História Um amor possível? - Capítulo 1


Escrita por: ~ e ~SrtaCamziii

Visualizações 155
Palavras 424
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Bishoujo, Bishounen, Colegial, Comédia, Escolar, Esporte, Famí­lia, Festa, Lemon, Luta, Musical (Songfic), Orange, Poesias, Policial, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Shounen, Universo Alternativo, Violência, Visual Novel, Yuri
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Mutilação, Nudez, Sexo, Spoilers
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 1 - Começo


Roberta On

Olá meu nome é Roberta Fonseca tenho 18 anos e reprovei duas vezes, ou seja terei que estudar com um bando de pirralhos de 16 anos, eu curto rock e sou lésbica assumida, moro com meus pais mas eles sempre estão de viajem, tomara que eu me de bem no novo colégio. 

Roberta Of

Luiza On

Sou Luiza Gomes tenho 16 Anos, irei voltar das férias de verão, curto Funk mas ainda sou virgem, da pra acreditar? ainda com 16 e virgem, este ano com certeza eu irei transar, e levar um enorme pau em mim, chupar uma rola enorme, aiii que tudo.

- Filha, se apronte ou ira se atrazar - disse ninha mãe 

- Calma Mãe, eu já vou - eu disse e dai me arrumei

- Pronta para o 2° ano do ensino medio filha? - minha mãe perguntou.

- Tanto faz - eu disse

mal conversei com ela e já fui para o carro de uns amigos meus, uma Ferrari vermelha novinha, e eles colocaram um funk ótimo.

Porque hoje é dia de baile aqui na comunidade.
Os pretinho vai brota deixar eles a vontade
Quer beber quer usar? Tá tudo arregado!

Acordei bem cedinho, fui no salão dar um trato
Mandei o moto-táxi no shopping
Que hoje eu tenho que estar bonito
Só peça da Calvin Klein
Me amarrei naquele estilo
Se era marca de playboy
Agora é marca de bandido
Se não tiver coleção nova nós substitui na hora
Pega camisa de time e põe meu vulgo nas costas

Dois irmãos ta assim só moleque sem sentimento
Que pega que taca
Taca, taca, taca, taca, taca tudo
E no final nós joga dentro

Dá prazer pras de casa, satisfaz as amantes
Mas em dia de baile
É pau nas putiane

Dá prazer pras de casa, satisfaz as amantes
Mas em dia de baile
É pau nas putiane

Se envolveu e fez fofoca, isso suas amigas gosta
Só aumenta o querer delas vim conhecer a tropa

No meio do caminho o carro quase atropelamos uma garota ruiva, ela estava usando fone e nem prestando atenção na rua, mas  é uma sem noção mesmo essa garota.

Sala

Já estavamos na sala de aula até que o professor diz:

- Alunos nos temos uma aluna nova que ira estudar com vocês - o professor fala.

A garota era a mesma de antes

- Meu nome é Roberta Fonseca tenho 18 anos - ela disse

- Sente-se ao lado de Luiza - Ele disse apontando para mim

to be continue



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...