História Um amor improvável - Capítulo 14


Escrita por: ~

Postado
Categorias Pokémon
Personagens Alain, Ash Ketchum, Barry (Jun), Black, Blue, Bonnie, Brock, Calem, Cilan, Clemont, Cynthia, Dawn Hikari, Delia Ketchum, Drew, Gary Carvalho, Giovanni, Grace (mãe de Serena), Hilbert, Hilda, Iris, Lance, May, Misty, Paul, Professora Juniper, Red, Serena, Shauna, Trip, Yellow
Tags Amourshipping, Ash, Colegial, Escola, Pokémon, Romance, Serena
Visualizações 213
Palavras 1.029
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Esporte, Famí­lia, Hentai, Luta, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Yuri
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oi, foi mal tava sem net

Mas agora to aqui, nesse frio de9 graus com sensação térmica de -675

Enfim

Boa leitura :)

Capítulo 14 - Ciumes de amigo? Ou... Amor?


Na empresa Flare

- Senhor, estão todos te esperando na sala de reunião. Diz a garota e Jasper confirma que entendeu com a cabeça.

- Desculpa filho, vou ter que desligar, outra hora você me fala, tchau. Diz Jasper desligando o telefone

- Seu filho senhor?

- Sim, feche a porta por favor Celosia. Diz Jasper colocando seu blazer e saindo de sua sala e Celosia fecha a porta.

Ele vai até a sala de reunião e quando entra vê todos os outros funcionários importantes da empresa.

- Esse é o presidente dessa empresa, nem na hora chega.

- O que quer insinuar com isso Lysandre? Diz Jasper se sentando em sua cadeira.

- Você sabe muito bem, eu deveria estar no comando, eu sou o mais capacitado. Nosso pai não sabia escolher.

- Ele tinha bastante certeza quando distribuiu entre a gente as partes da empresa. 20% pra mim, 15% pra você, e o resto pro nosso irmão Sycamore, mas ele me deu a parte dele, porque ele também sabia que você não merecia comandar essa empresa.

- Cala essa boca. Diz Lysandre se levantando.

- Se exaltar não vai dar em nada. Você só está aqui ainda porque tem seus 15% e não quer vende-lo. Diz ele tranquilamente irritando ainda mais Lysandre que tentou ir pra cima de Jasper mas foi segurado pelos outros executivos e se sentam novamente.

- Essa empresa ainda vai ser minha. Diz ele sussurrando para seu amigo Xerosic.

Na casa de Serena

Grace estava sentada no sofá, pega seu celular e faz uma ligação.

Cell on

- Olá Senhorita Grace, em que posso ajudar? Diz ele tranquilamente

- Você sabe em que eu pode me ajudar Giovanni. Diz ela exaltando a voz

Calma senhora Grace, eu estou fazendo o que posso, mas o regulamento da empresa do seu marido é muito extenso, e eu não tenho apenas o seu caso para trabalhar.

- Mas você não tem outros advogados no seu escritório?

- Tenho, mas a senhora não queria sigilo?

- Tem razão, desculpe por lhe incomodar com isso.

- Não tem nenhum problema, isso pode ser estressante pra você e sua filha.

- Bem, obrigada.

- De nada.

- Tchau, bom trabalho.

- Obrigado, tchau

Cell off

~~~ QUEBRA DE TEMPO ~~~

Três horas depois

Pov Serena

Sonho on

A escola? O que eu tô fazendo aqui? Espera, dois eu? Olho e vejo um espelho onde havia eu e do meu lado eu também, mas vestido como Sere, e começo a encarar o outro.

- Sere... Digo esticando meu braço pra tentar tocá-lo

- Não. Diz ele se afastando. - Nós somos a mesma pessoa. Diz ele colocando a mão no bolso. - Mas por pouco tempo. 

- Como assim?

- Só pode existir um de nós. Diz ele tirando as mãos do bolso com uma arma e dando um tiro em meu peito.

Sonho off

- O que foi isso? Digo me levantando rapidamente e ofegante.

Que dor de cabeça é essa? E essa dor na minha mão? Eu não deveria ter socado a parede. Meu Deus, o que está acontecendo comigo? Esse sonho...

Melhor eu ir tomar banho, pego minhas roupas e entro no banheiro.

Pov Serena off

Meia hora depois

Serena ainda estava no banheiro e sua mãe, preocupada, foi ver o que estava acontecendo.

- Tá tudo bem, filha? Pergunta Grace batendo na porta

- Tô mãe, por que?

- Você já ta meia hora ai dentro.

- Sério? Já to saindo

Uns minutos depois.

Serena sai do banheiro e encontra sua mãe sentada em sua cama.

- Tudo bem, filha?

- Já disse que sim mãe.

- E como você tá?

- Acho que não tem como piorar. Diz Serena sentando ao lado de sua mãe e a abraçando.

~~~ Quebra de tempo ~~~

Um mês depois.

Muita coisa aconteceu durante esse tempo, mas nada que fuja da rotina. E mesmo com todo esse tempo, o advogado contratado por Grace ainda não achou nada que pudesse ajudar Serena. E falando nela, como ela anda?

Pov Serena.

Um mês já se passou, e o que mudou? Basicamente, não muita coisa, na escola, a rotina, e bem... algumas brigas com a Blue, estamos nos tornando inimigas, e no fim de semana? Enfurnada dentro de casa, saindo muito pouco, o Ash me chamava as vezes pra eu sair com ele e os outros, mas eu sempre recusava, achava que não valia a pena. E meu pai? Nem falou comigo durante esse tempo. 

Todos os dias, quando chega a noite, eu sempre tenho o mesmo sonho, sem nenhuma exceção.

Mas tinha algo que eu não deveria ter falado. "Acho que não pode piorar", piorou, mas por que?

Porque agora eu acho que eu sinto algo pelo Ash.

Toda vez que alguma garota  com exceção da Dawn vem falar com ele eu não me sinto muito a vontade com a situação, mas não pode ser o que eu realmente esteja pensando. É só ciúmes de amigo, só pode ser isso.

- Vai ficar ai parado Sere? A aula de educação física já vai começar. Diz Ash me chamando e me tirando dos meus pesamentos.

- Já é hora de você perder?

- Hoje não, meu caro amigo, eu sinto que é o dia da minha vitória.

- Vamos ver então.

Fim da aula de educação física

- Parece que o que você tava sentindo era só uma dor em alguma parte do corpo. Digo indo até ele.

- Você perdeu de novo Ash. Diz Dawn se pendurando nas minhas costas.

- Eu ainda vou ganhar do time que você estiver Sere.

- Aham, senta lá Claudia. Digo andando por ele com a Dawn ainda pendurada nas minhas costas.

- Não duvide de mim. Diz ele vindo atrás da gente

- Eu não duvido de você Ash. Diz Dawn.

- Não?

- Claro que ela não duvida de você, só da sua capacidade. Digo e nós duas rimos.

- Para com esse bullying.

- Vou pro meu vestiário. Diz Dawn descendo das minhas costas. - Tchau. Diz ela indo até o vestiário feminino e eu e Ash para o masculino.

Continua...


Notas Finais


Aham. Senta lá Claudia

Perguntas:

1- Gostaram?

2- Ciumes de amigo? Ou amor? Ou nenhum dos dois

3- Essa pergunta não vai influenciar em nada, mas só por curiosidade mesmo Serena X Dawn ou Ash X Serena

Não é bem um spoiler, mas no próximo capítulo, vai ter algo que a maioria de vocês vai gostar e não é hentai, palpites serão aceitos.

E isso é tudo pessoal, Adeus e até a próxima


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...