História Um amor não assumido (Chloalya) - Capítulo 2


Escrita por: ~, ~HueGbrLeitora e ~RCRLeitor

Postado
Categorias Miraculous: Tales of Ladybug & Cat Noir (Miraculous Ladybug)
Personagens Adrien Agreste (Cat Noir), Alya, André Bourgeois, Chloé Bourgeois, Félix, Hawk Moth, Marinette Dupain-Cheng (Ladybug), Nathalie Sancoeur, Nathanaël, Nino, Personagens Originais, Plagg, Sabrina, Tikki
Visualizações 55
Palavras 410
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, FemmeSlash, Hentai, Romance e Novela, Shoujo-Ai, Yuri
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Boa leitura !

Capítulo 2 - O Primeiro dia de aulas...


Fanfic / Fanfiction Um amor não assumido (Chloalya) - Capítulo 2 - O Primeiro dia de aulas...

Pov. Alya


No primeiro dia de aulas...

TRIIMMMM

-Céus, que despertador barulhento – dou um bocejo tapando a boca e logo em seguida desligo o despertador. Bem, levantei-me da cama, me arrumei, saí do quarto e fui comer com a minha família.

      -Bom dia Mãe, Pai- disse e dou um beijo na bochecha de cada um antes de me sentar.

   -Bom dia filha- eles disseram e retribuíram os meus beijos.

       -Como se sente sabendo que é o seu primeiro dia de aulas?- minha mãe  perguntou, dando uma trincada no seu pequeno almoço.

        -O de sempre mãe- disse e dou uma garfada na comida- estou um pouco nervosa e ansiosa- levo o garfo á boca comendo a comida e dou um sorriso.

     -Que bom filha, espero que faça bons amigos- meu pai falou e sorriu para mim.

  - Claro Pai! - disse

Quando eu acabei de comer o meu pequeno almoço, eu me levantei e dei um beijo nas pestinhas dorminhocas, mais conhecidos como os meus irmãos mais novos e me despeço dos meus pais.

  -Tchau Pai- disse e dou um beijo na bochecha do meu pai- Tchau Mãe- dou um bejo na minha mãe.

  - Tchau Filha. - disseram em coro

E assim fui para a escola....


-10 minutos depois-

Bom, Eu estava de boas andando pela rua, calmamente em direção á escola, foi mais ou menos quando eu estava quase chegando lá, que eu ouvi duas vozes falando num beco,uma de um homem e outra de uma mulher, aparentava-se que eles estavam descutindo, e como vocês sabem, hmmm, bem, como eu sou curiosa eu decido observar, não cuscar gente, e sim observar o que estava acontecendo.

-Hahaha mas que piada-disse uma loira arrumando os seus cabelos e retocando a sua maquilhagem- Você É inferior a mim e ao meu pápá, e o que tem de mal nisso?

Essa mulher é idiota....Foi cutucar a onça com vara curta e vai levar uma patada longa...-pensei colocando a mão na minha testa desaprovando o ato da loira

-CALA A BOCA SUA PIRANHA-gritou o Homem, bem parecia mais um jovem com uma idade próxima á minha- Você não tem noção de quem comanda aqui, não é sua cadela?-disse dando um sorriso vitorioso.

Viu?

-QUEM VOCÊ ESTÁ CHAMANDO DE PIRANHA E CADELA SUA BARATA NO CIO?-disse ela já farta de ser ofendida.

Ainda por cima tem um ego do tamanho da Via Láctea- suspiro- preciso fazer alguma coisa se não a loirinha vai pro hospital....-fui pegando o meu celular e gravando cena por cena, ato por ato....


Continua...




Notas Finais


Espero que tenham gostado.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...