História Um dia na vida real - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Visualizações 3
Palavras 458
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Violência, Yuri
Avisos: Heterossexualidade, Homossexualidade, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Os 4 primeiros capítulos falará sobre o passado dos personagens, se quiser pular vá para o cap 5.
Certas partes dessa Fanfic (principalmente o 4 primeiros caps.) São faftos reais da minha vida.

Capítulo 1 - Início - Matheus


Descrição Matheus:

Sou Matheus tenho 18 anos e essa é minha história, para me apresentar, tenho que voltar 5 anos, para você descobrir minha personalidade, mas para aparência, tenho cabelo e olhos castanho escuro, e sou extremamente adaptável e aprendo rápido. Vamos começar.

 

5 anos antes:

Vou com minha prima Maxine para a casa do meu pai, ultimamente tenho me sentido estranho, sempre me cobraram demais, me disseram que eu sei disso ou daquilo, que eu entendo porque dos meus pais se separarem, que eu sou diferente, mais maturo, e ach-

Julia tira Matheus de seus pensamentos falando:

 -Matheus!

 -O que, já chegamos?

 -Não cara, estou te chamando a meia hora, empresta o celular para mim ouvir umas músicas?

 -Max, não vê que eu estou ouvindo

 -Ha, não, tu estava dormindo

 -Não, eu estava pensando, e para isso eu preciso do fone

 -Aff, tá então empresta um dos lados

 -Certo

Continuando, maldita Max, não lembro o que eu tava pensando, enfim, o que o pai ta planejando pra nós hoje, é sempre um mistério

 

1 mês depois:

Minha vó aparece desesperada na minha sala, eu estava no meio da aula, eu saio para falar com ela e ela me diz

 -Matheus tua tia foi assaltada, eu e teu vô vamos passar lá em arroio do sal para ver como ela está. Quando sair passa na casa do teu primo

 -Ok. Digo eu preocupado e irritado, eu odiava meu primo Jorge, ele era uma peste adorava me irritar, quando éramos pequenos brigávamos toda vez que ele vinha, eu não era de reagir, sempre fui mais passional, e ele era o oposto de mim, bem, que escolha eu tinha

 

2 meses depois

Em casa de novo, minha tia está morando aqui por enquanto por causa do assalto, enfime. Era para o meu pai me pegar todo fim de semana, faz 3 meses desde a última visita, minha mãe não botou ele na justiça para pagar pensão (o que ele não faz) porque na última vez que ela fez, ele fugiu pra fora do estado e se fizesse isso eu não iria ver ele mais. Mas eu vou pedir para ela botar ele na justiça,

A minha vó me pergunta.

 -Matheus, onde está tua bicicleta

 -Não está no depósito? Digo prestando atenção no meu notebook

  -Não

  -Hum, depois eu procuro, mas deve estar aqui em casa.

Eu digo despreocupado, eu tinha duas bicicletas, uma velha torta e enferrujada e uma nova, eu gostava de andar de bicicleta para refletir, eu estava mal, sempre sentia como se algo estivesse errado, como se algo faltasse, eu não sabia como explicar, e ainda não sei, a única que sabe disso é a Maxine, eu conto tudo para ela, até meu maior segredo que era...


Notas Finais


E Então, o que acharam


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...