História Um Amor Pra Toda Vida... - Capítulo 1


Escrita por: ~ e ~My_Kitty

Postado
Categorias Miraculous: Tales of Ladybug & Cat Noir (Miraculous Ladybug)
Personagens Adrien Agreste (Cat Noir), Alya, Chloé Bourgeois, Gabriel Agreste, Marinette Dupain-Cheng (Ladybug), Nathanaël, Nino, Personagens Originais, Plagg, Sabrina, Tikki
Tags Adrinette
Exibições 80
Palavras 578
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Escolar, Festa, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Insinuação de sexo, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 1 - Traição


Fanfic / Fanfiction Um Amor Pra Toda Vida... - Capítulo 1 - Traição

Marinette On 

Acordei com o despertador tocando levantei e fui tomar banho fui até meu guarda roupa e peguei uma leggin preta, uma regata preta e um moletom preto que no capuz tinha orelhinas de gato.

Depois tomei café com waffles e tomei suco de laranja e sai de casa e fui para escola no caminho encontrei o meu namorado o Nathaniel.

Fomos juntos para escola chegando lá fui falar com a Alya e o Nino.

Eles são meus melhores amigos.

Logo bateu o sinal e fomos para chegando o pátio vemos a diretora Nathalie apresentando um menino novo.

Um garoto chamado Adrien Agreste que era filho do Gabriel Agreste.

Fomos cumprimenta-lo logo a diretora foi embora e pediu para mostrar a escola para ele novo mostrei a escola.

(A: que no caso era tipo um internato pois tinham quartos.)

Até que enquanto eu e o Adrien passávamos pelos quartos ouvimos  uns gemidos.

Mas a porta do quarto estava um pouco aberta quanto fui ver não acreditei no que vi era o Nathaniel transando com a Chloé.

- NATHANIEL COMO VOCÊ PODE? - Falei grita do e chorando ao mesmo tempo.

- NÃO É NADA DISSO DO QUE VOCÊ ESTA PENSANDO AMOR. - Disse ele  saindo da cama, vestido a bermuda e vindo em minha direção.

- NÃO ME CHAMA DE AMOR EU TE ODEIO PARABÉNS VOCÊ E ELA SE MERECEM PARABÉNS ACABOU! - Eu disse saindo chorando.

Percebi que o Nathaniel tentou me pegar meu braço mas estava correndo tão rápido que nem olhei para a frene e tropeçando em alguém.

Abri meus olhos e vi o Adrien e ele me ajudou a levantar.

- M-me d-desculpe. - falei abaixando a cabeça.

- Não foi nada! Oque aconteceu?

- É  que eu estava te mostrando a escola ai eu vi meu namorado me traindo - comecei a chorar e ele me abraçou.

- Sinto muito. - ele desfez o abraço e ele olhou para meu braço. - Seu braço está sangrando, venha vou cuidar do seu braço.

Afirmei com a cabeça e ele pegou minha mão e saiu me puxando e entrou em um quarto.

- Esse aqui é meu quarto, fique a vontade. - ele falou me olhando - Se sente.

Me sentei e ele saiu e depois voltou e ficou em minha frente.

- Se doer me fale.

Ele limpou meu braço e passou o remédio e gemi de dor e senti uma lágrima saindo do meu olho.

- Tá ardendo.

- Desculpe.

Ele passou novamente o remédio e depois que terminou colocou uma faixa em volta do machucado.

- Pronto, terminei. - falou olhando para mim.

- Obrigada, Adrien.

- De nada, mas como sabe meu nome ?

- A diretora me falou.

- Entendi, de nada ?

- Marinette, mais me chame de Mari. - falei sorrindo.

- Certo, Mari.

- Bom, é melhor eu ir.

- Certo, vou te acompanhar até seu quarto.

Afirmei com a cabeça e ele pegou minha mão e saímos de seu quarto e fomos caminhando até chegar na frente de meu quarto.

- Adrien, obrigada.

- Não precisa agradecer.

Ele se aproximou de mim e me deu um beijo em minha bochecha e saiu andando sem olhar para trás.

Fiquei parada vendo ele andando até que não consigo mais ver ele e entrei em meu quarto e me sentei na cama.

E senti algo dentro de mim quando ele beijou minha bochecha, será amor ?

Marinette Off

Adrien On



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...