História Um Amor Interrompido - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Sonic The Hedgehog, Sonic X
Personagens Amy Rose, Charmy Bee, Christopher Thorndyke, Cosmo, Cream the Rabbit, Dr. Ivo "Eggman" Robotnik, Espio the Chameleon, Knuckles the Echidna, Miles "Tails" Prower, Rouge the Bat, Sally Acorn, Sonic The Hedgehog, Vanilla the Rabbit, Vector the Crocodile
Tags Drama, Miles 'tails' Prower, Romance, Taismo
Exibições 13
Palavras 3.224
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Romance e Novela

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Eu não estava morta, eu vou terminar essa fanfic. Agradeço pela paciência de vocês

Capítulo 3 - O plano de Eggman


Eggman estava dando alguns toques finais em seu novo robô. O robô tinha dois metros, era vermelho, branco e amarelo e possuia no braço esquerdo uma grande mão, e no braço esquerdo um grande martelo

"Está pronto! Com minha gênialidade eu inventei um grande robô e o grande plano plano! Oh hohoho"Eggman falou

Bokkun curioso então perguntou "Mas que plano?"

Eggman então se virou e disse "O plano que fará com que eu domine Mobius"

"Pode me explicar o seu 'poderoso' plano?" Bokkun perguntou

Eggman então explicou seu 'poderoso' plano "O plano é o seguinte:Provavelmente será facil capturar Tails depois do que ele passou, então eu e o Esmagador iremos captura-lo. Com Tails em minhas mãos eu obrigo à Sonic se render, pois se ele não me obedecer eu irei acabar com Tails. E assim Mobius será minha! Oh hohoho"


Tails acordou com as luzes do sol ja invadindo seu quarto pela janela, então ele se levantou, colocou seu sapato e verificou se estava tudo bem com a planta. Ele à regou e passou sua mão na planta com carinho e delicadeza. Tails, mesmo com tristeza e sofrimento em seu coração, ainda tinha esperança de que alguma coisa poderia vir daquela planta. Ele olhou para a sua janela do quarto para ver como o tampo estava, então ele percebeu que a cada dia que se passava o inverno estava cada vez mais proximo. Tails ainda olhando para a janela viu Eggman em sua maquina voadora e um robô grande vindo lentamente em direção de sua casa

"O que esse velho que?" Tails perguntou a si mesmo caminhando para a porta de entrada de sua casa. Ele abriu a porta mas continuou no mesmo lugar sem sair de sua casa

Eggman vendo que Tails ja tinha percebido que ele estava ali, falou "Droga! Ainda posso conseguir, eu acho", então Eggman e seu robô se aproximaram de Tails com uma distância de uns 4 metros entre eles "Contemple meu novo robô, Esmagador! Com minha gênialidade, inteligência eu mes-"

"Oi Eggman" Tails disse, querendo que Eggman fosse embora

"Grrrrr... Oi Tails" Eggman falou, bravo por ter sido interrompido

Tails bufou, e logo perguntou "O que você quer de mim? Você não tem mais o que fazer não?"

Eggman desceu de sua maquina voadora e falou zangado "TENHA MAIS RESPEITO POR MIM! Eu sou Eggman, o mais inteligente, o maior vilão de todos, aquele que domi-"

Antes que Eggman terminasse de falar, Tails entrou para dentro de sua casa e fechou a porta, deixando Eggman no vaco...

Eggman caminhou até a porta dizendo, deu três batidas na porta e voltou a onde ele estava

Tails abriu a porta e dessa vez saiu para fora da casa "Você poderia ir embora? Tipo agora?!"

"Grrrrrr, TENHA MAIS RESPEITO POR MIM! Eu sou Eggman, o mais inteligente, o maior vilão de to-" Eggman falava, mais novamente foi interrompido

"Passa logo pro final e diz o que você quer de mim!" Tails disse, um pouco bravo ja

"Foi você quem pediu, ESMAGADOR, EM AÇÃO!" Eggman ordenou

E imediatamente o robô correu em direção ao Tails, porem Tails não reagiu, ele continuou parado. Então P-130 agarrou Tails com sua mão direita de tal jeito que a raposa não conseguisse mexer seus braços

Tails não demonstrava que estava com medo, ele apenas disse "Vai Eggman, me mate! Más eu não estou nem ai pelo o que Sonic irá fazer com você"

"Matar? Eu não irei te matar. Esmagador, Apague ele!" Eggman ordenou

Então o robô liberou um gás de seu braço esquerdo no rosto da raposa. Tails prendeu a respiração, mas não durou muito tempo, em poucos segundos, Tails desmaiou

Eggman colocou um pequeno cartão frente á porta da casa de Tails, e nele estava escrito:

'Tails agora pertence á Eggman. Se você criar coragem para me enfrentar, Sonic, estou te esperando em minha base na beira da praia

De: Dr. Eggman, o novo rei de Mobius'


Tails acordou lentamente em uma sala escura, e então percebeu que ele estava todo amarrado, apenas suas caudas estavam livres

Tails foi usando suas caudas para desfazer os nós das cordas e logo se levanta e tenta abrir a unica porta da sala, mas estava trancada. A raposa olhou em volta e viu que no teto tinha um tubo de ventilação , então Tails voa até lá e viu que estava destrancada, ele entrou e foi um longo caminho para achar a saida...


Eggman estava na sala de comando com Bocoe e Decoe, esperando por Sonic...

"Ohohoho ,Meu plano esta quase completo, só falta aquele ouriço vir" Eggman falou

Bocoe então perguntou "Mas quando é que ele vai vir? Ja está demorando"

"Vamos esperar por Sonic, ele não deve demorar muito" Eggman respondeu, mas parecia que ele estava errado...


Tails finalmente encontrou uma saída dos tubos e se encontrou em uma sala redonda cheia de caixas eletrônicas "Aqui deve ser a sala de comando de energia" Ele disse a si mesmo. Então ele abriu uma caixa eletrônica e viu um monte de fios "Bom, parece que vai demorar um pouco, tenho que achar o fio certo para acabar com toda a energia desse lugar" 


10 Minutos se passaram desde que Eggman voltou a sua base e nada do Sonic... Eggman começou a ficar sem paciência e então surtou "ONDE É QUE ESSE OURIÇO ESTÁ? TA DEMORANDO DEMAIS!'

"Mas senhor, se passaram apenas dez minutos" disse Decoe

Eggman se virou e disse "E DAI? ELE NÃO DIZ SER A COISA UMA S RÁPIDA VIVA?! ENTÃO ELE JA DEVERIA ESTAR AQUI!"

Bocoe então falou "Senhor, devemos continuar com o plano para que nada de errado aconteça"

Eggman sentou em sua cadeira, bufou, mas aceitou "Está bem, vamos continuar esperando. E eu quero que um de vocês vá ver como Tails está, ele tem que estar bem para nosso plano não falhar"

E logo quando Eggman terminou de falar, Decoe e Bocoe olharam para Bokkun ao mesmo tempo

Bokkun bufou "Tá bom, eu vou ver como ele tá" ele disse, logo voando para fora da sala. Chegando lá, Bokkun bateu na porta dizendo "Tails abre ai" mas então ele se lembrou que a chave estava com ele. Bokkun destrancou a porta e à abriu, e a sala estava vazia... Então Bokkun entrou dentro da sala, olhou em volta e viu que o tubo de ventilação estava aberto

"Acho que isso não fazia parte do plano" ele disse, voando de volta para a cabine do Eggman. 

Logo quando Bokkun chegou, Eggman perguntou "E então, como ele está?"

Bokkun porem não respondeu, só ficou gaguejando

Eggman se levantou "Vamos, Desembucha!" disse ele

Bokkun então bufou e disse "Só sei que lá ele não está. Pronto falei"

"O QUE? MAS A PORTA ESTAVA TRANCADA, COMO ELE PODE TER ESCAPADO" Eggman surtou

"O tubo de ventilação estava aberto, e então ele fugiu" Disse Bokkun

Eggman olhou para Decoe e Bocoe e falou "SEUS PATETAS, VOCÊS DEIXARAM O TUBO DE VENTILÃO DESTRANCADO SEUS INUTEIS!"

"Mas senhor, foi o senhor quem ordenou a deixar aberto" ambos responderam

"Depois eu explico para vocês o que é deixar um tubo de ventilação aberto" disse Eggman, se sentando em sua cadeira "Agora o que importa é saber onde Tails está" E com essas palavras Eggman apertou um botão de sua mesa, fazendo com que as imagens de todas as câmeras fossem mostradas em sua televisão. Eggman olhou câmera por câmera, e enfim ele achou Tails "Ahaa! Tails está na sala da fonte de energia. O QUÊ?! TAILS ESTÁ NA SALA DA FONTE DE ENERGIA?! ESMAGADOR, VÁ PEGA-LO ANTES QUE ELE CORTE NOSSA ENERGIA!"

Esmagador saiu correndo em alta velocidade até a sala de energia


Sonic estava indo para a casa de Tails enquanto terminava de um cachorro quente. Ele bateu na porta dizendo "Tails, abri aqui amiguinho, Sally organiou um almoço para a gente e nossos amigos no parque, e eu vim te buscar" porem, não houve resposta... "Tails, tô entrando" Sonic correu por toda a casa de Tails em dois segundos e nada do Tails...  Então Sonic saiu da casa e falou "Estranho, ele nunca mais saiu de casa pelo o que eu saiba" foi então que Sonic pisou em alguma coisa no chão, ele olhou pra baixo e viu um bilhete

Ele leu o que estava escrito no bilhete e ficou parado, por um tempo... Até que Sonic saiu em disparada "Dessa vez o Eggman passou dos limites!" Disse ele enquanto corria para a base de Eggman


"Ahh, não tem jeito, são muitos fios, iria demorar uma eternidade para eu achar o certo" Tails disse a si mesmo. Então de repente a porta se abre e aparece o Esmagador

"Ahh, dessa vez não vou facilitar pra você! Pode vir!" Tails disse, preparado para lutar

Esmagador começa a correr em direção à Tails, e a raposa faz o mesmo. Ambos corriam em um para o outro, quando Esmagador deu um pulo para martelar Tails com mais força, mas Tails derrapou por baixo dele enquanto o robô estava no ar. Esgador bateu com seu martelo no chão com tanta força que o martelo ficou preso

Tails olhou para o robõ e percebeu que a parte de baixo da babeça dele era aberta, então Tails aproveitou que Esmagador estava preso no chão, e subiu em cima do robô de tal jeito que suas pernas ficassem no pescoço de Esmagador para ele se segurar

O robô, percebendo isso, criou força para se levantar e começou a correr pela sala enquanto sua parte de cima girava loucamente

Tails colocou sua mão na parte de baixo da cabeça do robô e começou a arrancar todo fio que encontrava, e com isso Tails levou um choque tão grande que arrepiou todo seu pelo. Porem Tails não desistiu, ele continou removendo todos os fios que encontrava, até que do nada, o robô parou de girar e começou a correr na direção da parede, e -Bammm-, ele bateu com tanta força que caiu no chão e começou a sair eletricidade em volta dele

Tails, cansado, saiu de cima do robô e teve uma idéia "Ja sei, se eu não posso achar o fio certo, eu vou sobrecarregar todos eles" disse ele

E então, Tails carregou o robô até os fios, segurando ele pelo martelo que era onde não passava eletricidade. E Tails arrancou a cabeça do robô, e começou a sair muita energia do pescoço dele

"Bem, lá vou eu" disse Tails, enquanto levava o pescoço do robô até os fios com a inte-

-Boooooom-

O robô sobrecarregou tanto a eletricidade da base de Eggman que teve uma explosão que lançou Tails pelos ares, fazendo com que Tails batesse na perede com tanta força, que ele acabou desmaiando


 Quando Eggman ouviu a explosão todos os seus equipamentos ficaram sem energia, então a unica opção que lhe restou foi fugir. Ele pegou sua máquina voadora e saiu de sua base com seus três robôs

Quando Eggman saiu da base dele, ele continuou voando "Ufa, ainda bem que não desmoronou" disse ele, mas logo depois que ele terminou de dizer, começou a ter muitas outras explosões, fazendo com que a base se desmoronasse de pouco em pouco "AHH, NÃAOO"

"EGGMAAN!"

Eggman se vira para ver quem é e vé Sonic parado no chão "Sonic? Acho que você deveria vir mais cedo, não é?" disse Eggman com um pouco de medo com o que Sonic poderia fazer com ele

"Onde é que Tails está?!" Sonic exigiu

"Tails está na minha base que está desmoronando e explodindo, este é o fim da linha pra ele!" Eggman falou com um sorriso diabolico em seu rosto

Sonic preparousse para correr "Eu vou salva-lo" disse ele, mas antes que ele corresse, um robô vermelho e azul da mesmo tamanho do Sonic apareceu em sua frente

"Ah HAHAHAHAHA, VOCÊ NUNCA IRÁ PASSAR POR ESSE ROBÔ, eu projetei ele especialmente para competir com a sua velocidade, então boa sorte tentando vencer ele!" Eggman falou, confiante que esse robô venceria Sonic


Tails acordou lentamente, ele não estava ouvindo e vendo direito, ele tentou se levantar, mas caiu. Ele esperou um tempo deitado no chão, até que sua tontura foi embora, então ele começou a ouvir e ver direito, ele se levantou e percebeu que ainda estava dentro da base que está desmoronando com muitas explosões

Tails começou a correr procurando por uma saída, mas estava sempre caindo pois a base estava tremendo muito por causa do desmoronamento e das explosões. Então, enquanto Tails corria, ele achou uma arma no chão, ele se agachou para pegar mas a janela do lado quebra, fazendo com que o vidro caisse em cima do Tails

"Não foi nada" disse ele enquanto se levantava pegando a arma. Ele estudou um pouco a arma e viu que era uma arma de laser plasma, qualquer coisa que o tiro atingisse causaria uma explosão que mandaria essa coisa pelos ares "Não queria ter que usar isso, mas isso pode ser útil" Tails falou, ele nunca mais queria tocar em uma arma depois do que ele fez com Cosmo, ele se culpava tanto por aquilo, mas sabia que a arma poderia ser útil

Explosões de fogo começaram a vir dos dois lados e Tails voôu com suas caudas para fora da base pela janela que havia quebrado, mas quase não escapou da explosão. Tails então continua voando para cima o mais rapido posivel, quando a base de Eggman começou a cair de lado, e isso chamou a atenção de Eggman e de Sonic que parou de lutar para ver a cena

Toda a base caiu de lado causando uma grande explosão

"TAILS, NÃO" Sonic gritou quando viu a explosão "Eggman! Você vai pagar po-" Sonic falava, mas o robô deu grande um soco no rosto dele, fazendo com que Sonic caisse no chão

"Oh Hohoho! Adeus Sonic, Quem é que é devagar agora eim?" Eggman disse, zombando de Sonic

O robô caminhou rapidamente na direção do Sonic e pulou se preparando para dar o soco final. Sonic ia sair correndo dali só que não dava mais tempo. Antes que o robô desse o ataque em Sonic, ele ficou parado no ar

"Ah?" Sonic não entendeu por que ele estava parado no ar, foi então que ele viu Tails voando segurando o robô por trás

"Tails?! MAS COMO ISSO É POSSIVEL?" Eggman se perguntou, ainda voando em sua máquina

Tails pegou o robô pelo pé esquerdo dele e voando, começou a girar  rápidamente. Ele continuou girando cada vez mais rápido e jogou o robô na direção do Eggman, e antes que o robô acertasse Eggman, Tails deu um tiro com a arma de plasma no robô, causando assim uma explosão que enviou Eggman pelos ares

"EU VOLTAREI! E COM UM ROBÔ MUITO MELHOR!" Disse Eggman enquanto 'voava' pra longe

Tails parou de voar, cansado de tudo. Sonic, que estava atrás de Tails, caminhou lentamente até ele e deu dois toques em seu ombro. Quando Tails sentiu os toques em seu ombrou, antes que Sonic tirasse seu braço de lá, Tails imediatamente agarrou ele pelo seu braço e o jogou para frente, ja apontando a arma para Sonic

"OPA, calma ai Tails, sou eu" Sonic disse, ainda jogado na frente de Tails

Tails então olhou para o sua mão direita que estava segurando a arma, ela estava tremendo, ele largou a arma se ajoelhou na areia e começou a chorar "Tá vendo Sonic? Eu quase fiz de novo... EU QUASE MATEI ALGUEM DE NOVO!"

Sonic se levantou rápidamente e começou a acariciar a cabeça de Tails "Tails, você não me matou, você me salvou! Obrigado amiguinho. Amiguinho não, nós somos irmãos cara, agora vem" disse Sonic, carregando Tails de tal jeito que a raposa ficasse abraçada no Sonic e que a cabeça de Tails ficasse no ombro de Sonic

Sonic correu rápidamente com Tails em seus braços para o parque, e quando chegou lá, ele se deparou com Sally, Amy, Cream e Chesse esperando por eles em uma mesa de madeira com dois bancos de cada lado, em cada um deles cabiam três pessoas

Cream ao ver Tails todo sujo e chorando, perguntou rápidamente "O que houve com Tails?"

Sonic, com Tails ainda em seu colo, respondeu "É uma longa história..." Sonic colocou Tails sentado ao lado de Sally, mas Tails só colocou seus braços na mesa e colocou sua sua cabeça escondida entre eles, para cobrir seus olhos cheios de lágrimas...

Depois que Sonic contou tudo o que aconteceu, todos fizeram perguntas

"Foi Tails quem acabou com toda a base de Eggman e ainda mando Eggman pelos ares?" Amy perguntou, surpresa pelo o uqe Tails fez

"Isso mesmo" Respondeu Sonic

Cream então se levantou e fez apenas uma pergunta "Mas está bem, não está?"

Sonic abriu a boca para falar, mas ele não tinha certeza se Tails estava bem. Então ele se levantou e falou para o Tails "Tails, você levantar um pouquinho por favor?"

Tails ficou de pé tentando esconder suas lágrimas e então ele enxugou seus olhos. Quando ele terminou de enxugar os olhos, ele viu Cream apavorada e Sally e Amy um pouco preocupadas "O que foi?" Ele perguntou

"T-Tails, olhe para o seu antibraço direito" Sally pediu

Tails olhou para o seu antibraço e viu que um pouco acima de seu cotovelo havia um corte na horizontal de uns 5cm que estava sangrando um pouco e já tinha manchado uma pequena parte de seu pelo "Isso deve ser das explosões ou da janela que quebrou" Ele nem tinha percebido...

"Já volto" disse Sonic, antes de sair em dispara-   opa, já voltou... Sonic voltou com uma faixa e um lenço nas m nas mãos

"Coloca seu braço ai na mesa" Sonic pediu. Depois que Tails colocou o braço na mesa, Sonic usou o lenço para tirar o sangue do pelo dele e depois cobriu o corte com a faixa

"Você cuida tão bem dele" disse Sally, feliz por Sonic cuidar de Tails desse jeito

"Claro né? Ele é muito mais do que um melhor amigo pra mim" Disse Sonic com um sorriso no rosto. Sonic amava Tails como um verdadeiro irmão, ele sabia o quão importante ele é para Tails, e Tails é muito importante para ele também. Sonic realmente está arrependido do que ele disse para o Chris quando só faltava ele ir para Mobius, Sonic tinha dito que 'tudo o que importa pra ele é poder correr' ,Sonic realmente mudou, ele percebeu que os amigos são muito mais importantes do que simplesmente 'correr' ,e ele pretende continuar assim

"Ele vai ficar bem?" Cream perguntou, preocupada com Tails

"Não se preocupe Cream vai ficar tudo bem" Amy assegurou

Durante toda a tarde, Cream e Amy brincaram e Sonic e Sally conversavam sentados na grama, eles tentavam por Tails para conversar um pouco também, mas Tails simplesmente ficava quieto, pensando em todos os dias que ele teve com Cosmo, quando ele chorava desfarçava para ninguem perceber

Logo o sol se desceu e a lua subiu, Amy levou Cream para sua casa, Sally foi para o castelo e Sonic levou Tails para a casa dele

"Tchau Tails, se cuida eim" Sonic disse, acenando para Tails. Sonic queria ficar para cuidar de Tails, mas ele sabia quando deveria deixar alguem sózinho

"Tchau Sonic" Tails falou, nada alegre. Sonic foi embora e Tails foi verificar a planta de Cosmo. Ele à regou e fez um carinho nela delicadamente, ele ainda tinha um pouco de esperança em seu coração. Tails então foi tomar banho, ele realmente estava muito sujo depois do dia. Ele tirou a faixa e então foi lá, logo ele já saiu e tirou seu tempo para se secar. Ele colocou a faixa novamente e se sentou em sua cama, ele pensou em como poderia ter sido o dia com  Cosmo, e seu o mesmo resultado: melhor e mais feliz

Ele então se deitou e se enrolou em suas caudas, pois estava cada vez mais frio

"Boa noite Cosmo, te amo..."


Notas Finais


Desculpem pela demora, vou tentar voltar mais cedo na proxima (fériaaas)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...