História Um Amor quase impossivel - Capítulo 22


Escrita por: ~ e ~vivi

Postado
Categorias Luan Santana
Personagens Luan Santana
Tags Comedia, Drama, O Luan Santana, Paixão com você
Exibições 45
Palavras 1.359
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Comédia
Avisos: Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Vivi,bia

Capítulo 22 - Capítulo 22


Fanfic / Fanfiction Um Amor quase impossivel - Capítulo 22 - Capítulo 22


Luan vai pra sala, se veste e vai ver o que tem pra comer ,enquanto você toma banho, ele vai mexendo em tudo.

Luan: Será que eu faço algo pra comer? Se eu mexer aqui ela me mata, vou ficar é quieto mesmo -ri-.

Você: Luan vai tomar banho? -grita do quarto-.

Luan: Não -seu apelido- eu vou pra casa mesmo, é melhor.

Você: Pensei que ia ficar aqui -diz saindo do quarto-.

Luan: Vou não, tô só com essa roupa, mais se você quiser eu fico -diz se aproximando-.

Você: Não entende errado -diz indo pro lado-.

Luan: Desculpa.

Você: Tudo bem -ri- quer comer?.

Luan: Não vou pra casa agora mesmo -diz pegando as chaves- beijos.

Você: Tá beijos.

Luan: É .. -seu nome-.

Você: Oi.

Luan: Vai lá em casa amanhã, vou fazer churrasco -cosça a cabeça-.

Você: Tá eu vou sim, pode deixar -ri-. 

Luan: Tá -sorrir- é, bom, tchau.

Você: Tchau lerdo -ri-.

Ele vai pra casa e você faz algo pra comer e depois vai ver onde iria passar as férias.

Você: Cara acho que vou pra Natal-RN lá é ótimo. Vai ser bom, eu vou pra lá mesmo..

Você compra o pacote de viagem, o médio mesmo, e vai arrumar a bagunça da sua casa.

Você: Luan é idiota, deixou a jaqueta aqui -diz pegando e cheirando- nossa tá fedendo -ri- que porco.

Você guarda a jaqueta dele pra levar no outro dia quando fosse pra casa dele e vai terminar de arrumar as coisas, assim que acaba você faz o almoço, toma um banho e vai comer. Enquanto isso na casa do Luan...

Amarildo: Levanta Luan -diz mexendo ele-.

Luan: Me deixa dormir.

Amarildo: Tá na hora do almoço Luan, levanta, se arruma e desce agora.

Luan: Tá tô indo.

Ele faz o que Amarildo pede e desce.

Bruna: A noite foi bem pesada né? Chegou e foi logo dormir.

Luan: Não aconteceu nada, só conversamos muito e fomos dormir quase 2 da manhã.

Bruna: Tá né se você tá dizendo.

Luan: Eu tô falando a verdade coisa, pode parar de falar merda ai.

Bruna: Oh mãe Luan tá me xingando aqui.

Mari: Luan menos.

Luan: Ela começou mãe.

Amarildo: É hora de comer e não de brigar, parem os dois.

Luan e Bruna: Certo.

Depois disso Luan sai da mesa e te liga.

~ LIGAÇÃO ON ~

Luan: Pensei que não ia me atender -ri-.

Você: Tava ocupada.

Luan: Te atrapalhei?.

Você: Não pode falar.

Luan: Ah eu ia te chamar pra sair hoje.

Você: Hm vamos sair todos os dias é? -ri- eu topo.

Luan: Nossa pensei que ia me mandar pro inferno.

Você: Não não -ri- sua jaqueta tá aqui viu?.

Luan: Tá eu passo ai pra te buscar e pego, pode ser as 16;00 ? A gente vai para uma sorveteira e só.

Você: Não eu quero açai.

Luan: Tá a gente vai comer açai -ri- então eu vou desligar tá? Eu passo ai beijos.

Você: Tá bom Lu beijos.

Depois se algumas horas, você se arruma e espera o luan chegar.quando ele chega ele sobe para seu apartamento.

Luan: Oi.já  tá prota.

Você: tô  vamos.

Vocês vão para sorveteria,você  Vai pegar o sorvete porque o luan não podia sair porque tinha paparases.depois vocês vão para casa do luan chegando lá ...

Mari: Olha quem tá aqui -diz te abraçando- como você tá?.

Você: Tô bem e você? -diz se soltando-.

Mari: Nos conformes né -ri-.

Você: Cade o coroa ?.

Mari: Deve tá no escritório, veio mais quem? O Luan saiu.

Você: Então -ri- ele saiu comigo, na verdade estamos saindo desde uns dias ai, mais como amigos tá?.

Mari: Isso é ótimo, vão se acertar?.

Você: Quem sabe né.

Mari: Eu espero isso.

Luan: Eu também -diz entrando na cozinha e te abraçando por trás-.

Bruna: Awwn que lindo -diz entrando também- voltaram? -sorri-.

Você: Não -diz se soltando-.

Luan: Ainda não -ri- vamos pro meu quarto -diz te puxando-.

Bruna: Quarto é? Usem camisinha.

Você: Vai se ferrar pirralha.

Luan: Não enche caveira.

Bruna: Meus fãs , vão logo u.u.

Você: Af mereço.

Luan: Merecemos -ri- vem.

Você: Porque me trouxe pro seu quarto? -diz entrando-.

Luan: Pra gente ficar só ué.

Você: Se você que vai ter ..

Luan: Não, eu te trouxe de boa, nem pensei nisso, acredita em porra, uma vez na vida.

Você: Tá desculpa, é que você tem mente suja em tudo.

Luan: Mais dessa vez não -diz deitando-.

Você: Eu vou acreditar dessa vez -diz deitando do lado dele-.

Luan: Estanho isso -diz te agarrando por trás *-* -.

Você: Porque acha isso? -diz ficando de frente pra ele-.

Luan: Geralmente quando um casal se divorcia eles nem se olham mais -ri- e a gente tá deitado quase se beijando, fora que estamos saindo quase todos os dias, e sem contar que dormi na sua casa de boa.

Você: É que a gente é diferente.

Luan: Como ? Não tem nada diferente -ri-.

Você: Tem sim, era um contrato, isso é diferente, não era um casamento real.

Luan: Mais poderia ter sido se eu não tivesse acabo com tudo.

Você: Não quero falar sobre essa parte Luan. Só deixa acontecer.

Luan: Então vai me dá uma chance ? -diz ficando por cima de você-.

Você: Então .você pesa sabia.

Luan: Eu tava sendo romântico sabia?.

Você: E eu tô sendo realista -ri- eu vou pensar tá? Depois eu te dou a resposta.

Luan: Quando vai me responder?m

Você: Não sei, mais se caso eu te der uma chance, eu quero tudo do meu jeito.

Luan: Tá né, você que comanda tudo.

Você: É isso ai -da um selinho nele-.

Luan: Selinho? Nem vem, quero beijo, beijão -diz se aproximando-.

Você: Não Luan, para -desvia-.

Luan: Não paro não -diz colando sua cabeça no lugar-.

Você: Não faz ...

Ele nem deixa você terminar de falar e te beija, você queria aquilo tanto como ele então nem tentou resistir, deixou acontecer mesmo, ele te beijava como se fosse o primeiro e ultimo, depois de um tempo assim você empurra ele pra recuperar o folego, e vão parando com selinhos *-*

Luan: Achei que ia me dar um tapa na cara -acaricia seu rosto-.

Você: Bem que você tá merecendo.

Luan: Oh faz isso não, você tem a mão pesada.

Você: Eu não vou te dar um tapa -ri- pode ficar calmo -da um selinho nele-.

Luan: Dorme aqui hoje? Tem churrasco amanhã mesmo, ai você já fica.

Você: Acho melhor não Luan, vamos com mais calma tá?.

Luan: Eu achei que cê ia dizer que sim, ia dizer que me perdoa.

Você: Foi só um beijo -diz se virando-.

Luan: De milhares que vão vir -diz te abraçando-m

Você: Quem sabe né?.

Luan: Eu sei -ri- a gente vai ficar juntos, vamos casar de novo -ri- mais não vai ser contrato, vamos morar na nossa casa, vamos ter dois filhos.

Você: Dois ? Eu quero um casal, e quero que se chame Rodrigo e Mariana.

Luan: Não pode, eu quero o Breno e a Nicolle.

Você: Que nomes feios, entao vai te que ser quatro.

Luan: É quatro é bom -ri-.

Você: Mais não vai se iludir não viu, não tô confirmando nada.

Luan: Juro que quando você me perdoar vou mandar celebrar uma missa, oh mulher díficil.

Você: Sou que nem. Valdirene: Difícil, dissimílima -ri-.

Luan: E só minha -te beija- pra sempre minha -selinho-.

Você: Agora eu não sou de ninguém bebê.

Luan: Tava demorando pra acabar com minha felicidade.

Você: Vamos com calma poxa, eu não vou prometer uma coisa que eu não tenho certeza.

Luan: Tudo bem, mais dorme aqui vai.

Você: Eu nem roupa trouxe Luan.

Luan: Eu vou buscar com você, dai cê pega pra amanhã também, dorme vai, cê dorme no seu antigo quarto ou com a Bru.

Você: Promete que não vai tentar nada?.

Luan: Só vou fazer o que você quiser.

Você: Jura?.

Luan: Juradinho.

Você: Então eu durmo -ri-.

Luan: Eu sabia -te beija-.

Você: Não abusa folgado.

Luan: Cê tá gostando mesmo -te beija de novo-.

Você: Idiota vamos vai -diz se levantando-.

Luan: Mais tarde vai, agora que consegui um beijo você quer ir.

Você: Eu vou dormir aqui menino, vamos -diz puxando ele-.

Luan: Vai dormir, não vai transar -diz se levantando-.

Você: Isso eu não vou mesmo -ri- vai anda, vamos logo.

Depois de muito insistir ele levanta e vocês vão descendom

Bruna: Tá bom hein?.

Luan: Vai se lascar.

Você: Não viaja Bruna.

Bruna: Tá né -ri- vão pra onde agora?.

Luan: Vou na casa da -seu nome- ela vai dormir aqui.

Bruna: Vou também.

Luan: Te convidei por acaso?.

Bruna: Nem precisa -diz indo pra porta- vamos logo -diz abrindo a porta-.

Você: Eu mereço isso -ri- vamos logo.

Luan: Não precisa ela ir -diz saindo de casa-.

Você: para vai, não tem problemas ela ir.

Luan: Mais pra mim tem -diz abrindo a porta do carro pra você-.

Você: Mente suja para tá.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...