História Um amor em meio às trevas (Saphael) - Capítulo 35


Escrita por: ~

Postado
Categorias Shadowhunters
Tags Clace, Malec, Saphael, Shadowhunters, Sizzy, True Love
Exibições 89
Palavras 603
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção, Lemon, Romance e Novela, Sobrenatural, Universo Alternativo
Avisos: Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Amores, desculpem a demora para postar um novo capítulo. Tô sem muita motivação pra nada na vida, mas com calma e paciência a história vai continuar saindo aos poucos. Amo vcs! <3

Capítulo 35 - Alexander!


Fanfic / Fanfiction Um amor em meio às trevas (Saphael) - Capítulo 35 - Alexander!

Simon “voou” da casa de Magnus até uma praça perto do instituto. Tinha marcado de encontrar Clary lá, e com certeza ela estaria com Isabelle e Alec pois ninguém em pleno juízo estava saindo sozinho nos últimos meses, exceto ele é claro.

Racionalidade nunca foi algo que fizesse parte de seu mundo, e não era agora que ele se trancaria no hotel com medo do que o esperava fora, antes ele que um de seus amigos, ou seu amor.

Teve um leve tremor ao pensar nessa possibilidade e se perguntou o que Raphael estaria fazendo àquela altura, mas não tinha tempo a perder com suposições agora, então continuou correndo em direção a praça.

Quando estava a alguns metros do local começou a andar como uma pessoa civilizada, afinal o mundo não estava acabando ainda.

“Clary”, ele gritou assim que a viu e ela correu ao seu encontro chocando seu corpo contra o dele, o que pareceu provoca-la um certo desconforto pela careta que fez.

Simon notou Alec revirando os olhos atrás dela e Izzy abrindo um sorriso espontâneo e estonteante.

- Como você está, querido? – Clary perguntou assim que eles se desgrudaram.

- Estou bem, Clary, melhor impossível – ele piscou pra ela e deu alguns passos para abraçar Isabelle que já se aproximava.

- Simon – a morena falou toda animada quando se abraçaram – Como você consegue fazer tanta falta em apenas algumas semanas?

- Não exagere Izzy.

Ela fez biquinho e sorriu.

Simon também sorriu e acrescentou.

- Também senti saudades de todos vocês – e olhou para Alec – Inclusive estive no apartamento do Magnus antes de vir aqui.

- É mesmo? – Alec pareceu interessado – E o que exatamente você foi fazer lá, Simon? – ele ergueu uma sobrancelha.

- Apenas conversar, Alec – ele deu um curto riso – Algum problema nisso?

- Não, nenhum – ele deu um sorriso forçado.

- Ok – Simon voltou sua atenção as meninas já que eram as mais receptivas do grupo – Então, como estão as coisas?

- Nada bem – Clary falou – Estamos monitorando a cidade enquanto procuramos pelo Jace mas até agora nenhuma pista concreta, não quero nem pensar o que o Valentine pode fazer com ele se não o encontrarmos a tempo – as lágrimas já começavam a se formar nos olhos dela e Simon a abraçou o mais rápido que pôde tentando consolar a amiga.

- Está tudo bem, Clary. Iremos encontrá-lo. Vou ver o que posso fazer para que os vampiros ajudem, mas não posso prometer nada ainda porque ainda não fui totalmente aceito por todos.

- Falando nisso – Alec se meteu na conversa – Como você fez para que aqueles vampiros não cortassem sua cabeça fora ou algo do tipo?

- Bem, digamos que tive um bom advogado – Simon sorriu em um tom de vermelho vivo. Ele sabia se impor quando queria, principalmente com Raphael, mas ainda tinha seus momentos de timidez (principalmente perto dos amigos).

- Entendo – Alec lançou seu veneno – Você e o vampirão estão dominando a parada! Muito bem, Simon, arranjou um homem para te proteger e que com certeza ainda faz loucuras quando estão a sós.

Todos arregalaram os olhos com aquele comentário.

- Alexander! – Izzy o repreendeu.

- O que foi que eu disse? – ele ergueu as sobrancelhas e todos riram.

- Você é uma figura, Alec. Mas saiba que eu também sei fazer loucuras quando quero – Simon piscou pra ele e Alec revirou os olhos.

E assim eles passaram umas 2 ou 3h conversando sobre os mais diversos assuntos, alguém sempre fazia uma piada ou algo engraçado quando o clima estava pesado e mais uma vez o encontro dos três foi super agradável.

 


Notas Finais


Aos fãs de Malec (assim cm eu), um pouco de diversão ;) #AlecVenenosa hahahahahah

P.S.: Se tiver erros é porq postei sem revisar =/


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...