celular no criado mudo e se sentou na poltrona ao lado da cama começando a mexer no aparelho checando as mensagens não lidas e publicações alheias nas redes sociais.

🐱🐱🐱

Na sala o silêncio era mais do que um incômodo. Taehyung tinha a cabeça baixa e brincava com seus dedos. Já Jungkook estava ao seu lado no sofá com as pernas cruzadas e o rosto apoiado na palma da mão direita.

—Então, quando vai começar a falar?- o maior se pronunciou quebrando o silêncio.

—Bem, TaeTae e Yoongi foram postos pra fora de casa porque nosso dono dizia que não nos aguentava mais.

—Pera, você disse 'dono'?

O acastanhado foi pego de surpresa. Meio nervoso ele começou a falar atropelando algumas palavras e a gaguejar.

—Calma, calma.- Jeon pediu enquanto segurava nos ombros de Tae o fazendo olhar dentro de seus olhos.- Fica calmo e diz a verdade, ok?

—É-é que se eu contar a verdade você e o Hoseok podem não querer ajudar o Tae e Yoonie.

A esse ponto ele já tinha os olhos marejados e seu corpo tremia levemente por conta do nervosismo que sentia.

—Não, claro que não! Se você contar a verdade só será mais um dos motivos para que nós os ajudem.- Taehyung assentiu e limpou as poucas lágrimas que insistiram em rolar por seu rosto.

—Já, ouviu falar em híbridos?

—Híbridos? Sim, já. É uma combinação de genes de animais com de humanos, não é?

—Sim, é.

—Mas, por quê dessa pergunta repentina?

—É-é que bem- o menor tirou a toca da cabeça e deixou à mostra um par de orelhas de gatos castanhas com uma mistura de cinza.-, eu e o Yoonie somos híbridos.

—Espera, espera, então quer dizer que eu e o idiota do meu amigo estamos abrigando dois híbridos; a raça de seres humanos quase extintas no mundo todo?

O outro concordou e abaixou a cabeça, fazendo as orelhas caírem junto. Só faltava o Jeon os expulsar dali dizendo que não queria aquele tipo de monstro dentro da própria casa. Ele imaginava que o outro faria isso pois aconteceu o mesmo com as outras várias pessoas que os dois tentaram ter como 'dono'.

—Posso tocar?

A pergunta fez Tae erguer rapidamente a cabeça e olhar para o moreno a sua frente que esperava uma resposta ansioso.

—C-claro.

A grande mão esquerda de Jungkook foi em direção a sua cabeça e começou a desferir carinhos entre as orelhas felpudas. O ronronar de Tae já está bem audível. Este mantinha os olhos fechados aproveitando os carinhos que agora chegaram até suas orelhas.

—É, bem... Eu vou agora subir e tentar explicar isso pro Hoseok.- Jungkook diz deixando de fazer as carícias no menor que tinha uma feição de desaprovação.- Você pode ficar no quarto junto de Yoongi enquanto eu e o outro conversamos.

—Ok.- ele vestiu a touca novamente e se pôs de pé.

Os dois subiram ao segundo andar indo direto ao quarto do Jung. Quando abriram a porta puderam ver que o maior estava sentado em uma poltrona mexendo no celular e Yoongi estava deitado na cama ainda inconsciente.

—Hoseok, tem como você vir aqui rapidinho?

Hoseok largou o celular e se levantou indo até Jungkook, vendo Taehyung se aproximar da cama e se sentar ao lado de Yoongi começando a tocar em seus fios negros e macios.

Quando estavam já no andar de baixo, Hoseok e Jungkook foram até a cozinha e se sentaram nos acentos da ilha no centro dela.

—Então- começou o Jeon.-, eu descobri algumas coisas sobre o Yoongi e Taehyung.

—Eles são dois fugitivos da Polícia e corremos perigo em deixarmos eles em nosso humilde apartamento?

—O que? Claro que não, imbecíl!

—Então eles são traficantes de drogas que acabaram por ficar devendo dinheiro a alguma gangue? Ou são filhos de mafiosos? Namorados que tiveram que sair de casa?- o Jeon negou a todas as perguntas do amigo.- Aí complica né.

—Olha, eles não são nenhum tipo de ameaça, exceto se você os irritar.

—Fala logo o que eles são!

—Híbridos.

—O que?

—Híbridos, está surdo de vez agora?- Jungkook já estava farto da lerdeza do amigo.

—Não, eu entendi sim, sua anta. Apenas estou... Chocado?!... É, estou chocado. Por isso estranhei quando vi as orelhas de Yoongi se movimentar. De primeira eu pensei estar louco, na segunda também mas na terceira eu percebia que algo estava estranho.

—Ok, o outro problema é que Yoongi não acorda faz bastante tempo.

—Ele sofreu algum tipo de acidente?

—Eu acho que foi de cansaço e fome. Ele está bem magro, dá para ver através do casaco dele.

—Deve ser isso mesmo... Mas, o que fazemos agora?

—Você se incomoda de dormir no sofá hoje?- Jungkook perguntou com um olhar inocente e ao ver do Jung; ridículo.

—Sim, me incomodo. Você sabe como fiquei da última vez que dormi naquela coisa dura! Não consegui trabalhar no dia seguinte e precisei ficar sem me mexer muito.

—Ah, fala sério. Diz que foi bom ter faltado o serviço.

—Faltar serviço é bom quando não se está com uma dor na coluna desgraçada!

—Aish, tá, tá! Então você vai se virar lá com Yoongi e Taehyung  porque eles estão no seu quarto e-

—Pode.Parando.Aí!- o Jung interrompe a fala do mais novo enquanto erguia o dedo indicador e falava pausadamente.

—Quê?

—Você que os trouxe pra cá, vai se virar com um deles também! Onde já se viu!

—Aish, ok, ok. Fazemos assim, Yoongi vai dormir no seu quarto porque ele já está lá mesmo e não faria muita diferença o levar para meu quarto, já a Taehyung, ele pode dormir no meu quarto.

—Ok então, vamos subir e avisar ao outro sobre isso.

🐱🐱🐱

—Yoonie, TaeTae acha que conseguiu um lugar novo para ficarmos temporariamente. Sabe, o Kookie e o Seokie parecem ser bem legais. O Hoseok é alto e forte, pode nos proteger e o Kookie faz carinho atrás da orelha.- Taehyung soltou um suspiro e começou a acariciar a destra do amigo que ainda dormia.- Aish, por que você não acorda logo, Yoonie? Tae quer falar diretamente cco você, não assim contigo dormindo, é chato.

Ele continuou ali com as carícias que nem se deu conta de que leves batidas na porta foram ouvidas. Segundos depois Hoseok e Jungkook entraram. O acastanhado se pôs rapidamente de pé e ajeitou a toca na cabeça, essa já estava começando a lhe irritar.

—Já pode tirar a touca, TaeTae, o Hoseok não vai fazer nada.

Tae então retirou a toca e deixou, novamente, suas orelhas expostas que surpreenderam o Jung.

—Nossa, parecem bem macias.- comentou o mais velho se aproximando e tocando de leve as orelhas.- Wow, realmente são!

—Então, não tem problema o Tae e Yoongi ficaram aqui?- o híbrido sorriu esperançoso.

—Claro que não. Só que, vamos ter que nos organizar agora na hora de dormir.

—Como assim?- Taehyung perguntou olhando para Jungkook.

—Bem, só temos dois quartos aqui e bem, nós não queríamos acordar o Yoongi e ter que mudar ele de lugar então pensamos "Pôr que não dividimos?" Ficando assim: Tae, você no meu quarto e Yoongi aqui mesmo com Hoseok. Tudo bem assim?

—Claro, claro. Taehyung não vê problema algum.- é claro que ele não via problemas, era melhor obedecer do que acabar sendo repreendido.

—Ótimo, então vocês dois já podem desligar a luz e saírem.- Hoseok murmurou se jogando de bruços ao lado de Yoongi na cama, depois com os pés arrastou o cobertor para si e os cobriu.

—Percebe ivair a ignorância do cavalo!- Jungkook murmurou para Hoseok e em troco recebeu o dedo do meio em sua direção.

—Não pode fazer aí!- advertiu Tae apontando para Hoseok.- O filho do nosso antigo dono fazia esse sinal e ele sempre levava um puxão de orelha por causa disso.

Hoseok e Jungkook não puderam deixar de rir com tamanha inocência do pequeno híbrido. Era impressionante como alguém -nos dias de hoje- ter aquela personalidade; ingênua e fofa.

Taehyung e Jungkook seguiram para a porta mas não saíram antes de desligarem as luzes do quarto. Diferente do cômodo anterior o quarto de Jungkook era mais gélido -isso foi a primeira coisa que parou para perceber-, tinha cores mais neutras e algumas roupas largadas pela cama.

—Bom, TaeTae, essa cama não é tão grande macia como a do Hoseok mas dá para dormir nela e não acordar com dores, olha que legal!

—É, bem legal.- o híbrido respondeu dando um sorriso de lado enquanto caminhava lentamente até a cama, logo percebendo que ela era mais dura que a outra e não afundou quando colocou seu peso sobre ela. Era bem confortável, tinha que admitir, e bem melhor do que o chão sujo dos becos onde ele e Yoongi passaram algumas noites.

—TaeTae, você não quer tomar um banho para dormir? Eu aproveito e arrumo as coisas aqui.

—Hã?- o híbrido parou de pensar na maciez do colchão e voltou a sua atenção para Jungkook que estava parado no meio do quarto.- A-ah. Sim, sim, mas TaeTae não tem roupas aqui.

—Sem problemas, eu te empresto uma roupa minha.- ele foi até seu guarda-roupas e pegou uma muda de roupa que ele julgou caber no corpo do menor.

—Obrigada, Kookie.- Taehyung agradeceu pegando as roupas das mãos do outro indo até o banheiro que havia no quarto.

Jungkook sorriu fraco e começou a guardar as roupas espalhadas. Alguns minutos depois o híbrido sai do banheiro coçando os olhos e todo cobertos pelas roupas grandes do Jeon que o fazia ficar mais fofo do que já era. O Jeon então se deitou e viu o outro andar até a cama e se ajeitar no espaço ao seu lado.

—Boa noite, Kookie.

—Boa noite, TaeTae.


Notas Finais


Tudo bom com vocês?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...