História Um castiel em minha vida - Capítulo 35


Escrita por: ~

Postado
Categorias Amor Doce
Exibições 16
Palavras 993
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Colegial, Escolar, Famí­lia, Festa, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Mutilação, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Olaa,me matem se quiserem,mais antes leia o capítulo.
beijinhos

Capítulo 35 - Tudo vai dar certo


Fanfic / Fanfiction Um castiel em minha vida - Capítulo 35 - Tudo vai dar certo

Depois de alguns dias agitados de conhecer os pais do castiel,estar escondendo um cachorro na escola e da gravidez inesperada de Rosalya estava ficando maluca eu queria ter 6 anos e estar andando de bicicleta com meu pai,acho que a vida de adulto que está prestes a chegar para mim,além da bebedeira,da liberdade do sexo e etc. Temos que pensar no compromisso,na responsabilidade é nas preocupações.

Hoje acordei com a mel lambendo meu pé ela está se acostumando aqui não late muito,mais temos que ver oque faremos com ela

íris– bom dia

Carol– bom dia

Rosa– bom dia

.......

Íris– que ânimo

Rosa– qual,motivo para se animar

Carol– você já contou para o leigh que está grávida?

Rosa– não

Carol– e você não vai falar,é isso mesmo

Rosa– eu vou falar, não vai dar para esconder por muito tempo

Carol– ok

Íris– vamos para aula ou não?

Carol– sim

Rosa– você vai deixar a mel aqui

Carol– não sei,tenho que arrumar alguém confiável para ficar com ela

Tomei um banho e fomos para aula às aulas chatas como sempre,na penúltima aula fui falar com castiel

Carol– você sabe dá debrah?

Castiel– eu acho que ela tá presa,mais também nem quero saber,por que?

Carol– por nada

Castiel– agora sai de cima da minha mesa

Carol– nossa....ok (volto para o meu lugar é o professor de geografia chega na sala)

???– sem enrolação,quero trios,livros página 126.

Íris– rol,eu você e rosa

Carol– sim

.......

Rosa– alguém sabe o que é isso?

Íris– passa isso pra ca (ela pega o livro de Rosalya)

Carol– falou a nerd

Íris– lógico eu estudo

Carol– quando você vai contar para Leigh?

Rosa– você sabe que ele tá bem aqui atrás né,eu vou contar hoje eu acho

Íris– viu vocês só falam de vida pessoal,e não estudam

Rosa– haha muito engraçado,vamo logo com isso

Íris– pronto tá ótimo

.......

Voltamos para o quarto,após a última aula

Íris– meus pais vão me buscar no fim de semana que porcaria

Carol– porcaria nada,daria tudo para sair daqui

Rosa– eu também

Carol– você tem coisas mais importantes para pensar

Rosa– me deixa em paz

Íris– eu,vou ver thomas

Carol– o casal que alugou a minha casa,quer um cachorro,vou dar a mel para eles

Rosa– ok,carol....

Carol– oi

Rosa– eu vou falar com leigh,eu não posso esconder isso dele

Carol– ok,você está fazendo oque e certo

P.O.V. Rosalya

Fui para o quarto de leigh ele é lysandre estavam lá

Leigh– oi

Rosa– oi eu,quero falar com você

Leigh– ok pode falar

Rosa– lys,vc pode dar um minutinhos para gente

Lys– ok cunhadinha (ele sai)

Leigh– fala

Rosa– aquele dia que agente foi para piscina e depois para um hotel

Leigh– oque que tem?

Rosa– agente não usou camisinha

Leigh– não por que?

Rosa– eu esqueci de tomar pílula...  eu tô grávida

Leigh– você tá.... Grávida

Rosa– foi um deslize eu não queria....

Leigh– pera,calma eu sei que não era oque agente esperava,mais só oque agente pode fazer é aproveitar.....

Rosa– isso vai mudar tudo,eu posso ser espulsa e não vão deixar eu ficar aqui grávida

Leigh– eu não sei oque fazer, alguém sabe disso além de mim

Rosa– a carol e a íris

Leigh– oque elas falaram

Rosa– pediram para eu falar com você

Leigh– a quanto tempo,você descobriu

Rosa– uma semana mais ou menos

Leigh– e só veio me contar agora

Eu começo a chorar

Rosa– eu estava com medo

Leigh– não chora (ele me abraça forte) eu to aqui,eu vou cuidar de você....de vocês

Rosa– oque eu vou fazer

Leigh– acho que você deveria falar com sua com seus pais

Rosa– meus pais vão ficar contra mim com certeza

Leigh– vai ser eles,contra eu e você

Rosa– eu te amo (me agarro no peito dele até parar de chorar)

Rosa– eu vou chamar o lys

Lysandre estava no corredor chamei ele de volta pro quarto

Lys– está tudo bem?

Rosa– percebeu minha cara de choro (Leigh olha para mim e eu aceno a cabeça com sinal de sim para ele falar para lysandre)

Leigh– agente tem uma novidade

Lys– oque?

Leigh– você vai ser tio

Lys– eu oque?

Leigh– isso mesmo que você ouviu

Lys– você tá grávida?

Rosa– sim (dou uma risadinha)

Lys– que legal, parabéns pra vocês,pra mim

Rosa– você ficou feliz

Lys– lógico,um sobrinho ou sobrinha

Leigh– temos tanta coisa pra resolver

Rosa– sim

Leigh– mais agente vai conseguir juntos

Rosa– ok

P.V.O carolina

Fiquei esperando rosa no quarto,quando ela chegou

Carol– e aí,como foi?

Rosa– melhor do que eu imaginava,ele falou que agente vai dar um jeito e ficou todo feliz (ela deu um sorrisinho)

Carol– que bom,eu falei que seria melhor contar

Rosa– agora tenho que falar com meus pais,eu não quero sair dá escola,quero terminar meus estudos

Carol– agente vai dar um jeito

Rosa– foi isso que o leigh falou

Carol– agente sempre dá um jeito não é

Rosa– ai,obrigada amiga eu não sei oque seria de mim sem você (ela me abraça)

Carol– de nada (retribui o abraço) agora agente tem tanta coisa pra fazer

Rosa– tem mesmo,acho que vou ligar para minha mãe

Ela pegou o celular é ligou para mãe dela,e pela cara dela,a reação dá mãe dela não foi muito boa

Rosa– eu não vou fazer isso,você tá louca,você não tem amor no coração, eu não sou você,que deixou a sua filha a vida toda num colégio interno (ela desliga o celular é o taca na parede)

Carol– ROSALYA (vou até ela que estava sentada na cama) oque ela disse?

Rosa– disse que era para eu tirar,que não queria que eu passasse pelo que ela passou,minha mãe me teve ela tinha mais ou menos a minha idade e eu não fui desejada ela nunca me amou,mais eu não vou deixar isso acontecer,minha filha ou filho vai nascer e vai ser muito amado não importa oque aconteça,eu não preciso da minha família me causando mais problema

Carol– é assim que se diz,essa criança já tem uma família,nós que estamos aqui do seu lado para oque der e vinher

Rosa– para,você vai me fazer chorar

Carol– vem aqui (abraço ela de novo)

CONTINUA........


Notas Finais


Enfim é isso hj tem mais um pouquinho

Bjs 😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...