História Um amor à distância - Capítulo 19


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Amor, Romance, Sexo, Um Amor À Distância
Exibições 16
Palavras 557
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense
Avisos: Álcool, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Mais cedo do q eu esperava. Cá estou eu. Aposto que nem sentiram minha falta :'(

Capítulo 19 - Onde você esta João?


Pov - João Paulo.
Lugar desconhecido
12:00 horas.

João - Ai minha cabeça... Onde eu estou? E, porque estou amarrado numa cadeira? Quem está ai? Aparece

Anna - Olá fofis - diz Anna aparecendo do nada com uma maça numa mão e uma faca na outra

João - Você! Sua maldita o que você quer comigo? Que lugar é esse?

Anna - Olha olha, temos um estressadinho aqui. Estamos no meu cativeiro secreto, queridinho - diz Anna debochando

João - Eu ordeno que você me tire daqui agora

Anna - Vai com calma aí bonitinho. Se não veremos o que acontece com a sua amada Maria

João - O que você fez com ela?

Anna - Eu? Nada ainda. Mais como eu disse, eu tenho meus contatinhos. E aquele carro não surgiu do nada

João - Ah sua maldita eu vou te matar - digo me sacudindo para tentar soltar as cordas.

Anna - Nem adianta tentar. Essa cordas são muito resistentes.

João - Sua pira...

Anna - Completa a frase - diz Anna pondo a ponta da faca muito proxima ao meu rosto.

João - Não, nada.

Anna - Acho bom mesmo. Quer maça? Venha pegar hahaha

João - O que voce quer comigo? - digo mais calmo pelo medo daquela faca

Anna - Você vai descobrir logo logo - diz ela saindo por uma porta.

João - Aaaarrggg - digo tentando soltar as cordas - não adianta, são muito resistentes. O que ela quer comigo? E a Maria, o que vai acontecer com ela? Ah, Deus me ajuda.

Pov - Felipe
São Paulo, SP.
12:00 horas

Bip... Bip... Bip..

Presto atenção no som dos monitores que indicam que o coração inocente e frágil de Maria continua batendo e mantendo-a viva. Estou mergulhado no som quando algo me distrai.

Maria - Felipe? - diz ela sussurrando fracamente num tom quase inaudível.

Felipe - Ah, Maria. Graças a Deus você acordou.

Maria - Onde estou?

Felipe - Você está na UTI do hospital.

Maria - O que aconteceu?

Felipe - É uma longa história.

Maria - E o João? Cadê ele?

Felipe - Ele saiu faz um tempo. Não voltou ainda

Maria - E-eu tenho que procurar ele - diz ela tentando se levantar

Felipe - Não não mocinha - digo fazendo ela se deitar novamente num movimento calmo - Você vai ficar quetinha aí ta escutando?

Maria - Tabom. Mais liga pro João, quero conversar com ele.

Felipe - tabom - digo pegando meu celular e discando o número dele

Biiip... Biiip... Biiip... Sua chamada esta...

Felipe - Caixa postal.

Maria - Ah...

Felipe - Isso ta muito estranho. Deixa eu ligar denovo

Biiip... Biiip... Bi... Sua chamada...

Felipe - Parece que alguém está desligando o telefone. Ele deve estar ocupado

Maria - Ou ele ta com a Anna, aposto. Eles devem estar no nosso quarto, em cima da nossa cama, fazendo...

Felipe - Pode parando por aí. Afasta esses pensamentos, ele deve estar dormindo. Ou tomando banho.

Maria - Tomando banho com a Anna, dormindo com a Anna.

Felipe - Pelo amor de Deus - digo apertando um botão - toma essa dose de calmante e vê se para de pensar besteira

Maria - Tabom pode dei... - diz Maria dormindo por conta do efeito do calmante.

Felipe - É João. Onde você se meteu?


Notas Finais


É eu sei. A Maria acordou cedo demais. Digam o que acharam, amo ler os comentários de vocês <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...