História Um anjo na minha vida - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Justin Bieber
Personagens Jaxon Bieber, Jazmyn Bieber, Jeremy Bieber, Justin Bieber, Personagens Originais
Exibições 2
Palavras 1.047
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Romance e Novela
Avisos: Mutilação, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Minha primeira história de drama , To amando 😍
Bora ler ❤️

Capítulo 1 - O aluno novo


Fanfic / Fanfiction Um anjo na minha vida - Capítulo 1 - O aluno novo

https://m.youtube.com/watch?v=W_Fud1r_Zng

Mais um dia , pensei assim que abri meus olhos , mais um torturante dia . Muitas pessoas não entendem o que é a depressao , por tanto não  me entendem , não entendem o motivo para que eu fique triste sem motivo ou me irrite sem motivo , às vezes sem motivo eu acordo sem a mínima vontade de viver.Eu não tenho nem ao menos o apoio dos meus país , a única coisa que eles fazem é me criticar , nem ao menos tentam me ouvir . De tanto as pessoas me olharem estranho passei a me isolar , os poucos amigos que eu tinha me afastei aos poucos . Apesar de ser sozinha me sentia bem por estar assim , eu não tinha nada de interessante pra mostrar ao mundo , não que eu fosse feia , não me considerava a maior beldade mas feia também não era . 

-ISABELAAAA , PARA DE MOLESA GAROTA , VÁ SE ARRUMAR JÁ -mamãe gritou da porta como em todas as manhãs , apesar de não ser carinhosa ou muito próxima a mim , ela era uma boa mãe 

-Já vou kristen _ disse calmamente como em todas as vezes . Nunca a chamava de "mãe ", não conseguia , apesar de saber o que ela significava na minha vida 

Coloquei uma calças jeans , uma blusa de mangas branca e meu tênis , logo arrumei meu cabelo em um poupa rapidamente . 

Assim que desci encontrei a mesa farta , nela estava meu pai que lia seu jornal , mamãe que tomava seu café , tudo era igual em todas as manhãs , assim como a minha falta de fome .

-Bom dia Joseph . Não estou com fome , até mais tarde _ finalizei rapidamente , saindo de casa . Assim como era com a minha mãe , também não conseguia chamar meu pai de pai , isso pode parecer estranho mais para mim era natural 

Caminhei para o ponto de ônibus com passos lentos , não estava atrasada e não queria ficar na escola no meio daquele povo todo , me sentia sufocada quando estava perto de muitas pessoas . Quando faltava apenas uns 20 minutos peguei o ônibus , que não estava tão lotado , pelo menos não de alunos ,a maioria dos alunos tinham seus carros é por isso não precisavam do ônibus .

Assim que cheguei na escola , vi um aglomerado de pessoas em volta de um carro branco , parecia muito caro , um dos mais caros que se encontrava no estacionamento da escola . Isso era algo muito estranho , um carro novo , totalmente diferente dos outros alunos mas como em um rompante me lembrei que um tal de Justin fez transferência para essa escola . Resolvi ignorar essa minha conclusão , mais tarde iria saber de qualquer jeito .

Teria aula de Biologia agora , era uma das minhas matérias favoritas . Ano que vem me formaria , ano que vem começaria a estudar medicina . A sala aos poucos foi enchendo , assim que o professor entrou , junto a ele veio o aluno novo ... 

Ele era magro mas tinha músculos , pelo que pude perceber , seu cabelo era castanho mel assim como os olhos , ele era bem bonito ... 

-Sente ao lado dela senhor Bieber _professor James anunciou me tirando de meus pensamentos . Nesse momento eu comecei a soar , era sempre assim quando ficava perto de pessoas desconhecida e até mesmo conhecidas 

-Olá , eu sou Justin Bieber ? _ o garoto disse simpático , estendendo suas mãos que não peguei , não queria criar vínculos com ninguém e muito menos com um cara bonito que logo seria popular 

-sou Isabela Lewis 

-Bonito nome , posso te chamar de bela ? _perguntou sorrindo simpático , meu Deus ele não entende que eu não quero falar com ele e muito menos com ninguém 

-Podemos prestar atenção na aula ? Eu não sei você mas eu preciso passar de ano _finalizei começando a fazer anotações da aula 

Sentia seu olhar em mim , por isso não consegui presta tanta atenção na aula .Quando acabou suspirei aliviada ,na próxima aula eu tinha parceria com o Mason . 

-Bela , podemos ser amigos ? _assim que terminei de pegar as minhas coisas , ele perguntou , me olhava intensamente 

-Olha Justin , eu não sou garota pra andar com alguém como você _disse e sai correndo , essas palavras doeram em mim . 

Eu realmente não sou garota para andar com ele , não era merecedora para andar com alguém como ele , apesar de simpático ele nunca iria preferir andar comigo ... 

Mason e eu fizemos nossos exercícios de matemática rapidamente , por isso fomos liberado mais cedo para o recreio . Antes de sair da sala olhei para Justin , seus olhos estavam de encontro aos meus , estavam perdidos .

Me refugie na biblioteca , era o meu lugar preferido da escola , poucas pessoas o frequentavam. Logo que o sinal do recreio tocou , Justin entrou pela porta indo até a minha mesa . 

-Podemos conversar ? Não consegui entender porque não podemos ser amigos _ele disse de frente para mim 

-Como me achou aqui ? _desviei do assunto mas eu estava realmente curiosa 

-Imaginei ... Me diga porque não podemos ser amigos ? _perguntou novamente , suspirei porque o que eu ia dizer seria dificil pra mim 

-Justin , eu não quero ser sua amiga , você não é bom o bastante para andar comigo . Agora saia e não me incomode mais _voltei a ler meu livro e suspirei pesadamente assim que saiu 

Não olhei mais em seus olhos pelo resto do dia , ele iria superar bem o que eu disse , logo seria popular , uma inútil como eu não faria falta .

Assim que cheguei em casa corri pro meu quarto ... Deitada na minha cama , vi a burrada que fiz , eu era uma ignorante , eu merecia morrer mesmo , o garoto só queria ser gentil ... 

Corri pro meu banheiro atrás da minha navalha, seria o meu único conforto . suspirei aliviada vendo o sangue jorrar dos meus pulsos 

 


Notas Finais


Foi isso gente . Capitulo triste esse 💔
Me digam o que acharam please
Até a próxima ❤️


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...