História Um amor morto - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias DAY6
Personagens Dowoon, Jae, Junhyeok, Personagens Originais, Sungjin, Wonpil, Young K
Tags Day6, Fantasma, Lemon, Yaoi
Visualizações 11
Palavras 1.106
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Escolar, Lemon, Magia, Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense, Violência, Yaoi
Avisos: Adultério, Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Jamais visto um cap tão rápido hehe aproveitem pq não é todo dia hein...
Espero que gostem pq eu gostei kskssm

Capítulo 7 - Young K


Fanfic / Fanfiction Um amor morto - Capítulo 7 - Young K

Dowoon pov´s


Guardo meu celular assim que o professor entra na sala, Wonpil deve estar realmente puto comigo, mas não tenho culpa se SungJin ocupou seu lugar em meu coração.
Assim que o sinal bate indicando o intervalo saio da sala junto com meus colegas e sinto alguém puxar meu pulso, me viro e dou de cara com SungJin sorrindo lindamente para mim.

-Oi, de novo, quer me acompanhar no refeitório?
-Ahn, pode ser.- Assim que respondo SungJin puxa meu braço e vamos juntos ao refeitório. Espero sentado em uma mesa distante do resto enquanto SungJin pega alguns lanches para nós.

-Oi fofo...então você é o mais novo brinquedo do Sung?
-O que? Quem é você cara?- um garoto que eu nunca tina visto na vida brotou do meu lado e começou a falar tais coisas.
-Sou um amigo- falou e deu uma piscada para mim e logo foi embora, e no mesmo instante SungJin voltou
-O que ele queria?- SungJin pediu me encarando sério
-Nada - pego uma batata e como.
O intervalo passou absurdamente rápido enquanto voltava pra sala, fiquei olhando para todos os lados para ver se achava o garoto de antes, mas foi sem sucesso. Os últimos períodos passaram mais devagar impossível, algumas vezes eu dava uma olhada ou outra no celular para ver se tinha alguma mensagem de Wonpil, mas não havia mais nada.
♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥

Quando voltei da escola tentei falar com Wonpil mas ele não me atendia e não respondia minhas mensagens, passei o resto do dia estudando e falando com SungJin, ele realmente é um fofo sabe muito bem como me fazer sorrir.
Na manhã seguinte acordei estranhamente cedo me arrumei comi e fui para o colégio, por ter chegado alguns minutos adiantado resolvo passear pela escola até SungJin chegar, resolvo visitar alguns andares que não são muito utilizados pela escola, encontro uma sala vazia com um piano no meio dela, sento no banco e arrisco algumas notas porém o piano começa a dar choques em mim e desisto de toca- lo.
-O que faz aqui?- ouço uma voz familiar e me viro deparando- me com Wonpil parado na porta
-Vim dar um passeio, por quê? Não pode?
-Não é isso- Wonpil olha para todos os lados da sala como se procura- se algo
-Porque não me respondeu?
-O que?
-Minhas mensagens e ligações de ontem Wonpil?
-Não tinha nada para falar
-Mas eu sim, desculpa por não ter te acordado foi muita criancice minha
-Tudo bem, já passou
-Ahn... Wonpil será que ainda podemos ser amigos?
-Claro e porque não seriamos mais? –ele se aproxima do piano o tocando e sorrindo.
-Não toque nas teclas esta dando choque
- O que? Choque? – ele ri fraco
-É verdade toque nas teclas- Wonpil se aproxima e começa a dedilhar o piano e começa a rir
-Você esta sentindo coisas de mais Dowoon
- Mas é verdade- tento tocar algumas teclas e novamente sinto choques
-Que seja, mas você não me responde ainda o porque de que não seriamos amigos ainda
-Bom é que... depois do que aconteceu....a-ahn..n-não sei ....e-eu te peço desculpas mas eu descobri que não goste de você da maneira que pensei que gostava- respondo rápido a ultima parte antes que me faltasse coragem
-Tudo bem Dowoon eu não possuo outros sentimentos por você alem de amizade- Wonpil sorri sincero
-Então esta tudo ok, eu tenho que ir
-Pode ir, eu vou ficar aqui
-Ok, até mais
-Até- ele responde e logo em seguida saio da sala descendo as escadas praticamente correndo indo encontrar SungJin. Assim que chego ao pátio vejo-o vindo em minha direção sorrindo lindamente, e me sinto uma garotinha do colegial toda apaixonada.
-Oi- ele me cumprimenta selando nossos lábios o que me deixa um pouco corado
-O-oi  -falo sem jeito
-Vamos entrando? Logo vai bater, e quero te acompanhar até a sala.
-Arram -foi só o que consegui dizer. Ele me levou até minha sala e ficou comigo até o sinal bater, assim que ele saiu fiquei esperando Wonpil aparecer porém o professor logo entrou e nada de Wonpil, mandei uma mensagem para ele mas ele não respondeu, quando o sinal indica o segundo tempo peço licença para o professor para ir ao banheiro, mas na verdade fui atrás de Wonpil corro para o terceiro andar, na esperança de que ele esteja na sala que o deixei. Quando cheguei na sala realmente ele estava ali porem havia algo estranho o piano estava tocando uma musica muito bonita mas não era Wonpil que tocava, ele estava do outro lado da sala olhando para o piano enquanto sorria, abri a porta devagar até ele me notar e no mesmo instante a música parou.
-O que faz ainda aqui Wonpil?
-Eu quis ficar aqui, não estava a fim de ir para a aula. –Wonpil olha para o piano e sorri
-Poderia ter avisado pelo menos. E por que não me disse que o piano tocava sozinho?
-Ele não toca sozinho seu bobo – Wonpil ri alto
-Como  não? Se acabei de ouvir ele tocando e você estava do outro lado da sala
- Isso é porque era o Young K tocando
-Young K?
-Sim é ele – Wonpil aponta para o banco em frente ao piano mas não a ninguém ali
-Ahn... Wonpil não tem ninguém ali
-O que?- ele se mostra surpreso e de repente sinto um vento frio e Wonpil encara o piano e começa a chorar
-O que? Por quê?Não, não... - Wonpil desaba no chão chorando e corro para ajudá-lo
-Wonpil? O que esta acontecendo?
-SAIA DAQUI AGORA
-Mas Wonpil você não esta bem
-SAIA- ele grita e eu obedeço.
Saio da sala muito confuso, ou Wonpil esta ficando louco ou isso é uma pegadinha de muito mau gosto,mas ele estava chorando...aish que confusão. Entro na sala de aula e o professor me olha bravo, mas eu não estava afim de ficar de mau com ele, eu estava assustado com o que aconteceu com Wonpil, se bem que o nome Young K não me é desconhecido acho que foi ate o próprio Wonpil que me falou dele, passou dois períodos inteiros pensado em Wonpil até que o sinal para o intervalo bate, assim que saio da sala vejo SungJin me esperando escorado na parede de frente para minha sala. Entramos no refeitório e sentamos no mesmo lugar de ontem.
-SungJin você conhece alguém chamado Young K?
-O único Young K que eu conheço é o falecido líder de basquete da escola
-Falecido?
-Sim, ele morreu numa sala no terceiro andar, alguns dizem que ele se matou outros dizem que foi morto, mas o mais estranho é que quando o IML veio pegar o corpo, o corpo havia sumido.
-Sumido?
-Sim, mas por que? Quer saber dele?
-Por nada não.-  Passei o intervalo inteiro pensando no que SungJin me disse, será que Wonpil estava vendo o fantasma de Young K ou ele ficou sabendo da história e só queria me assustar?  



Notas Finais


Eai goxtaram paçoquinhas?!
Bjsbjs e até o próximo
Tia Laine ama vcs 😘😘😘💕


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...