História Um Amor por Contrato - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Adolescência, Brigas, Colegial, Comedia, Dramas, Paixão, Romance
Exibições 2
Palavras 402
Terminada Não
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Crossover, Escolar, Famí­lia, Ficção, Romance e Novela
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 1 - Cidade nova, vida nova, ops não é bem assim não


Fanfic / Fanfiction Um Amor por Contrato - Capítulo 1 - Cidade nova, vida nova, ops não é bem assim não

Há várias caixas espalhadas ao redor de nossa casa, minha irmã caçula está jogada em nossa cama, no momento estamos divindo meu quarto e minha cama, Cecily está coçando a cabeça de nossa cachorrinha Sue.

- Você tá animada para o colégio novo? - Cecily pergunta com os olhos negros brilhantes.

- Hum, não - Dou de ombros me jogando ao lado dela - Ninguém nem vai me notar.

- Duvido - Cecily sorri - Eu to com medo, é a primeira vez que não estudamos juntas.

- Não se preocupe maninha, é só pensar que eu estou lá, faça novos amigos, você não vai nem sentir minha falta.

 - Impossível - Ela me abraça, olho para minha irmãzinha, ela é muito jovem, só tem 12 anos, enquanto eu tenho 17. Seus cabelos negros estão caindo sob seu rosto.

Dormimos abraçadas essa noite.


Acordo com o despertador, levanto da cama com rapidez, escovo os dentes, visto uma calça jeans, all star e uma blusa quente junto com a blusa de frio, pego minha mochila, antes de sair do quarto dou um beijo na testa da minha irmã.

Quando desço as escadas o cheiro de cafeína me faz ficar tonta, vejo minha mãe Maggie na cozinha, ela está tão magra, ser traída acaba com qualquer mulher.

- Bom dia mãe - me sento na mesa.

- Bom dia querida, eu fiz bacon com ovos mexidos e um cafe forte para você.

-Obrigada mãe - Começo a comer meus bacons.

- Seu pai me ligou - Olho preocupada para mamãe - Ele quer que vocês o visitem, é o direito dele como pai.

- Ele deixou de ser pai quando dormiu com aquela garota - Disparo, olho para mamãe, ela nem ouviu o que eu disse.

- Acho que ele vem levar vocês no parque que abriu agora, no sábado - Olho para a mulher na minha frente, eu realmente reconheço mais.

- Preciso ir mãe, Ceci está dormindo na minha a uma semana, precisa dar um jeito nisso - Beijo sua testa e saio para fora de casa.

Está frio, assim como em Oklahoma, mas essa não é minha casa, sinto falta da Mel,minha melhor amiga, quando eu cogitei a hipótese de começar tudo do zero o destino ou seja lá o que for me mostram que sempre viverei no passado, no passado onde eu me cortava sem ninguém sequer sonhar, olho as cicatrizes nos meus braços, dessa vez não farei isso aqui. Isso pelo menos será diferente. 




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...