História Um amor que ultrapassa barreiras - Capítulo 2


Escrita por: ~ e ~QueenDramaa

Postado
Categorias Naruto
Personagens Chiyo, Deidara, Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Hidan, Hinata Hyuuga, Ino Yamanaka, Itachi Uchiha, Juugo, Kabuto, Kakashi Hatake, Kankuro, Karin, Madara Uchiha, Nagato, Neji Hyuuga, Pain, Sakura Haruno, Sarada Uchiha, Sasori, Sasuke Uchiha, Shizune, Temari, TenTen Mitsashi, Toneri Otsutsuki, Tsunade Senju
Tags Naruto, Romance, Sasusaku
Exibições 107
Palavras 1.040
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Hentai, Romance e Novela, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


E ai gente? Voltei com mais um capítulo desta Fanfic. Tipo eu meio que deu Branco para atualizar as outras e eu estava com umas ideias para escrever esta. E pensei "porquê não atualizar a outra?" E foi oque eu fiz. Bom espero que gostem do cap bjos de nutella!

Capítulo 2 - Desabafo


Fanfic / Fanfiction Um amor que ultrapassa barreiras - Capítulo 2 - Desabafo

Sai de meu apartamento, tranquei tudo e fui descendo as escadas, cumprimentei Tsunade que já estava acordada varrendo a portaria. Fui andando pela calçada ainda não tinha movimento pois era muito cedo. Minha aula começaria só as 9:00 mas como eu pego 3 ônibus até o centro eu teria que acordar mais cedo.
Cheguei no ponto fiquei esperando por quase 30 minutos e nada do coletivo aparecer. Fiquei esperando por mais 15 minutos até que logo ele passa.
Chego na faculdade faltando 5 minutos para começar a aula entro na sala e para minha sorte o professor ainda não tinha chegado, me sentei numa das primeiras cadeiras quando Ino, que também está na mesma classe que eu e Hinata. entra na sala eu falo:

- Eei sente-se aqui!

Logo ela acena com a cabeça e fala:

- Bom dia testuda.

Eu a repreendo:

- Não me chame assim, Porca.

Ela apenas sorri. E fala:

- Pela sua cara você não dormiu nada ne?

Apenas a encarei e disse:

- Eu estava tão animada que mal
consegui dormir. E quando consegui já era hora de acordar.

Ino diz:

- Ainda acho que você deve vender aquele seu apartamento e comprar um mais perto daqui.

Eu faço que sim com a cabeça. Talvez Ino tenha razão. Melhor eu comprar um mais perto Mas com o tempo penso nisso. Hinata entra na sala e se senta ao nosso lado e fala:

- Bom dia meninas.

- Bom dia.

Respondemos ao mesmo tempo e Ino
fala:

- Então Hinatinha e o Narutinho?

Hinata a encara corada e fala:

- Que bosta hein Ino.

Ino retruca parecendo uma criança:

- NaruHina! NaruHina!

Começo a rir com as duas discutindo. Logo a aula a acaba a e Ino fala:

- Saky passarei na loja depois do seu expediente. Porque irei dormir na sua casa.

Eu a encaro:

- Quanta audácia! Nem me pergunta se pode. Sua oferecida!

Ela apenas sai andando dizendo:

- As 21:00 estarei lá na porta da sua loja. E separe uns docinhos para mim.

Eu grito:

- TÁ BOM SUA PORCA! VOU GUARDAR SUA LAVAGEM!

Me viro para Hinata e falo:

- Você também quer ir pra la?

Ela diz fazendo um gesto estranho com os indicadores:

- Não hoje não vai dar.

Eu arqueio a sobrancelha e falo:

- Como não?

Ela cora e fala:

-Naruto me chamou para sair.

Eu falo:

- QUANDO? E SO AGORA VOCE ME FALA ISSO?

Ela fala:

- Hoje de manhã nos encontramos no ônibus e ele me chamou.

- Que bom fico feliz por você.

E eu saio andando dizendo novamente:

- Agora tenho que ir trabalhar e juizo hein? Não faca nada que eu não faria.
Chego na loja de doces e visto meu uniforme ridículo, e sério deveria ser crime usar isso. E vou para a recepção. Pego uns cadernos e começo a ler já que ainda não tem cliente.
Hoje foi um dia tranquilo ajudo a fechar a loja. E separo uns doces para a Porca da Ino quando saio Ino está lá na porta esperando e disse:

- Você demorou hein Testuda?

- Larga de ser idiota, acabei de saie agora, e esse e meu horário normal. E para de reclamar sua porca.

Disse nervosa.

Saímos andando pegamos o ônibus e chegamos no meu bairro quase duas horas depois e Ino fala:

- Anda rápido se não alguém vai sequestrar a gente e vamos ser estupradas se não pior.

Eu falo nervosa:

- Cala a boca ninguém te quer não sua Porca oxigenada.

Ela retruca:

- Nem você sua Testuda. E só para constar sou loira natural ta?

Eu falo:

- Ah agora tá explicado, sua burrice e de nascença mesmo e eu achando que era efeito dos produtos. Viu então não precisamos nos preocupar com tarados.
Ino me encara incrédula e parece não ter reposta. E opta por ficar em silêncio. Chegamos ao meu apartamento e eu falo:

- Chegamos.

Ela:

- Ah não me diga?

- Vai se catar.

Digo nervosa.

Entramos e eu disse:

- Vou tomar um banho, você trouxe roupa?

Ela fez que não e eu logo percebi que tinha algo errado, porque ela nunca vinha para cá sem trazer uma bagagem eu a chamei diz sinal para ela se sentar e  disse:

- Ino, oque houve dessa vez?

Os olhos dela enchem de água e fala:

- Briguei com o namorado da minha mae e com ela esse final de semana. Ele bateu nela e eu entrei no meio para defende-la e ela simplesmente, disse para mim não meter.

-Nossa.

Falo incrédula.

- Saky eu to cansada de ver esse monstro espancando minha mae e ela ainda continuar com ele. Ele abusa dela. Eu o ameacei ontem e ele me expulsou de casa hoje e não me deixou trazer nada.

- Ino, eu não sabia, por que vc não me falou? Olha você pode morar aqui o tempo que precisar eu tenho umas economias podemos comprar umas mudas de roupas para você porque temo que as minhas não servirão em você a não ser os pijamas.

Nos abraçamos e ela disse:

- Own, Saky muito obrigada. Eu não sei oque faria sem você. 

Eu disse me soltando do abraço.

- Enfim vou tomar um banho, no armário tem roupas e umas calcinhas novas pode usar e depois você entra no banho ta?

Ela fez que sim com a cabeça trancou a porta do apartamento e eu fui tomar banho, lavei meus cabelos deixei a água caindo nas minhas costas, escovei meus dentes, e sai do banho logo Ino entra no banheiro. Visto uma calcinha Rosa clara, um shorts cinza e uma blusinha de alça cinza sem sutiã. Pego os brownnie  que comprei na loja e coloco num prato, puxo o Sofá de modo que ele vire uma cama, e pego as cobertas e os travesseiros e coloco um filme qualquer e Ino fala:

- Saky, obrigada mesmo.

- Que isso Ino você sabe que pode contar comigo. E vai ser bom ter você como companhia.

Falo entregando um brownnie para ela.


Notas Finais


E ai oque acharam? Espero que estejam gostando 😄😄😄


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...