História Um Cantor Em Minha Vida - Capítulo 24


Escrita por: ~ e ~FelippeSykes

Postado
Categorias Naruto
Personagens Hinata Hyuuga, Ino Yamanaka, Naruto Uzumaki, Personagens Originais, Sai, Sakura Haruno, Sasuke Uchiha
Tags Hentai, Musical, Romance, Sasusaku
Exibições 258
Palavras 1.365
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Festa, Hentai, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 24 - Conclusão


Quando Sakura viu o que estava fazendo, ela interrompeu o moreno, enquanto falava:

_ Espera Sasuke, a gente tem muito que conversar.

Sasuke se levantou de cima da garota, corado, ele estava com vergonha da sua atitude, o silêncio passou a reinar ali, nenhum dos dois falava nada, Sakura percebendo que o Uchiha não ia abrir a boca, disse:

_ Então, como vai ser daqui pra frente?

_ Não sei.

Sasuke olhava para o chão, enquanto a rosada olhava para ele, ela queria muito resolver aquela situação, por isso disse:

_ A gente se ama não é? Então, porque não ficamos juntos, logo?

_ É, mas como você disse, ainda tem a Hana.

_ Você vai resolver a sua situação, com ela.

_ Eu já a disse, que eu não a amo mais, mas ela parece que não entende.

Sasuke olhou para a rosada, ele não queria demostrar, mas por dentro ele estava desesperado, sua vontade era de sair correndo dali e se trancar em seu quarto, ele tinha medo de a Sakura sair dali e não ter resolvido nada.

_ Não precisa ficar assim. – Sakura falou colocando a sua mão, em cima da mão dele.

_ Assim como?

_ Você acha que me engana, Sasuke, mas não me engana você está desesperado.

_ Tem certeza, que você faz faculdade de medicina?

_ Tenho, por quê?

_ Quem não me garante que você, não é uma investigadora.

_ Você esta assistindo serie policial, demais.

Ambos riram do que a garota tinha falado, quando o moreno ia respondê-la, a campainha da casa dele tocou.

_ Espera aí, que eu já volto. – Ele disse enquanto se levantava.

_ Tá.

Sasuke caminhou até a sua porta, e a abriu, quando ele abriu a porta, viu que quem estava parado ali na frente, era o Naruto.

O mesmo usava uma camiseta do nirvana, e uma calça praticamente toda rasgada, Sasuke então perguntou:

_ Que foi? Virou mendigo?

_ Você é muito engraçado Sasuke, posso entrar?

Sasuke deu passagem para o amigo, que entrou na casa do moreno, assim que ele viu a Sakura ali parada, sentada no sofá do Uchiha, ele gritou:

_ CARA O NOSSO PLANO DEU CERTO!

Sakura bateu a sua mão na sua cara, seu melhor amigo, era um verdadeiro idiota.

_ A gente só estar conversando, Naruto... E que roupa, é essa?

_ Ele virou mendigo. – Sasuke respondeu a Sakura enquanto sentava ao lado dela.

_ Não, eu não virei mendigo, isso aqui se chama moda grunge.

_ Moda, é? Vejo que você, não entende o conceito de moda.

_ E você por acaso, entende? Pelo que eu me lembre, não. – Naruto falou.

_ Não, eu realmente não entendo de moda, mas a Ino, ela entende.

_ Agora fala o que você veio fazer aqui? – Sasuke perguntou ao seu amigo, que se sentou ao lado dele.

_ Cara você sabe, como vida de artista é né? Então, o chato do Orochimaru, conseguiu arranjar, uma entrevista na tv, pra gente.

_ Como?

_ Não sei, segundo ele, foi com as suas técnicas especiais.

Sasuke balançou sua cabeça negativamente, quando o Orochimaru falava nessas técnicas, era porque tinha coisa errada ali.

_ E quando vai ser? Em que canal? – Sakura perguntou curiosa.

_ Vamos gravar essa quinta, mas não se sabe quando vai passar.

_ Poxa. E em que canal, Naruto? – Ela perguntou novamente.

_ Sabe que eu nem lembro o nome.

Sakura revirou os olhos, ela já estava começando a perder a sua pouca paciência, com o Naruto.

_ Fica tranquila, que eu te falo. – Sasuke respondeu a Sakura.

Ambos ficaram se olhando enquanto sorriam, Naruto vendo que estava segurando vela, simplesmente se levantou do sofá, e disse:

_Bom, eu já vou, tenho alguns assuntos pessoais pra resolver, e ah Sasuke, se for transar, lembre-se da camisinha hein? Não quero ser tio tão cedo.

Sakura virou o rosto corada, como era que o Naruto conseguia pensar em algo pervertido, se bem que se ela não tivesse interrompido aquele beijo, essa hora os dois estariam fazendo sexo.

Naruto saiu da casa do moreno, deixando os dois sozinhos novamente, e com isso o silêncio voltou a reinar naquela sala, até que Sasuke resolveu perguntar:

_ Então... Você já se resolveu com o Sasori, não é?

_ Sim, agora só falta você se resolver com a Hana.

_ Depois de tudo resolvido, a gente volta, não volta?

_ Sim, a gente volta.

Sakura respondeu sorrindo para o moreno, ela estava se sentindo aliava, por essa situação entre os dois estavam se resolvendo.

_ Bom, eu tenho que ir, preciso terminar o meu tcc.

_ Então, já estar terminando o curso, não é?

_ É em breve eu vou me formar. – Ela disse animada.

_ Parabéns, te desejo toda sorte do mundo.

_ Obrigada, eu também desejo a você.

Ele se levantou e a acompanhou até a porta, eles se abraçaram e depois o moreno, deu um beijo na testa dela, e ela foi embora.

Sasuke voltou a sentar no sofá, aquela serenata tinha sim dado certo, agora ele teria que resolver o problema com a Hana.

_ Mas como? – Ele se perguntou enquanto olhava para o teto.

Sakura estava caminhando em direção a sua casa, ela sentia seu coração mais leve depois daquela conversa com ele, e tinha esperanças que a situação entre eles voltasse a ser como era antes.

Quando ela chegou em casa, viu que os seus pais não estavam, por isso ela resolveu ir logo para o seu quarto terminar o seu tcc.

Depois de algumas horas, ela conseguiu terminar o seu trabalho, e por isso comemorou levantando suas mãos para o alto.

Como estava com muita fome, Sakura resolveu ir para a cozinha lanchar, ela abriu a porta da geladeira e ficou parada ali durante alguns segundos.

_ Não tem nada de bom nessa casa, não?

_ Se você está se referindo a besteira, não, não tem.

Sakura olhou para trás, e viu sua mãe colocando várias sacolas em cima da pia, como era curiosa, perguntou:
_ O que é isso?

_ Não está vendo? São sacolas, Sakura.

_ Eu estou perguntando, o que tem dentro delas?

_ Pode esquecendo, que aqui não tem nada de besteiras.

_ Nem um salgadinho. – Ela perguntou a sua mãe fazendo o numero um, com a sua mão.

A mãe da rosada negou com a cabeça, fazendo a menina entortar a boca, de frustação.

_ Não devia estar terminando, o seu tcc? – A mãe dela perguntou.

_ Terminei.

_ Tão rápido?

_ Sim, afinal segundo a senhora, eu não faço nada mesmo, então resolvi terminar aquela merda, logo.

_ Sim Sakura, você não faz nada, a não ser ficar saindo com a Ino, ou se encontrando com aquele ruivo.

_ Ah tanto faz.

Ela falou enquanto abria o armário, a procura de comida, enquanto sua mãe a olhava.

_ O que foi? – Sakura perguntou.

_ Quero saber se a senhorita, não vai me ajudar a guardar as compras...

_ Tem algo pra mim? Não né, então não vou ajudar. – Ela falou voltando a olhar para o armário.

_ Sakura... – Mebuki falou entre os dentes, fazendo com que a rosada, fechasse o armário e falasse:

_ Okay, eu ajudo.

Assim que elas terminaram de guardar as compras, o pai da rosada apareceu na cozinha e entregou uma sacola a Sakura, onde havia duas coxinhas.

_ Obrigada pai! – Sakura disse animada, enquanto o abraçava.

_ Kizashi! Eu já falei, para não comprar essas coisas pra ela.

_ Meu metabolismo é rápido, não vou engordar. – Ela respondeu a sua mãe, assim que largou o seu pai.

_ O problema não é esse Sakura, o problema é sua saúde.

_ E daí, uma vez só não faz mal. – Kizashi respondeu e Sakura concordou com a cabeça.

_ Eu estou feita, com vocês dois. – Mebuki disse enquanto saia da cozinha.

Sasuke dava uma volta pelo quarteirão, enquanto pensava no que fazer com a Hana, ele precisava dar um jeito naquela situação, que simplesmente já estava o irritando.

_ Você fica lindo distraído...

Sasuke olhou para a sua frente, e lá estava à loira, caminhando na sua direção e com um sorriso malicioso nos lábios.

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...