História Um Amor Inesperado - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Amor, Drama, Romance, Sofrimento
Visualizações 13
Palavras 889
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Colegial, Escolar, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Linguagem Imprópria, Spoilers, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 4 - O Pequeno Acidente


— O QUÊ- disse quase não acreditando que escutei isso

— É verdade, você não viu que hoje no shopping ele não parava de reparar em você- disse ela super animada.

— Você está viajando, ele nunca ficaria com alguém como eu e eu nunca ficaria como alguém como ele- disse para ver se entrava na cabeça dela.

— Pelo o que eu vejo você não enxerga-disse ela e em seguida deu um longo suspiro de decepção

— O que foi?- disse um pouco brava

— Saiba de uma coisa que eu torço por você-disse ela bem animada

— Ai só você mesmo amiga- disse quase morrendo de rir

— Bom está tarde e amanhã tem aula- disse isso e depois dei um bocejo

— Bom até amanhã Liss, beijos- disse ela

— Beijos até- disse isso e em seguida desligando

   Deitei na cama pensando se realmente Ethan gosta de mim, devo estar viajando ele é do tipo que gosta de meninas que usam saias curta e que são oferecidas. Depois de um tempo pensando nisso adormeci. Essa noite eu não tirava o que Grace falou da minha cabeça, será que estou gostando dele, no fim acabei acordando cedo.

   Como não consegui voltar a dormi decidi tomar uma banho, preparar o café da manhã, me arrumar(coloquei um moletom azul claro, uma camiseta rosa e uma bula de moletom cinza clara) e por fim fui andar um pouco de skate no quintal. Estava tentando fazer umas manobras de skate até que o skate foi para a rua comigo em cima, o skate bateu na quina da calçada e eu voei para a grama.

   A única coisa que fiz foi rir deitada na grama e olhando para o céu, de repente uma sombra surgiu perto de mim.

— Liss você está bem- disse Ethan se abaizando perto de mim

— Ethan o que você está fazendo aqui?- perguntei sem entender o que estava acontecendo

— Eu estava correndo aqui perto e vi uma pessoa cair na grama- disse ele me ajudando a levantar

— Ai- disse colocando a mão no meu pé

— O que aconteceu?- disse ele bem preocupado comigo pelo que que eu entendi

— Eu estava fazendo umas manobras no meu skate e ele veio em direção a rua, deu direto na quina da calçada e eu voei aqui na grama e acho que machuquei meu pé- disse passando a mão no meu pé

— Deixe me ver Liss- ele colocou a mão no meu pé e segurou

—Ai- disse isso fechando os olhos e virando o rosto

— Acho que você torceu seu pé- disse ele se levantando e estendendo  a mão

— Vem eu te ajudo a levantar- disse ele com aqueles olhos azuis penetrantes e meigos, o que estou pensando?

— Você poderia me ajudar a ir até minha casa- disse pegando a  mão dele e levantando

— Onde você mora?- disse ele pegando meu braço e colocando atrás de seu pescoço

— Nessa casa Verde-disse apontando para minha casa e em seguida pegando meu skate do chão

   Ele me ajudou a me levar até a porta de casa.

— Você não quer entra?- perguntei para ser educada e me apoiando na parede por causa de meu pé

— Não, obrigada. Preciso continuar a correr, se precisar de algo pega meu número- disse ele anotando seu número em um papel que tinha e me entregando.

— Obrigada Ethan você foi muito atencioso- disse meio envergonhada

— Eu sei que sou irresistível- disse ele dando um sorrindo e mexendo no cabelo

— E esse é o Ethan play boy voltando a tona- disse isso e em logo em seguida começamos a rir

— Bem eu vou entrar, daqui a pouco tenho que acordar minha irmã para a escola- disse isso pegando o meu celular para ver a hora

— Ok, se precisar  de algo não esquece de ligar-disse ele se despedindo de mim com um aceno

   Entrei em casa ainda mancando até que meu pai levantou e me viu mancando.

— O que foi filha, porque você está mancando- disse ele bem preocupado

— Eu estava andando de skate e...- antes de eu terminar ele me interrompeu

— Você caiu, que novidade. Acho que vou ter que faltar no trabalho para te levar no médico- meu pai disse meio frustrado, ele odeia faltar no serviço.

— Se você quiser posso pedir para a Grace ou outra pessoa

— Sério você faria isso- disse meu pai esperançoso

— Claro que sim- disse com um sorriso meio discreto

— Obrigada, eu levo sua irmã para a escola de ginastica-disse ele me dando um beijo na minha testa

— Carllie não tem ginastica hoje, é a reunião sobre o campeonato que vai ser daqui poucos dias. Nos temos que ir para dar apoio- disse isso bem sério

— Claro eu dou um jeito no serviço e você me ligue quando chegar ao médico

— Bem o café está pronto na geladeira- disse isso indo para meu quarto

— Você é um anjo-disse ele com um enorme sorriso no rosto

— Não se esqueça de fazer a Carllie come alguma fruta- disse isso subindo as escadas devagar

— Bem melhoras viu filha- disse isso indo direto para a cozinha

   Entrei no meu quarto deitei na minha cama e comecei a telefonar ninguém da minha família podia, meus avós estava em uma 2 lua de mel, meus tios ou estava trabalhando ou cuidado de filho doente, Thomas tinha que ir para o treino em sua escola de futebole por fim sobrou a Grace.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...