História Um anjo pra me ajudar - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Tags Bts, J-hope
Exibições 23
Palavras 2.076
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Heterossexualidade, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Tenho uma fic com o Got7, espero que gostem dessa, comentem o que acharam e desculpa pelos erros.

Capítulo 1 - Os problemas começando.


Meu nome é Laura,18 anos, moro com minha mãe e minha irmã, Yuna que tem 3 anos, na verdade eu nasci no Brasil, meu pai é brasileiro, mas minha irmã é coreana pois o pai dela é da Coreia.
Trabalho em uma cafeteria, ganho pouco, mas com o salário meu e da minha mae juntos é o suficiente pra sobreviver bem. Meu pai morreu quando eu tinha 6 anos, o pai da Yuna, que é coreano, nos abandonou logo que soube que minha mãe estava grávida.
Hoje acordei as 6:00, e voltei do trabalho as 18:00
Mae: Oi! Como foi o trabalho hoje?
Laura: Foi bom! Cansativo também.
Mae: Vou buscar a Yuna na creche.
Laura: Não! Deixa que eu vou, você já deve ter trabalhado muito hoje, descanse!
Mãe: Mas você também trabalhou demais!
Laura: Não faz mal! Eu tenho bastante energia, e não estou cansada.
Mae: Tá me chamando de velha?
Laura: Não! Mas você intendeu.
 Dei um beijo em sua testa e fui para a creche.
Yuna: Oiii Laula.
Laura: Oi minha linda, como foi hoje?
Yuna: blinquei com minha amiguinha.
 Fomos pra um parque que é muito visitado em Seul, Yuna adora ir lá. Logo ela viu um sorveteiro.
Yuna: Eu quelo sorvete de chocolate.
Laura: Tá.
 Sentamos embaixo de uma árvore, Yuna ficou tomando seu sorvete, e eu fiquei refletindo sobre a vida. Derrepente uma bola veio em nossa direçao.
Yuna: Bola!
 Falou ela pegagando-a e correndo com a bola na mão.
Laura: Yuna! Espera! Essa bola não é sua!
Saí correndo atras dela, mas acabei se batendo em alguém.
-----: Desculpe, eu não te vi!
 Falou o Pessoa me ajudando a levantar.
Laura: Eu que lhe devo desculpas.
-----: Você viu uma bola por aí?
Laura: A sim! Está com minha irmã, ela saiu correndo com ela na mão...e...olha ela ali!
 Falei apontando pra ela que estava jogando a bola pra cima.
Laura: Yuna! A bola não é sua!
Yuna: mas eu quelo Blinca!
-----: Você deixa ela brincar um pouco com a gente ?
Laura: Sim...
-----: Meu nome é Jung Hoseok, pode me chamar de J-hope.
Laura: Laura...prazer!
Ele sorriu e eu retribui.
A Yuna ficou brincando com dois garotos, o outro se chamada Jin .Um tempo depois tivemos que ir embora.
 Fomos para casa, chegamos lá dei banho em Yuna e puis ela pra dormir. Aproveitei e já tomei um banho também, fui pra cozinha, o jantar já estava pronto. Mas minha mãe estava meio estranha
Laura: Mãe? Aconteceu algo?
Mae: Não.
Laura: Tem certeza? Você tá pálida.
 Derrepente ela cai no chão.
Laura: Maeeeee!
Entrei em desespero, peguei meu celular e liguei pra ambulância.
Logo depois, vieram buscar ela.
Moço da ambulância: Você vai junto ao hospital?
Laura: Mas minha irmã de três anos está dormindo ,não posso deixar uma criança sozinha!
Moço da ambulância: Não tem problema, levamos ela junto!
 Não pensei duas vezes e subi no quarto de Yuna pega-la.
Tempos depois, estavamos no hospital, o médico falou que farão os exames hoje , e os resultados estariam prontos amanhã , eu estava sentada na cadeira com Yuna no colo, que até agora não acordou, vieram até nós, falando que poderíamos ir pra casa, e ligarão pra mim amanhã!
 Hoje acordei com Yuna me chacoalhando.
Yuna: cadê a Mamãe?
Laura: ela teve uns imprevistos, mas logo vai voltar pra casa.
Yuna: Tô com fome!
 Lavei meu rosto, e fiz o café da manhã, hoje não irei trabalhar, e Yuna não irá à creche, liguei pro meu chefe justificando minha ausência o mesmo compreendeu.
Yuna estava assistindo Bob esponja, e eu estava lavando a louça. O telefone tocou e fui correndo atendê-lo, era o hospital.
Carinha do telefone: Olá senhorita Laura, preciso que venha até aqui pra pegar os exames, e temos que te falar algo.
 Fiquei muito nervosa.
Laura: Yuna, vou ir a um lugar e você irá junto.
Yuna: Quelo assisti bobsponga.
Laura: Depois você assiste.
Convenci ela, uns minutos depois já estávamos no hospital.
Medico: Senhorita, precisamos falar uma coisa seria.
Laura: Ai Meu Deus! Ela tá bem?
Medico: Sim! Você pode ver ela.
 Ele me levou até o quarto, onde a mesma estava deitada.
Mae: Oi filhas!
Yuna: Oi mamãe! Porque você tá deitada na cama Blanca?
Mae: Só descansando.
Laura: Oi mãe!você tá melhor?
Mãe: Sim!
 Ficamos conversando, até que o médico veio falar comigo.
Medico: presiso falar sobre os exames!
Laura: Tá
Yuna ficou com minha mãe , e eu saí do quarto pra falar com o médico.
Medico: Sua mãe terá que ficar internada, pra fazer o tratamento certinho aqui!
Laura: Como assim? O que ela tem?
Medico: Ela foi diagnosticada com câncer, e segundo as exames, a câncer já está manifestando pelo corpo.
Laura: Meu Deus! Mas ela vai ficar bem?
Medico: Se ela reagir bem ao tratamento, vai!
 Começei a chorar.
Medico: Calma! Ela vai ficar bem!
Laura: Obrigada...
Medico: Vamos fazer o máximo!
 Depois levei Yuna a creche, e eu fui trabalhar, cheguei atrasada mas justifiquei. E agora? Como que será sem minha mãe! Ainda mais que meu salário é muito pequeno, e sem o salário dela vai ser difícil. E a creche da Yuna? Como que vou pagar!
Cheguei em casa fiz algo pra comer, e fui pegar Yuna na creche
Yuna: Quelo blincar com a bola no parque!
Laura: hoje não vai dar! Vai chover!
Yuna: Odeio chuva!
 Dei banho em Yuna, também tomei o meu, e eu e ela ficamos no sofá assistindo desenhos comendo brigadeiro.
Até que recebo uma ligação,era do hospital.
Carinha do telefonema: senhorita Laura, preciso que venha até aqui o mais rápido possível!
 Aiiiii meu Deus o que aconteceu!
Paguei um táxi, e eu e Yuna fomos bem rápido pra lá, Yuna estava dormindo em meu colo.
Laura: Meu Deus o que aconteceu?
Medico: Sinto muito! Mas sua mãe não resistiu aos remédios,eram fortes demais e ela acabou sofrendo um derrame e provocou o falecimento. Meus pêsames.
 Começei a chorar chorar muito!
 J-HOPE ON
 Eu e Jin estávamos jogando um pouco de bola, que sempre fazemos no parque, ate que Jin chuta a bola, e ela foi parar longe! Fui atrás da mesma,mas não a achei, acabei esbarrando em alguém, em uma garota. Ela estava atrás de sua irmã, que estava com nossa bola brincando. A garota se chamava Laura, ela era tao linda, seus olhos brilhavam, era tao fofa. Perguntei a ela se a sua irmã, Yuna, poderia brincar com a gente, ela deixou, mas um pouco depois ela teve que ir embora.
Jin: Que fofa a Yuna neh?
Hope: Sim.
Jin: Eu reparei uma coisa!
Hope: O que?
Jin: Que você ficou olhando pra Laura.
 Deixei escapar um sorriso.
Hope: Ela é bonita.
Jin: Você sabe que é uma regra, o Manager nao pode descobrir que você está gostando dela, você pode ser eliminado do grupo.
Hope: Eu nao tô gostando dela!
Jin: Hmmmm ta.
Hope: Vamos?
Jin: Vamos.
 Chegamos no dormitório, Jimim e rap monster foram comprar lamen pra comermos, Jungkook, Suga e V estavam dançando igual uns loucos.
V: OIIIIIII!
Jin: Oi.
 Falou ele se jogando no sofá.
Jungkook: folgado
Jin: Tô cansado!
Suga: O que cançou tanto?
Hope: uma menininha, Yuna, quis brincar com a gente.
V: Que fofa.
Jin: É, a outra também era neh Hope?!
Hope: Ashi!
Jungkook: Que outra?
Jin: A irmã da menininha,Laura, o Hope não parava de olhar pra ela!
Suga e V: Hmmmm
Hope: Qual o problema de olhar?
 Jimin e Rapmonster chegaram.
Jimin: Chegamos!
Rapmonster: Tem até sorvete!
Jin: Eba! Vamos comer!
 Preparamos o lamen e ficamos comendo. Eu nem comi direito, so pensava na garota! Ashiii! Tira isso dá cabeça Hope!
Suga: Não vai comer Hope?
Hope: Não tô com fome.
Jin: Posso comer seu sorvete e o resto só seu lamen?
Hope: Pode! Eu já vou me arrumar pra dormir!
Tomei um banho, e deitei na cama, fiquei pensando na garota, até que peguei no sono.
 JIN ON
Ahiii! Será se o Hope ta assim por causa da Laura, mal se conhecem! Mas eu não posso falar nada,nunca gostei de alguém assim.
Rapmonster: Que deu nele?
Jin: Ele conheceu uma garota hoje e...
Jimin: Tá já entendi!
V: Ele não pode gostar de uma garota, pode ser eliminado do grupo.
Jin: Já falei pra ele.
Suga: Já acabei de comer! Vo tomar banho.
Jungkook: Vai que ta precisando!
Suga: Cala boca.
 Depois de um tempo todos já estávamos deitados. Amanhã vai ter ensaio do MV novo que vamos lançar no mês que vem, vai ser um dia cansativo.
LAURA ON
 Fui embora chorando, coloquei Yuna pra dormir e fui tomar banho, não sei como será  minha vida daqui pra frente sem minha mãe. Deitei pra dom ir mas fiquei se rebatendo a noite inteira.
2 SEMANAS DEPOIS LAURA ON
Não tenho mais direito o suficiente pra deixar a Yuna na creche, falto muito no trabalho e tenho medo de ser despedida. Nesses ultimos dias estou levando Yuna no meu trabalho. Mas ela fica enchendo o saco e gritando, e isso afasta os clientes.
Chefe: Essa criança está afastando os clientes, ou você arruma alguém pra cuidar dela ou vou te despedir.
Laura: Eu vou tomar as providencias.
Chefe: Acho bom!
 Não sei o que faço, quem vai cuidar dela, não tenho dinheiro pra Babá. Um tempo depois estávamos a caminho de casa.
Yuna: Vamo plo parque? Quelo sorvete.
Laura: Tá.
 Eu acho que tinha um trocadilho pra sorvete.
HOJE ON
 Faz duas semanas que não vejo a garota, ando muito ocupado ansiando e nunca mais fui no parque.
Jungkook: Tô com saudade de sair.
Suga: Eu também.
Jin: Porque não vamos no parque, jogar bola?
V: Boa ideia!
 Se arrumamos e fomos. Seria bom se a garota estivese lá.
LAURA ON
Sentamos embaixo da mesma árvore do último dia, e fiquei pensando na vida, como ela seria daqui pra frente,as coisas estão complicando ainda mais.
Yuna: Olha Laula! Os galoto daquele dia.
 Hope, Jin e mais um outros estavam lá, jogando bola.
 Yuna saiu correndo em direção deles.
HOPE ON
Jin: Olha a Yuna!
 Vi ela correndo em nossa direção.
Yuna: Hopeeee!
 Falou ela me abraçando, logo atrás vi Laura vindo pra cá. Meu coração acelerou. Ela estava com uma cara meio triste, mas achei melhor não perguntar. Yuna foi correndo abraçar os outros.
Hope: Oi Laura.
Laura: Oi!
 Falou ela corada.
Laura: Ela gosta de você neh!?
Hope: Sim. Vem! Vou te apresentar os outros.
 Peguei em sua mão e a puxei delicadamente pra junto dos meninos.
Jungokook: Oi sou Jungkook.
Rapmonster: Sou Namjoon, mas pode me chamar de Rap Monster.
Jimin: Me chamo Jimin
V: Taehyung, mas é melhor e V.
Suga: Meu nome Min Yoongi,mas prefiro Suga.
Laura: Sou Laura.
Jin: Você não é coreana neh?
Laura: Não, sou brasileira, com descendência coreana.
Yuna: Vamo blinca, eu quelo blinca!
 Todos foram brincar com Yuna, mas eu preferi fazer companhia a Laura.
 Hope: Você não nos conhece?
Laura: Acabei de conhecer!
Hope: Então, nos fazemos parte de um grupo de K pop.
Laura: Então são k-idols.
Hope: Sim.
Laura: Eu já ouvi falar em k-pop, mas nunca me interessei,vou pesquisar mais sobre vocês.
Hope: BTS, o nome do grupo.
Laura: Que legal.
 Ela deu um sorriso fofo.
Hope: Você mora sozinha?
Laura: Agora sim. Só com Yuna.
 Ela baixou a cabeça.
Hope: Desculpa, falei algo errado?
Laura: Não.
 Ela forçou um sorriso.
Hope: Desculpa!
Laura: Fiquei assim por causa que faz algumas semanas que minha mãe morreu, desculpa eu não devia te contar isso, acabei de lhe conhecer.
Hope: Desculpa.
 Ela sorriu e trocou de assunto.
Laura: Vamos se juntar a eles?
 Falou ela se referindo a Yuna e os meninos.
Hope: Vamos.
 Ajudei ela a levantar. Ficamos se divertindo até ficar escuro.
Yuna: Tô com sono.
 Falou Yuna coçando os olhos.
Laura: Acho melhor irmos embora.
Hope: Eu te acompanho.
Laura: Não quero ser encomodo.
Hope: Naa vai ter problema.
 Ela afirmou com a cabeça.
Laura: Tchau pessoal.
Todos: Tchau.
 A casa dela não era tao longe, mas uma menina tão linda não pode andar sozinha.
Laura: Obrigada Hope.
Hope: De nada! Foi muito legal hoje.
Laura: Foi.
Hope: Tcahu Yuna.
Yuna: Tchau.
 Falou ela me dando um abraço.
Sorri pra Laura, a mesma retribuiu e corou.
LAURA ON
Entrei em casa e levei Yuna pra dormir, apaguei as luzes e fui deitar,fiquei pensando em Hope, será que estou gostando dele.


Notas Finais


Até o próximo.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...