História Um amor de Verão - Capítulo 3


Escrita por: ~ e ~Videosclassicos

Postado
Categorias Originais
Tags Vampiro
Exibições 5
Palavras 922
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Colegial, Poesias, Romance e Novela, Sobrenatural, Universo Alternativo
Avisos: Linguagem Imprópria
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


bem o cap não e muito feliz mas está ai espero que gostem

Capítulo 3 - Lembranças tristes


Fanfic / Fanfiction Um amor de Verão - Capítulo 3 - Lembranças tristes

Manoela off 

Ryan on

hm, sei não meu protetor está quase acabando.

Ryan:Manoela, o que você acha disso já que você e pálida feito eu?

Manoela: Eu acho legal e a praia que ele está falando, o colégio já nos levou lá, essa época do ano a praia fica quase sem sol.

Ryan: Interessante, mas.

TRIMMMMMMMMM

Manoela: Vamos?Você tem o que para comer?

(ferrou)

Ryan: Eu não coloquei nada não, acho que vou comprar.

Manoela: hm se quiser eu divido meu obentõ com você (*v*)

Ryan: (*|||*) N-não precisa não quero que você fique com fome...

Manoela: eu coloquei bastante

Ryan: Tendi, mas o que você colocou ai? Ta com um cheiro bom

Manoela: Obrigado, e uma surpresa huheuhuhheuhuhehuehue.

Ryan o que era aquilo que você tava fazendo na entrada?

Manoela: Era uma flor do Buda, quer ver?

Ryan flor do Buda?

Manoela: sim e uma flor bem bonita pêra ai

Manoela colocou a senha do armário dela, pegou seu obentõ botou os livros na mochila pegou uma pasta cheia de origami, eu já tentei fazer só que.

Flasback on

Ryan:GRRRRRRRRRRRRRRRR( joga papel para longe)

FLasback off

Manoela: aqui, ela e bem fácil de se fazer.

Ryan: Nossa, ela e bem fofinha.

Manoela estende a flor para mim

Manoela: Quer ela para você?

Ryan: não precisa, mas eu quero sim...

Pego a flor de sua mão ela guarda a pasta fecha seu armário nós dois vamos para a cerejeira ela abre o pontinho de obentõ tinha muita coisa gostosa ali principalmente bolinha de frango empanado.....

Ryan: hmmmm, isso e muito gostoso com quem você aprendeu?

Manoela: Que bom que gostou, aprendi com a minha...

Ela ficou alguns minutos olhando para o nada, o olho dela quando ela falou aquilo perdeu o brilho especial que tinha nos olhos.

Ryan: Eu falei algo que não devia?

Manoela: Não, podemos mudar de assunto?

Ryan: Claro, então você pode me ajudar naquela coisa que o professor passou no quadro?

Manoela: Claro, você vai no passeio? (olhar perdio)

Ryan: Eu vou, a visão daqui e tão bonita né?

Manoela: e muito bonita, mas-.

TRIMMMMMMMMM

Ryan off

Manoela on

Manoela: Até mais tarde, eu vou para a aula de Matemática e você?

Ryan: Ed física, até.

Eu sinto falta da minha mãe, ela era a única pessoa da minha família que gostava de mim.

Aquela noite ainda está marcada em mim... Sento-me na carteira o professor começou a falar sobre como a turma se saiu bem nas provas do bimestre passado

TRIMM

Nossa nem vi a hora passar, eu não gosto de conversar sobre a minha mãe foi tão triste como ela morreu, olho para a cicratiz.

Lembrança on

Manoela: Mãe olha que gatinho fofinho

Elisa: E muito fofinho, vamos entrar já ta muito escuro para ficar ai fora

Manoela: ta bem mãe, quem e aquele moço ali mãe?

Elisa: Entra agora

Manoela: ok

Fui pare meu quarto, não entendi pq mamãe ficou tão irritada.

Elisa: O que você está fazendo aqui?

??:Vim ver minha filha ue

Elisa: hahaha, não me faça rir se você chegar perto dela eu te esfolo vivo.

??:Calma, bem pelo que eu saiba ela ainda e minha filha.

Elisa: ela não quer te ver

??: Vamos e só uma olhadinha

Elisa: Não

 Eu sai de meu quarto e fui para escada dava para ver o que acontecia

Elisa on 

Elisa: Tente chegar perto dela e você morre.

??: você sabe muito bem o que eu sou, e o que eu posso fazer.

Elisa: tente de você Vera o que eu faço.

Eu peguei uma faca do faqueiro que estava atrás de mim, ele foi se chegando perto da escada, eu dei um chute bem nas costas dele.

??: Para que agredir? Eu só quero ver minha filha

Elisa: de que parte do “não” você não entendeu?

??: Dessa. Chute na barriga

Elisa: seu filho – bota mão na garganta

??: Agora você se calou? Ela nem vai saber que você e a mãe dela

Eu num ultimo esforço coloquei faca na canela nele

??:Ainda tem força? *pisa na cabeça

Manoela Pov

Eu corri para meu quarto me enfiei de baixo da cama e liguei para a policia

??: Olá, com podemos ajudar?

Manoela: tem um homem estranho na minha casa, eu acho que ele matou minha mãe... Ele está subindo as escadas

??: Fique calma, qual e seu endereço?

Manoela: Rua das Roseiras Azuis n 15

??: A ajuda está a caminho, não saia do seu esconderijo.

*Barulho da porta caindo

??:Cadê você anjinho do papai?

Manoela: ele esta aqui *falei baixinho

??: Vamos quanto mais rápido eu apagar sua memória a GRDL não me acha

Policial: Saia da residência com as mãos para cima, a casa está cercada.

Ele levantou o lançou e olhou para mim

??: Achei você!

Manoela: socorro!

Ele me pegou pelos cabelos e me tirou de baixo da cama

??: Deixe-me sair, e ela vive! Mas eu vou brincar um pouquinho antes de ir

Policial:...

Ele passou uma faca pelo comprimento do meu ombro

*?: Calma eu já vou te ajudar meu guarda já esta subindo a escada

Manoela: você...Vai ver só –disse no meio do meu choro-

??: Você e igu-

*?: Se ferrou , Luna pode apagar a memória dos policias , garotinha fofa você vai dormir agora

Eu só acordei no outro dia na casa do Tio Leonardo

Flashback  off

E so disso que eu me lembro eu sinto muita falta da minha mãe, que droga o mercado ta fechado vou ter que ir no outro


Notas Finais


fui
(;--;)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...