História Um Ano "Poderoso" - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Originais, Poderes
Visualizações 4
Palavras 407
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Escolar, Fantasia, Ficção, Luta, Magia, Romance e Novela
Avisos: Canibalismo, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


P.D.V : ponto de vista

Capítulo 4 - Vida Amorosa


~~Pedro P.D.V~~

Eu tinha acordado, tava todos dormindo ainda, exceto o Marcos, nos ficamos conversando nada com nada, falando sobre o que tinha acontecido, e criando teorias para as coisas, eu falei que esse lugar era a terra destruída, o Marcos falava que nos na verdade somos clones e estamos presos em cápsulas, nada fazia sentido, depois, nós começamos a falar de namoro, o "nós" era praticamente só eu, porque eu estava gostando de uma garota, e o Marcos como meu melhor amigo, eu contei a ele, mas, ele n gostava de falar daquilo, parece que tinha acontecido algo com ele, o Marcos intendi muito mais de mim do que eu dele...

Pedro : Ei, porque você nunca fala da sua vida amorosa? falta só tu me disser que nunca ficou afim de alguém?

Marcos : claro que já fiquei afim de alguém, mas acabei pegando um trama...

Pedro : falta tu me disser que só por que recebeu um "Não" ficou traumatizado.

Marcos : não é isso, na verdade é o contrario, ela quis namorar comigo, só que não foi do jeito que eu queria...

Pedro : como assim?

Marcos : é que ela... ( uma porta se abre atras do Marcos, ele no susto, se levanta e se afasta,Dois robôs saem de lá, mas ele não eram iguais aos de antes, tinham roupas de empregadas)

Robô 1 : OLA, EU SOU O ROBÔ ALFA, ESSE É O ROBÔ BETA, NOS SEREMOS SEUS EMPREGADOS.

Marcos : temos empregado- (antes que o Marcos terminasse de falar, o robô joga água em todos do quarto)

Juan (é Juan,Mas se pronuncia Ruan, ok <3) : QUE POHA É ESSA

Os robôs passam por todos em uma velocidade impressionante, ao ponto, de eu piscar de olho, e eu sentir como se eu nunca tivesse tocado em uma sujeira na vida.

Pedro : Banho? Really?

Robôs Beta : vamos agora para o quarto das meninas, podem sair, sinta-se em casa, mas na verdade, essa é sua casa daqui em diante xD

Nos estávamos saindo para explorar o colégio, não era lá essas coisas, eu continuava a conversar da vida amorosa, aí eu me lembrei que o Marcos

Pedro : Marcos, oque tinha a mina que tu gostava?

Marcos tira a camisa leve mente, o Pedro confuso se perguntava por que tava fazendo isso, quando ele tirou... tinha varias cicatrizes no corpo dele

Marcos : ela me fez de escravo de tortura...


Notas Finais


Pesadinho


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...