História Um amigo pode mudar muitas coisas - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Harry Potter
Tags Severo Snape
Exibições 41
Palavras 467
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Escolar, Famí­lia
Avisos: Álcool, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 4 - Eu não queria estar viva


Fernanda on por que eu tenho que  viver se eu tivesse morta ninguém  sentiria  minha falta  por que eu não morri quando minha mãe morreu no parto por que eu tenho que fica nesse  mundo qual é o meu objetivo nesse   mundo é para eu sofrer ninguém me ama as pessoas só dizem  que me ama para não me ver triste nem minhas próprias vozes gosta  de mim todo mundo diz que eu sou louca uma doente mental  que eu  tinha que morre por que eu ainda  estou viver  eu não quero mas viver pego minha lamina começo me corta mas os corte não são muito profundos  para chegar na minha veia que droga por que não consigo me matar  quanto ia me corta mas uma vez a sabe todo irritante entra no quarto 

- o que você esta fazendo 

- não é de sua contar me deixar em paz eu quero morre 

- não você tem muito para viver

- qual é meu objetivo  nesse  mundo para eu sofre mais ninguém mim ama 

- você tem seus  amigos 

- que amigo eu não tenho amigos 

- tem sim o harry é seu amigo rony tambèm  eu também sou sua amiga 

- para de mentir 

- não estou mentindo para com isso você tem muito pra viver 

- esta bem eu não vou me matar mas agora me solta 

- agora tenta dormir 

- boa noite 

no dia seguinte  acordo com uma forte dor no braço ate que eu gosto dessa dor 

- esta melhor 

- sim , você  fez aquele drama todo só para eu não morrer 

- você é minha amiga não gosto de ver umas da minhas amiga sofrendo  

- se aconteceu mas alguma coisa comigo eu me mato 

- como vai ficar seu pai quando ele saber que voce quer se matar 

- ele não vai ligar nunca mim amou 

- esta bem vamos para  café da amanha ,

severo on  ela tinha razão eu nunca liguei  para ela sempre neguei  qualquer sentimento de amor de pai quanto eu soube da doença dela me fastei  dela completamente  ate minha própria  filha   me odeia  depois vou chama ela para conversa

Fernanda on depois de quase  todas as aulas meu querido pai me chama para conversa quando chego na sala dele 

- professo você queria conversa 

- Fernanda eu queria me desculpa por todo que eu fiz  

- VOCE NÃO SABE O QUE PASSEI  E AGORA VOCÊ SÓ ME DISSE DESCULPA 

- melhor abaixar  seu tom voz o sou seu pai 

- DESDE  DE QUANDO VOCE  É MEU PAI NUNCA ME QUIS EU SEMPRE FOI UM ACIDENTE  PARA VOCE 

- EU NUNCA QUERIA TER VOCE MESMO SEMPRE FOI UM ACIDENTE  

- EU ESTARIA MELHOR SE EU estivesse  MORTA depois dessa briga sair da sala dele 


Notas Finais


desculpa por qualquer erro


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...