História Um amor muito louco - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Originais, Um Amor Muito Louco
Visualizações 1
Palavras 390
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Romance e Novela
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Incesto, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Aproveitem. '-'
[ Leiam as notas finais ]

Capítulo 2 - Posso ficar aqui?


        20:53 - Sábado

- Márcio! - Gritou Helena do banheiro. - Socorro! 

- O que foi? - Helena estava apenas de com uma toalha sobre sei corpo nu e molhado, a olhei perplexo. 

- Barata! - Apontou para o animal minúsculo que estava no chão do box, a matei e em seguida a joguei no ralo.

- Obrigada, maninho. - A mesma exclamou mais calma, e esticou um dos braços até mim. - Me ajuda a descer, Marcinho. 

- Sério, Helena? - Bufei e a ttirei de  cima da pia. - Prontinho. 

A mesma saiu do banheiro indo em direção ao seu quarto, saindo um tempo depois com seu pijama azul, um short minúsculo, e uma blusa de alça fina.

- vamos assistir um filme? - Ela sorriu.

- Você faz a pipoca. - Digo pegando uns cobertores e jogando no sofá. - Ok? 

- Ok! - Ela confirma - que horas são? 

- 22:10, vai logo garota! - Ordenei, e em seguida escolhi um filme de terror na Netflix, Helen chegou com um pote de pipoca, e sentou - se ao meu lado jogando um coberto sobre as pernas. - Se ficar com medo, pode me agarrar eu deixo.

- Eu não vou ficar com medo. - Falou brava, se isso era só um pretexto para poder ficar mais perto ainda da minha irmã que eu tenho uma vontade enorme de fuder? Se você disse sim, você me conhece direitinho. 

o filme começou, logo na primeira cena, Helena pulou pra cima de mim e segurou meu pescoço, ri, mas logo fiquei sério quando por um descuido sua intimidade "tocou a minha.".

- Posso ficar aqui? - Ela pediu inocente. 

- pode. - a mesma se acomodou em meu colo, deitando a cabeça em meu peito, o filme terminou e a mesma dormia feito anjo, me deitei no sofá, com a mesma em minha frente, desliguei a TV e adormeci. 

00:53 - Sábado/Domingo

Acordei sonolento, Helena a essa altura estava com uma das pernas em cima de mim, em uma posição bem perturbadora, fechei os olhos e senti um movimento da mesma, sua mão foi até a minha, levando a mesma para sua bunda. 

- Queria que estivesse acordado, maninho. - Helena sussurrou, enencaminhando em seguida seus lábios aos meus, continuei a fingir estar dormindo, minutos depois a mesma pegou no sono novamente e em seguida eu. 


Notas Finais


Se você não gosta desse tipo de história, já pode parando de ler por aqui, se for corajoso continue, coisas piores virão. ; )


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...