História Um amor inesperado - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Exibições 38
Palavras 631
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Colegial, Famí­lia, Festa, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Linguagem Imprópria, Mutilação, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Ooi seus lindo ❤

Capítulo 8 - Mateus eu preciso de você!


Fanfic / Fanfiction Um amor inesperado - Capítulo 8 - Mateus eu preciso de você!

Saímos da sorveteria, deixamos Juliana em casa, e Mateus vez questão de me levar em casa...achei tão fofo!
-Mateus~ está mais calma? Fala me dando a mão.
-Eu~estou sim... muito obrigada por me acompanhar até em casa.
-Mateus~Nada,linda.
O caminha foi ficando mais curto, até que chegamos em minha casa.
-Mateus~ acho que chegamos!
-Eu~ hahah, pois é. Falo lhe dando uma abraço de despedida.
Ao abraçar Mateus vejo através da janela, meu pai de joelhos, olhando pra minha mãe.
-Eu o que está acontecendo aqui? Falo saindo do abraço, e entro correndo em casa.

   MATEUS NARRANDO

Não entendi pq Anna saiu no meio abraço, então resolvi ver o que estava acontecendo.
Anna entrou correndo em casa, e arrancou as flores das mãos de um homem, que provavelmente é seu pai...

ANNA NARRANDO

Para muitos essa cena é fofinha, mas pra mim aquilo tudo me dava nojo, por mais que fosse meu pai.
Aquele homem fazia minha mãe sofrer, e sem contar ele quase bateu nela...QUE RAIVAAAA...
-Eu~ o que vc está fazendo aqui? Falo arrancando as flores de sua mão.
-Daniel~ vim pedir desculpas!
-Carla~ calma filha, está tudo bem..fala tentando me acalmar.
-Eu~ como ficar calma mãe, esse homem quase te bateu, por causa de bebidas,jogos e vadias.(Sim ele traía a minha mãe). Vai embora! Falo muito alterada.
-Daniel~ Eu entendo que você está com muita raiva de mim, mas me deixe conversar com sua mãe. Fala me olhando com cara de piedade.
-Carla~ minha linda pode deixar, está tudo bem. Passa a mão em meu rosto.
-Eu~ se é isso que a senhora quer mãe, tudo bem...mas eu não vou ficar aqui olhando pra esse homem.Falo dando as costas.
-Carla~mais onde você....
Bato a porta antes que minha mãe terminasse a frase. Começo a chorar desesperadamente, até que sinto uma mão quente sobre meu ombro.
-Mateus~ quer dar uma volta na praça? Fala dando um sorrisinho.
-Eu~ em qualquer lugar, só me tira daqui! Falo me levantando de uma cadeira que estava na varanda.
Fomos para à praça, e no caminho todo Mateus não me fez perguntas do que aconteceu. Isso era muito bom, pois não tinha cabeça para falar nada naquele momento...
Nós sentamos no banquinho da  praça e Mateus segurou na minha mão e disse:
-Mateus~ quer conversar sobre o que aconteceu? Fala secando minhas lágrimas, que escorria pelo meu rosto.
-Eu~ Não...pelo menos agora. Posso te pedir uma coisa? Falo soluçando.
-Mateus~ Claro princesa!
-Eu~ Só me abraça, e me faça esquecer de tudo que aconteceu, pelo menos um pouco.
Mateus me abraçou, e como dito e feito, pelo menos por um segundo ele me fez esquecer do que aconteceu.
-Eu~ obrigada por tudo que está fazendo pro mim... Falo olhando em seus olhos.
-Mateus~ eu não prometi que estaria sempre ao seu lado?! Haha
Dou um sorriso e volto pro abraço.

MATEUS NARRANDO

Eu vou dar um jeito de ajudar Anna, pois sei que ela está precisando de  mim e da Ju.Ainda mais num momento tão difícil como esse..

  ANNA NARRANDO

-Eu~ posso te confessar uma coisa? Falo ainda abraçada com ele.
-Mateus~ pode!
-Eu~ até hj nunca acreditei em amizades entre homem e mulher... Mas depois que te conheci, percebi que estava errada. Mateus eu preciso de você...eu sei que está muito cedo pra falar em amizade, afinal nos conhecemos a pouco tempo. Mas com vc senti que é real! Falo olhando nos seus olhos castanhos.
-Mateus~ confesso que com você também senti algo diferente... E nunca vou querer o seu mal, muito pelo contrário, sempre que você precisar vou estar aqui.Eu e a Ju...ela te ama muito, e faz de tudo por vc.
-Eu~ eu sei, eu também faço tudo pela aquela doida.
Mateus foi se aproximando, cada vez mais até que...


Notas Finais


Espero que gostem❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...